O futebol catarinense volta a ser interrrompido pelas autoridades da saúde

Edmo Sinedino,

Vejo a notícia no Globoesporte. O Campeonato de Santa Catarina recomeçou, mas foi interrompido novamente. 14 casos de Covid foram confirmados na Chapecoense, além do técnico do Marcílio Dias, Moisés Egert; Patrick, jogador do Figueirense; dois atletas do Figueirense que não tiveram seus nomes revelados.

E logo, evidente, me remeto ao futebol do RN que tem seus treinos liberados para o dia 15 de julho, muito provavelmente o recomeço do Estadual em agosto. Será que não corremos esse risco? Qual a segurança que teremos em relação a equipes que não têm condição de fazer os testes como se deve?

A notícia vem de Santa Catarina, estado do sul maravilha, de um campeonato que tem o apoio de verdade da federação, e onde as condições dos clubes não podem ser comparadas às nossas, pois estão em situação muito melhor. Aqui nós temos José Vanildo, na opinião dos desportistas, o pior presidente de nossa história, imaginem vocês, então, os riscos que corremos.


Tags: campeonato corona jose vanildo santa catarina
A+ A-