Como vai o América contra o Palmeiras?

Edmo Sinedino,

Contra o Palmeiras hoje no Pacaembu.

Como vai o América?

Na defensiva, claro.

Três volantes de passe ruim.

Duas opções de jogada: Wanderson e Norberto. Espero que funcione.

Um meia de criação – Chiquinho Gaúcho – que até agora não rendeu. E um meia atacante – Vinícius Pacheco.

Na frente mesmo só o Adriano Pardal. Para resolver. E se não render, coitado, bem capaz de não ter mais chances.

O América bem que poderia arriscar mais.

O time vai ser Andrey, Norberto, Cléber, Edson Rocha e Wanderson; Mazinho, Daniel e Coutinho; Chiquinho e Vinícius Pacheco; Adriano Pardal.

Assim,  uma espécie de 4-3-2-1 ou 4-5-1.



A resposta da Justiça ao presidente da AGAP/RN, Edmundo Pereira

Edmo Sinedino,

Para quem gosta das coisas bem explicadas, veja a lição de democracia dada pela juíza Ana Cláudia Florêncio Waic ao presidente da AGAP, Edmundo Pereira.

Ele me processou, exigiu R$ 20 mil como indenização.

A minha defesa foi feita pelo me sobrinho, advogado Tiago Mafra Sinedino.

Abaixo, na íntegra, a decisão:

Poder Judiciário

Estado do Rio Grande do Norte

10º Juizado Especial Cível Central da Comarca de Natal

Av. Duque de Caxias, 151, Ribeira, CEP 59012-200, Natal/RN

SISTEMA CNJ (Processo Judicial Digital - Projudi) - https://projudi.tjrn.gov.br/projudi/

SENTENÇA

Processo n° 0011824-67.2013.820.0001

Promovente: EDMUNDO PEREIRA

Promovido(a): EDMO SINEDINO

  Dispensado relatório na forma do art. 38, caput, da Lei n° 9.099/95. Necessário se faz, no entanto, breve síntese da pretensão encartada na inicial.

EDMUNDO PEREIRA ajuizou a presente ação em face de EDMO SINEDINO alegando, em síntese, que o réu injuriou e difamou a pessoa do autor em seu blog, razão pela qual pleiteia a condenação do Requerido ao pagamento de uma indenização pelos danos morais.

A parte Demandada, por sua vez, alega que não realizou qualquer ofensa à Demandante, tendo em vista que sua conduta se limitou a cobrança pública das contas da entidade, razão pela qual pugna pela total improcedência da ação.

É o que importa relatar. Passo a decidir.

Compulsando-se os autos, verifica-se que a presente lide cinge-se à matéria de Responsabilização Civil envolvendo pretensão meramente indenizatória em razão dos supostos danos morais resultantes de uma atuação ilícita por parte do Requerido.

Atinente à indenização por danos morais dispõe o art. 186 do Novo Código Civil que fica obrigado a reparar o dano aquele que, por ação ou omissão voluntária, negligência, ou imprudência, violar direito, ou causar prejuízo a outrem. A reparação de danos materiais e morais encontra-se prevista em nossa Carta Magna, em seu artigo 5º, incisos V e X, sendo os requisitos para a imposição da responsabilidade civil e a consequente obrigação de indenizar uma conduta danosa, um dano e o nexo de causalidade entre aquela e este.

No que concerne ao primeiro requisito mencionado, relativamente à conduta ofensiva à imagem e à honra da parte Demandante, urge destacar que não restou evidenciada nos autos a ocorrência de uma atuação ilícita por parte do Requerido, limitando-se o Demandado a indagar a gestão da parte autora como Presidente de uma associação.

Nesse sentido, deveria o Requerente estar ciente da possibilidade de discussão do assunto ao assumir a função de Presidente da Associação, pois que a administração do gestor de entidade pública deve ser submetida ao crivo dos geridos, que lhe outorgaram poder para tanto, bem como de toda a sociedade, vez que os recursos ali dispendidos são oriundos de uma entidade pública e, portanto, devem ter a devida transparência na sua prestação de contas. Tal conduta, antes de ser uma faculdade do gestor, é um dever e obrigação de qualquer pessoa que esteja na direção de uma instituição que opere recursos públicos. Ora, em momento algum se visualiza fato ofensivo à sua imagem que não tenha sido decorrente de sua própria conduta, ao não tornar pública e acessível aos interessados a prestação de contas de sua gestão.

É inadmissível que uma associação de caráter e fins públicos tenha a sua prestação de contas realizada apenas junto ao conselho fiscal da própria entidade, sem que tal fato chegue ao conhecimento do público em geral ou qualquer outra pessoa interessada, não havendo, sequer, a publicação desta prestação de contas através de qualquer meio que esteja ao alcance de qualquer pessoa que demonstre o interesse pelo seu conhecimento.

Nos dias atuais, de movimentações e protestos realizados pela sociedade civil, e sob a égide das novas regras estabelecidas pela  lei de transparência dos serviços e gastos públicos, não há lugar para entidades que lidam com recursos públicos não venham a realizar a publicação da prestação de contas de tais recursos, se não por legalidade, mas sim por moralidade, transparência e ética, atendendo aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência estabelecidos no art. 37, caput, da Constituição Federal.

No mesmo diapasão, ainda que o Demandante alegue o constrangimento decorrente da insatisfação do réu, destaque-se que em nenhum momento a sua honra foi atacada, apenas fazendo-se alusão à sua condição de gestor. As críticas, apesar de ácidas, não denigrem a imagem pessoal do autor

Ausente, pois, o ato lesivo suscitado pela Requerente, desnecessária a discussão acerca da configuração dos demais requisitos inerentes à Responsabilização Civil do Requerido.

À título de complementação, segundo o doutrinador CAVALIERI FILHO1:

?Mero dissabor, aborrecimento, mágoa, irritação ou sensibilidade exacerbada estão fora da órbita do dano moral, porquanto, além de fazerem parte da normalidade do nosso dia-a-dia, no trabalho, no trânsito, entre os amigos e até no ambiente familiar, tais situações não são intensas e duradouras, a ponto de romper o equilíbrio psicológico do indivíduo".

DISPOSITIVO

Em face do exposto, JULGO IMPROCEDENTE a pretensão encartada na inicial.

Sem custas e Sem honorários advocatícios sucumbenciais, em observância às determinações dos arts. 54 e 55 da Lei nº 9.099/95.

Publique-se. Registre-se. Intimem-se.

Natal, 26 de Setembro de 2013.

(documento assinado digitalmente na forma da Lei n°11.419/06)

Ana Cláudia Florêncio Waick

Juíza de Direito



Roberto Fernandes é absolvido mais uma vez

Edmo Sinedino,

Eu havia me enganado, pensei que o julgamento da semana passada é que tinha sido do microfone.

Não foi.

Esse foi nesta sexta-feira.

Mas Roberto Fernandes foi absolvido mais uma vez.

Eu tenho a impressão que só quem gosta desse povo do Premiere são eles mesmos.

Duvido que alguém goste de ver o nosso futebol, que já foi do povo, na dependência de uns meganhas que se acham.

Ele foi denunciado no artigo 258 do CBJD, o mesmo, por ter chutado um microfone do Premiera no jogo contra o América Mineiro no Frasqueirão.

E Roberto continua livre. Me surpreendi.

Será que o treinador do América tem amigos influentes no STJD? Brincadeira...


E a morte do lutador Feijão vai ficar por isso mesmo?

Edmo Sinedino,

feijao_09Será que a morte do lutador Feijão (foto) vai ficar assim? Será possível que nenhum órgão vai sair em defesa da vida?

Isso vem acontecendo sempre. Se faz de tudo para que o espetáculo não seja interrompido.

Isso é um absurdo.

Não é esporte.

Esporte não foi feito para matar pessoas, não, esporte tem como primazia deixar os atletas bem de saúde, ou não?

Mas como envolve dinheiro demais, nada, parece, vai ser feito. Talvez a família do Feijão recebe alguns trocados e tudo continua como antes.

Vai term quem diga que a culpa é do atleta que morre.

Vejam a matéria abaixo:

Treinador de Wrestling do Team Nogueira, o americano Eric Albarracin tem um longo histórico de competições na Luta Olímpica, onde competiu durante muitos anos.

Em entrevista ao PVT, Albarracin contou que teve que subir na balança mais de duas mil vezes em sua carreira antes de competir, e em algumas delas teve problemas.

“Eu quase morri três vezes batendo o peso! Ainda no hospital, não queria soro, queria bater o peso. Para os lutadores, a próxima luta é a coisa mais importante de sua vida, por isso fazem qualquer coisa para bater o peso. Quando se está perdendo peso, a água é muito importante. Os músculos são 75% feitos de água, e se você para de beber agua e usa coisas como laxantes, diuréticos, bulimia, vômitos, todas essas coisas fazem muito mal para o corpo e são uma fórmula para morrer”, alertou Albarracin, “Bater o peso é uma arte. Se você não fizer uma dieta boa, não beber água, talvez não vá bater o peso, ou então, depois de bater o peso, não vai se sentir bem e vai lutar mal”.

Na entrevista exclusiva que você assiste abaixo, Albarracin lamenta a morte de Leandro Feijão, onde há suspeitas de que a perda de peso do atleta possa ser uma das causas do óbito. Eric relembra ainda os erros que cometeu em algumas pesagens no Wrestling, contou um caso onde três wrestlers morreram no mesmo mês nos EUA com o mesmo problema e as mudanças que isso trouxe ao esporte, e muito mais..

* Foto/montagem: Divulgação


Ainda cobrando transparência da AGAP de Edmundo Pereira

Edmo Sinedino,

Edmundo Pereira, presidente da AGAP/RN - Associação de Garantia do Atleta Profissional - me processou.

Ele queria me calar.

Claro que não conseguiu e nunca vai...vou continuar cobrando transparência na entidade.

As contas da entidade sem fins lucrativos têm que ser mostradas para todos os associados e não só para a turma que trabalha com ele.

Muitos ex-atletas estão passando por necessidade, precisando de ajuda, tratamentos, e a AGAP, Edmundo Pereira nem toma conhecimento.

Esse abuso precisa acabar. A entidade foi criada para atender a categoria.



Max ainda não foi liberado para voltar a jogar

Edmo Sinedino,

Havia a expectativa, a esperança, mas não se confirmou. O atacante Max ainda não foi liberado pela CBF.

Existe a possibilidade da liberação acontecer nos próximos dias.

Max viajou para São Paulo, mas vai ficar na torcida.

O América enfrenta o Palmeiras neste sábado (28), às 16h20, no Pacaembu.

A 25ª rodada teve prosseguimento ontem com  mais duas partidas. Dois resultados de empate, e bons para os nossos representantes.

Resultados:

São Caetano 2x2 Oeste

Joinville 1x1 Guaratinguetá



Dirigentes assinam contrato para utilização do Arena das Dunas

Edmo Sinedino,

oas_09Os presidentes Alex Padang, do América, e Rubens Guilherme, do ABC, assinaram na manhã de hoje o contrato de cinco anos com o Consórcio Arena das Dunas.

Cada um a seu modo, de acordo com o contrato acertado, vão pode mandar jogos no Estádio Arena das Dunas.

Além dos dirigentes, estiveram presentes ao evento o secretário da SECOPA, Demétrius Torres, o Secretário de Segurança Aldair da Rocha e a Governadora Rosalba Ciarlini.

Espero que essa seja uma celebração que realmente venha ajudar a alavancar o futebol do Rio Grande do Norte a partir do ano vindouro.

Foto: assessoria de imprena


América contrata Régis, promessa de meio-campo do São Paulo

Edmo Sinedino,

América anuncia mais um meia.

Veja notícia abaixo no blog do mecão:

Além de confirmar a contratação do meia Neto na manhã de hoje, a diretoria americana trabalhou rápido e acabou de confirmar o nome de mais um meio campista que chega para reforçar o clube na sequência do Campeonato Brasileiro da Série B.

O jovem Régis, de 20 anos, do São Paulo, chegará em Natal nos próximos dias e iniciará os trabalhos com os demais atletas do elenco americano.

Emprestado pelo São Paulo no início da temporada, Régis fez um bom Campeonato Estadual pela equipe do Paulista de Jundiaí. O meia é apontado como um dos futuros craques da equipe tricolor da capital paulista, inclusive sendo o camisa 10 e destaque do Sub 20 do São Paulo até dezembro de 2012.

Nota do blog:

Segundo site de futebol paulista. Régis é da mesma safra que Casemiro, Wellington e Rodrigo Caio, e subiu ao profissional nesta temporada, tendo sido bastante elogiado pelo ex-técnico Ney Franco. Ele vinha treinando junto com o elenco profissional, mas sequer era relacionado para ficar no banco de reservas. Vai ver não era da "cartilha de Ceni".

Já o Neto foi um dos destaques do Penapolense, no Paulistão, vice-campeão do Torneio do Interior, comandado pelo técnico Pintado.



Edmundo Pereira me processou...deu com o "burros n´água"

Edmo Sinedino,

edm_091O presidente da Agap, Edmundo Pereira (foto, segundo da esquerda para a direita) de uma administração desastrada e sem transparência, foi questionado por mim aqui no blog.

Ele resolveu me processar.

E o fez. Danos morais,  ofensas, calúnias, difamação e queria R$ 20 mil às minhas custas.

Edmundo Pereira, ignorante, não entende o significado da palavra democracia.

Não entende, parece, o significado de ser gestor público.

Cobrei transparência, apresentação de contas, e atendimentos...

Ele nunca fez nada disso.

A juíza Ana Cláudia Florêncio Waick julgou improcedente.

Claro, aqui no meu canto, vou continuar cobrando do incompetente, péssimo gestor Edmundo Pereira, presidente da AGAP, uma atuação legal.

Em breve faço a postagem da sentença para vocês tomarem conhecimento do "pito" que o presidente levou da juíza.

Foto: agap-pe


Daniel Paulista, Somália e Rodrigo Silva são poupados

Edmo Sinedino,

Um balanço das novidades do ABC no dia de ontem (quina-feira).

Gilcimar acertou sua rescisão e foi embora. O jogador não vinha sendo aproveitado.

O volante Edson está de volta ao time. No “balanço geral” o volante potiguar é o melhor jogador do ABC na Série B.

Ele fez novo acerto até 2015, mas aposto que ganhando bem menos que Daniel Paulista, Schmoller e outros. É assim que funciona, infelizmente.

O técnico Roberto Fernandes não vai contar com o bom Giovanni Augusto, em compensação terá Erick Flores, recuperado, e Júnior Timbó, regularizado.

A equipe que treinou hoje foi: Wilson Júnior; Toty, Flávio Boaventura, Lino e Wesley Bigu; Edson, Bileu, Erick Flores e Júnior Timbó; Alvinho e Schwenck.

Mas não será essa. É que Daniel Paulista, Somália e Rodrigo Silva foram poupados. Se não for nada grave os três jogam.

Daniel na vaga de Timbó, Somália para Bileu, que deve ser titular na direita, e Rodrigo Silva para Schwenk.



Palmeiras sem Wesley e Mendieta

Edmo Sinedino,

Gilson Kleina comandou nesta quinta-feira um treinamento e deu pistas do Palmeiras que ele quer para enfrentar o América, sábado, no Pacaembu.

Sem poder contar com Wesley e Mendieta, suspensos, o treinador testou a equipe no 4-3-3 e no 4-4-2.

A formação inicial da atividade tinha Ananias entre os titulares, ao lado de Leandro e Alan Kardec no ataque.

No meio, Charles e Márcio Araújo ficavam mais na marcação e Valdivia era o criador de jogadas.

No segundo tempo, Kleina sacou Ananias e colocou Eguren, deixando um time mais fechado no meio de campo.

Além de Wesley e Mendieta, outro que deve ser desfalque é o atacante Vinícius. Ele sente dores no tornozelo direito e sequer foi para o gramado nesta quinta-feira.

O Palmeiras deve ir a campo com: Fernando Prass; Luis Felipe, Henrique, Vilson e Juninho; Márcio Araújo, Charles e Valdivia; Ananias (Eguren), Leandro e Alan Kardec


Palmeiras x América transmitido por canais abertos

Edmo Sinedino,

Só faço o merchan, claro, porque o jogo é fora.

Para mim, tevês são os principais responsáveis pela desgraça de nosso futebol.

Não que a tevê, veículo, seja ruim, não, mas a tevê brasileira sim.

Faz de tudo para tirar o futebol do povo.

Neste sábado, Palmeiras x América, 16h20, terá transmissão da Globo e Band.

O jogo será no Pacaembu. No primeiro turno, em Ceará-Mirim, o América perdeu de 2 a 0.

Uma chace do torcedor fugir dos ruins profissionais do Premiere.


Emerson de Almeida Ferreira de tristes lembranças

Edmo Sinedino,

merson_09Sabem quem é Emerson de Almeida Ferreira (foto)?

Não?

Digo: foi aquele árbitro que, na Copa do Brasil de 2010, acabou com o sonho do ABC na Copa do Brasil.

Foi uma das arbitragens mais tendenciosas que testemunhei em minha vida.

Um grande jogo do ABC, uma injustiça sem tamanho.

Ele vai comandar a partida de sábado no Pacaembu entre Palmeiras x América.


As lembranças desse apitador também mão são boas para o time rubro, ele dirigiu duas derrotas do rubro esse ano – 3 a 2 em casa para o Avaí, de virada; e a goleada diante do Paraná, fora.

Uma coisa é certa: os jogadores do time rubro não devem mais pensar em arbitragem.

*Foto:clicrbs.com.br


Segundo turno do Futebol Society da PF começa nesta sexta-feira

Edmo Sinedino,

timecaern_09Começa nesta sexta-feira (27) o segundo turno do Campeonato de Futebol Society da Polícia Federal.

O clássico da Polícia Federal entre FSC x Aspofern abre a rodada, marcada para às 19h15, no campo da Aspofern, em Lagoa Nova.

O segundo jogo será entre a equipe do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e o invicto time da Polícia Militar, que conquistou o título do primeiro turno.

A vice-campeã Caern (foto) joga no dia 2 de outubro contra a Receita Federal.

No total, dez equipes participam da segunda edição do Campeonato de Futebol Society da Polícia Federal, que neste ano conta com o apoio das empresas Constel e Caio Fernandes.

Além do FSC, Aspofern, TRT, PM, Caern, Refeita Federal também participam da competição as equipes da Justiça Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil (DAV) e a Justiça Estadual.

Foto: Divulgação/Assessoria


Max volta a ser relacionado após cumprir longa suspensão

Edmo Sinedino,

Olha a boa nova aí!

Max volta a ser relacionado depois de um ano. Imagino que esse deve estar sendo um momento especial para o atleta.

E a gente torce para que a punição, o sofrimento de ficar impedido de fazer o que gosta, tenha servido de aprendizado.

Todos nós seres humanos erramos, bastante, e não existe exceção nessa regra, mas desejamos toda sorte do mundo ao atleta.

Ainda não sei se ele está realmente liberado para atuar, o que deve acontecer, pelo menos esperamos.

Jogo importante, e emblemático.

Veja abaixo matéria do blog do mecão:

Sábado o América voltará a campo pelo Campeonato Brasileiro da Série B. A partida, contra o Palmeiras, será realizada no Estádio do Pacaembu, na capital paulista, e terá início às 16h20. O técnico Pintado relacionou 18 atletas para esta partida.

Confira a lista:

Goleiros: Andrey e Sílvio

Laterais: Norberto, Chiquinho e Wanderson

Zagueiros: Zé Antônio, Cléber e Edson Rocha

Volantes: Rafael Coutinho, Daniel e Mazinho

Meias: Almir, Chiquinho Gaúcho e Vinícius Pacheco

Atacantes: Max, Tiago Adan, Adriano Pardal e Laércio



Quem pagou as viagens de Dickson e Protásio ao Maraca?

Edmo Sinedino,

albert1_09Será que vamos chegar à Copa do Mundo e não vamos ter resposta do presidente da Câmara dos Vereadores e seu vice?

Os dois viajaram para assistir a final da Copa das Confederações – Brasil x Espanha – e até hoje não disseram quem pagou as despesas.

Isso foi no final do mês de julho, e já estamos no final do mês de setembro.

Gostaríamos de ver nos anais na contabilidade, prestação de contas, sei lá o que, se os dois receberam diárias para viajar na mesma época.

É um direito do eleitor.

O Ministério Público bem que poderia se interessar, por essas e outras viagens.

E várias outras denúncias que a gente escuta serem repetidas nos corredores da Câmara dos Vereadores.

A administração Albert Dickson, todos concordam – funcionários e até os próprios vereadores – é a pior da história da casa.

O homem que transformou a casa do povo em “campo de concentração”, podem passar lá e atestar, conseguiu superar o seu antecessor Edivan Martins.

O povo, nas próximas manifestações, precisam cobrar transparências nas contratações, licitações.

Está de se cobrar uma checagem na lista de funcionários, quem são, quantos são, o que fazem...

Sim, e a viagem para ver a final da Copa...

Albert Dickson e Júlio Protásio, quem pagou? Se vocês pagaram, apresentem as provas.

Com o dinheiro do povo não se brinca.

E eu vou continuar perguntando aqui no blog até a resposta ser dada.

*Foto: Elpídio Júnior/CMN


A "punição" de Francisco Carlos do Nascimento

Edmo Sinedino,

Depois da desastrada atuação na partida entre Guaratinguetá e América, o árbitro Francisco Carlos do Nascimento, acreditem, não recebeu punição nenhuma.

Mesmo diante da omissão em combater a violência do time da casa, e dos vários erros cometidos durante a partida, ele continua em alta.

Tanto é que nesta quarta-feira foi “premiado” com a escalação para uma partida da Série A do Brasileiro.

Ele dirigiu Santos 1 x 1 Náutico.

Isso sim é vergonhoso.



Piada de mau gosto: Hulk e Fernando Torres mais caros que Neymar

Edmo Sinedino,

neymar_091Brincadeira de mau gosto não é.

Acho que é mesmo uma grande roubalheira, apesar de achar que também tem muito do complexo de vira-latas.

Um jogador da qualidade de Neymar ser vendido, do Santos para o Barcelona por um preço mais baixo que a negociação de Hulk.

Piada de mau gosto.

Neymar, em poucos jogos no time catalão, já encanta, já deixa jogadores como Iniesta e Xavi como mero coadjuvantes.

E se não foi boicotado, vai brilhar mais que Messi.

Sempre disse que o arsenal de jogadas do brasileiro é maior.

Voltando aos números:

Neymar custou ao Barcelona 57 milhões de euros. Hulk custou 60. O colombiano Falcão foi comprado pelo Mônaco ao Atlético de Madrid também por 60 milhões de euros.

Até o em baixa Fernando Torres custou mais caro que Neymar.

Tenho certeza que tem dirigente de futebol do Brasil com a conta gorda.

Gareth Bale, só se fala nele, custou 100 milhões de euros ao Real. Ele não amarra a chuteira de Neymar.

Se eu fosse conselheiro do Santos pediria uma auditoria para averiguar a venda de Neymar.

*Foto: Getty Images


Os calotes da SEEL de Joacy Bastos

Edmo Sinedino,

joacy_09Todos os dias que Deus dá tem gente cobrando calote da Secretaria de Esportes do Governo do Estado – SEEL.

Nunca se viu tanta incompetência, e descaso. A administração Joacy Bastos (foto) é tão desastrada quanto a da governadora que o mantém no cargo.

Árbitros, coordenadores, funcionários, prestadores de serviço, uma legião de pessoas estão sofrendo pelo calote de Joacy.

Uma vergonha falta de compromisso desse senhor com o esporte.

Natal sediou uma Olimpíada Escolar, mas é bom que fique claro: a competição só foi viabilzada porque tudo ou quase tudo foi bancado pelo COB – Comitê Olímpico Brasileiro.

Se dependesse da SEEL, do Governo do Estado, de Joacy Bastos, teria sido a maior vergonha para o povo potiguar.

Uma lástima que um governo não dê a mínima para o esporte.

Foto:cbj.com.br


Luís Dailson perde prazo e acusa prefeitura por ficar fora na Liga Nordeste

Edmo Sinedino,

Tudo que o Luís Dailson se mete é prejuízo para o esporte.

No ASSU, na disputa do Estadual,  ele tanto fez que espantou de lá Souza e Gilberto de Nadai.

Os dois não querem mais ouvir falar de apoiar futebol em Assu.

Agora, ele perdeu o prazo e a vaga do Cruzeiro na Liga Nordeste, em Sergipe, e acusa a Prefeitura.

Diz que havia um acerto para patrocínio de R$ 30 mil reais.

Independente se havia ou não esse convênio, a culpa é mesmo da incompetência de Dailson Machado.

Afinal, todo mundo sabe que não dá para esperar por dinheiro público.

E esse tipo de gente continua misturando esporte com política e atrapalhando.

A prova da incompetência de Dailson: a comunicação foi feita sete dias antes do evento, mas a CBFS estabelece um prazo mínimo de 45 dias para substituição de participantes.

9281-9300 de 10455