Em luta tensa e inteligente, Patrício Pitbull vence e avança do GP dos Penas do Bellator

Artur Dantas,

Atual campeão em duas categorias distintas do Bellator -  penas e leves - Patrício Piitbull estreou no GP dos penas da organização neste sábado (28), horário dos Estados Unidos, e derrotou sem maiores problemas Juan Archuleta, em Inglewood, Califórnia. Apesar de uma luta estratégica, e em certos momentos travada, Patrício conseguiu pontuar, machucar o oponente e colocar em prática o seu jogo. Com resultado de duplo 49-46 e um 50-45, o potiguar avança no Grand Prix que vale US$ 1 milhão.

Apesar do resultado, a luta teve momentos tensos, em especial para o brasileiro que tinha muito a perder em caso de derrota. Lembrando que o nocauteador Archuleta vinha de 18 vitórias consecutivas, dentre elas um nocaute contra Dudu Dantas, em junho deste ano.

É bem verdade que Archutela entrou sem tempo de luta e sem distância para golpear Patrício, que fez um combate mais cadenciado, sem correr riscos, mas com contundência de sempre.

Por vários momentos, Pitbull mostrou um jogo afiado nas áreas que já brilha comumente - jiu-jitsu e boxe-, mas com fortes pinceladas de karatê, jogando um pouco mais plantado e com excelentes entradas e contragolpes, além do wrestling, lapidado por Eric Albarrcin.

Por falar em luta agarrada, ao final do combate Patrício se dirigiu em inglês a Darrion Caldwell, que venceu Henry Corrales momentos antes, e perguntou: “O quê você achou do meu wrestling? Você viu meu jogo de quedas?”, causando uma resposta imediata do ex-campeão peso galo do Bellator: “Quer lutar comigo em dezembro?”.

Próxima luta de Patrício marcada para março

Antes da luta principal do UFC 228, entre Lyoto Machida e Gegard Mousasi, o Bellator inovou muito em um novo formato do GP. Os lutadores que fazem parte participaram de um sorteio no qual, de acordo com a ordem, iam escolhendo entre uma data para a próxima luta ou um adversário. Sendo assim, Patrício decidiu lutar com Pedro Carvalho em março de 2020.

Para quem não lembra, o português faz parte da Straight Blast Gym Ireland (SBG), que tem como um dos principais treinadores John Kavanagh, coach de ninguém menos que Conor Mcgregor.

Aposta do Gladius

A a posta do Gladius é que a final do GP dos penas seja entre Patrício Pitbull e A.J. McKee, que anotou o segundo nocaute mais rápido da história do Bellator ao superar hoje Georgi Karakhanyan em apenas 8 segundos.

McKee tem apenas 24 anos, é uma cria do Bellator e está invicto em 15 combates. Um confronto entre os dois seria um suspiro de novidade entre os os penas que, no passado, foi criticado por reunir sempre os mesmos lutadores que lutavam entre si às vezes por mais de uma vez, como foi o caso de Patrício com Wilson Reis, Daniel Straus e Pat Curran, apesar de render sempre boas lutas.


Tags: Bellator 228 GP Juan Archuleta Patrício Pitbull
A+ A-