De Covid-19, bufões e ignominiosos

Carlos Alberto,

Nestes tempos da pandemia de Covid-19 que é uma decorrência da doença respiratória aguda causada pelo Coronavírus da Síndrome Respiratória Aguda Grave 2 (SARS-CoV-2), se observa também um pandemônio de bufões e ignominiosos no Rio Grande do Norte.

Gosto sempre de repetir uma célebre frase do saudoso filósofo e escritor italiano, Umberto Eco, já falecido, de que "as redes sociais deram voz a uma legião de imbecis". E completo: não só as redes sociais deram voz aos imbecis, mas também os microfones de Rádio e a telinha da TV.

Mas, Umberto Eco também dizia que “nem todas as verdades são para todos os ouvidos e nem todas as mentiras podem ser suportadas.”

Perfeito Umberto Eco!

E por que recorro ao filósofo italiano? Por um simples motivo: nestes tempos de coronavírus os bufões e ignominiosos estão arvorados em vomitar o que não sabem ou se sabem se fingem de rogados, o que é pior, brincam com a saúde do povo.

Deboches e mentiras são arrotados diariamente em redes sociais e em alguns programas "jornalísticos", com o afã de desqualificar o trabalho digno que profissionais de saúde vêm desempenhando, sem medir esforços, para salvar vidas. Eu estou falando em salvar vidas!

Até pesquisas científicas tentam desqualificar no Rio Grande do Norte, porque como já dissera em texto anterior, para alguns é melhor dissimular do que ouvir verdades. Lamentável que isso esteja ocorrendo. Diria até que por ser ano eleitoral querem transformar a Covid-19 como bandeira de campanha, e isto é porque no nosso estado o número de casos e de óbitos não chega nem perto do vizinho estado, o Ceará. Lá 100% dos leitos públicos de UTI para coronavírus estão ocupados. Imagina se a situação aqui estivesse igual ou pior do que lá?

Aqui no Rio Grande do Norte, os bufões e ignominiosos plantonistas das redes sociais e dos microfones radiofônicos e das telas de TV, criticam até o fato do governo ter pretendido montar um Hospital de Campanha, através de Chamada Pública, quando em todo o país vem se fazendo isso sem nenhum alarde. Mas, como o governo desconsiderou as propostas apresentadas por empresas concorrentes, porque estavam aquém do oferecido financeiramente e optou por assegurar leitos em instituições filantrópicas, certamente não vão faltar as línguas peçonhentas para criticar.

Estes bufões e ignominiosos não estão preocupados com a saúde do povo, querem fazer média com a doença que está matando milhões de pessoas em todo o mundo no pior estilo chanchada para uma platéia escassa de convicções. Fazem o jogo do descompromissado - pra não dizer outra coisa - presidente Jair Bolsonaro, que o jornal inglês Financial Times colocou entre os líderes mundiais que se negam a adotar medidas drásticas para combater a disseminação do coronavírus. 

*Ah, para os que não sabem: bufões, o mesmo que bobos, burlescos. E
ignominiosos, são pessoas deploráveis, infames, aviltantes, canalhas, etc e tal

Acesse o blogdobarbosa, 12 anos no ar sempre em defesa da democracia e da liberdade de expressão, clicando no link http://www.blogdobarbosa.jor.br

A+ A-