Wilma acompanha Carlos a Brasília, mas gazeou reunião com Henrique

Carlos Alberto,

Informação da assessoria da vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria (PSB), dá conta de que a socialista acompanhou o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), nas suas andanças por Brasília com o pires na mão em busca de investimentos para a capital potiguar.

Um detalhe que me chamou a atenção é que Wilma, segundo a sua assessoria, participou de audiências importantes ao lado do prefeito, de deputados federais e de secretários municipais. Segundo o release, a presidente do PSB no RN foi a ministérios, além de ter se reunido com o segundo vice-presidente da Câmara Federal, Fábio Faria (PSD), o vice-governador Robinson Faria (PSD), e a deputada Sandra Rosado (PSB). No entanto, esse é o detalhe, não esteve no gabinete do presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), acompanhando o prefeito. De fato, na foto distribuída à imprensa estão apenas Carlos Eduardo Alves, o secretário-chefe da Casa Civil, Sávio Hackradt, e Henrique Eduardo Alves.

Será que é porque Wilma já está vendo em Henrique um futuro adversário político num eventual embate eleitoral ao governo do Rio Grande do Norte? A conferir!



Aécio defende mandato de 5 anos e fim da reeleição

Carlos Alberto,

O senador e pré-candidato à Presidência da República Aécio Neves (PSDB-MG) está elaborando um projeto para propor no Senado que vai polemizar e alterar o atual cenário político: ele quer extinguir a possibilidade de reeleição presidencial, de governadores e prefeitos e ampliar de quatro para cinco anos os mandatos de todos os novos eleitos, aplicando, desde já, a regra que poderia afetar a si mesmo caso eleito, diz reportagem do Estadão.

Sua ideia é que, uma vez aprovada, a regra passe a valer já para os vencedores do pleito de 2014, impondo ajustes aos mandatos atuais de senadores e deputados, ampliando-os para forçar a coincidência nas eleições seguintes e fixando-os nos mesmos cinco anos estabelecidos para Presidente da República.


Ex-agente acusa Folha de ter colaborado com a repressão

Carlos Alberto,

Leio na Folha de S. Paulo que o ex-delegado da Polícia Civil Cláudio Guerra disse que o empresário Octavio Frias de Oliveira (1912-2007), publisher da Folha, visitou frequentemente na ditadura militar dependências do Dops (Departamento de Ordem Política e Social) de São Paulo, um dos principais centros da repressão a opositores do regime.

Em depoimento ao vereador Gilberto Natalini, presidente da Comissão da Verdade da Câmara Municipal de São Paulo, ele disse ainda que a Folha emprestou carros e ajudou a financiar os órgãos da repressão na época.

“O Frias visitava o Dops constantemente”, afirmou. “Isso está registrado.” Guerra disse também que o publisher da Folha era “amigo pessoal” do delegado Sérgio Paranhos Fleury, um dos mais ativos agentes da repressão.(…)

A direção da Folha nega que a empresa tenha colaborado com a repressão política e que Octavio Frias de Oliveira tenha mantido relações com o delegado Fleury.



Comissão aprova nome de Aluizio Alves para aeroporto de São Gonçalo

Carlos Alberto,

Vitória do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves: a Comissão de Transportes da Casa aprovou nesta quarta-feira o nome do governador Aluízio Alves para o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante.



Henrique e o `cavalo selado´

Carlos Alberto,

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), tá com tudo e não tá prosa. O Rio Grande do Norte vai receber uma comitiva de ministros de Estado no dia 3 de maio em Natal num Encontro com Novos Prefeitos e Prefeitas. A previsão do Palácio do Planalto é reunir 900 pessoas, entre prefeitos, vice-prefeitos e secretários. O Governo Dilma planeja trazer a Natal entre 10 e 12 ministros, inclusive de atividades fins como Saúde, Educação, Turismo e Desenvolvimento Social.

Pois é, o `cavalo´ continua selado para a candidatura de Henrique Alves ao governo do estado nas eleições do próximo ano. Num estado em que o seu partido comanda 53 prefeituras, afora os prefeitos aliados do PMDB, um evento dessa natureza certamente irá repercutir positivamente não só para o governo federal, mas como também para o próprio presidente da Câmara, hoje com o seu PMDB no governo. Sorte a de Henrique!

O Rio Grande do Norte será o sétimo estado a receber esse modelo de evento. Esta semana será realizado no Rio de Janeiro e no dia 30 de abril no Piauí. Isso implica em dizer que num momento crucial porque passa o estado com a seca assolando o interior, nada mais propício do que trazer o estafe do governo federal aqui. Claro que a campanha à reeleição pra Dilma Ruosseff está implícita neste ato, e Henrique Alves pode pegar carona nesse evento. A conferir!



Os legados da Copa: por enquanto um aeroporto e um estádio

Carlos Alberto,

Pelo menos um Aeroporto Internacional de grande porte e um estádio de futebol de primeiro mundo, mesmo que vá servir somente ao showbusiness nós vamos ter. O aeroporto já tem até data marcada para sua inauguração: 1º de abril. Muitos vão dizer que é mentira só por causa da data. Não, não é cascata não, é verdade. O estádio, Arena das Dunas, deverá ser entregue dentro do novo prazo estabelecido pela Fifa, 31 de dezembro deste ano.

Mais e o grande legado que a Copa do Mundo nos deixaria, tanto falado pelos quatro cantos de Natal, que seriam as obras de mobilidade urbana. Estas será que pelo menos a metade do que se pretendia se terá? Duvidoso! Em todo caso o prefeito da capital potiguar Carlos Eduardo Alves (PDT) anda rodando o pires por Brasília atrás de recursos para obras de infraestrutura. Apelou até ao primo, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) – até pouco politicamente intrigados – que lhe garantiu empenho em tentar liberar recursos para a capital potiguar.

Estamos a menos de dois anos para a Copa do Mundo. O Aeroporto Internacional de São Gonçalo e a Arena das Dunas saíram do papel, mas as obras de mobilidade urbana não. Por enquanto as obras estão imobilizadas. Fato é que com obras de mobilidade urbana ou sem,  o grande legado que a Copa vai nos deixar é o aeroporto porque ao que parece e ao que tudo indica a Arena das Dunas servirá a tudo, menos ao futebol. Pobre futebol potiguar que vai ganhar um estádio de primeiro mundo, mas que pouco vai servir ao esporte bretão em terras de Alberi, Marinho Chagas, Souza e tantos outros craques que um dia pisaram nos gramado do saudoso Machadão.

É isso. Nós natalenses e norte-riograndenses vamos ter orgulho de mostrar ao mundo que temos um aeroporto internacional e um estádio de futebol que em nada deixa a dever a outras cidades do mundo. Em contrapartida – espero que não – vamos continuar com um trânsito que em nada deixa a dever àqueles que a gente costuma ver em reportagens na Índia. E olha que nem precisava esperar pelo “legado da Copa” para que se melhorasse a malha viária na capital potiguar. Bastava um pouco de criatividade e vontade política.

Mas, enfim, dos males o menor. Por que não ficarmos satisfeitos com um aeroporto internacional de grande porte e um estádio de primeiro mundo, embora que este estádio vá servir mais a outras coisas que não o futebol propriamente dito, repito. Mas não sejamos tão pessimista, como disse outro dia um colega no twitter. Vamos acreditar que na Arena das Dunas se terá ABC e América com casa cheia após o mundial de futebol. Que as rendas vão superar em muito o aluguel do estádio que será administrado por um consórcio privado. Que ABC e América farão bonito na série B do Campeonato Brasileiro deste ano para, quem sabe, estarem na série A do Brasileirão justificando assim termos um estádio de primeiro mundo. Quem sabe as obras de mobilidade urbana virão? A conferir!



Presidente da Câmara destaca organização de pauta prioritária da indústria

Carlos Alberto,

O presidente da Câmara dos Deputado, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), afirmou que a indústria brasileira ajuda muito o Congresso Nacional ao apresentar sua pauta mínima prioritária de forma organizada, por meio da Agenda Legislativa da Indústria. “Quem se comporta assim é porque não tem jogo a esconder e merece o respeito do Brasil e da Câmara”, disse.
Ele participou da cerimônia de lançamento da Agenda Legislativa da Indústria 2013, na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília. O documento apresenta as 130 propostas de interesse do setor industrial em tramitação na Câmara e no Senado.
Dessas, 17 são listadas como a pauta mínima prioritária da indústria, incluindo a MP dos Portos (MP 595/12); a extinção do pagamento do adicional de 10% do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) no caso de demissão sem justa causa (PLP 200/12); o projeto que impede a cumulatividade de tributos sobre a indústria e as empresas exportadoras (PL 6530/09); e o que regulamenta o trabalho de terceirizados (PL 4330/04).(Com informações da Aência Câmara)


Senador-ministro Garibaldi diz concordar com a redução da maioridade penal

Carlos Alberto,

O senador licenciado Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), ocupando atualmente o cargo de ministro da Previdência, disse hoje no twitter, provocado que foi pelo jornalista Miranda Sá, que concorda com a redução da maioridade penal. Veja o que disse Garibaldi na rede social:

- Concordo com você Miranda sobre impunidade penal aos 18 anos.Se estivesse no Congresso no momento examinaria proposta gov de SP.


Goela abaixo, não

Carlos Alberto,

Leio na coluna Radar On-line de Lauro Jardim a seguinte nota:

Manuela D’Ávila deu um murro na mesa, hoje, durante a reunião de líderes da base aliada da Câmara, contra o, digamos, modus operandi de Henrique Eduardo Alves.

Manuela pôs para fora um incômodo comum à boa parte dos líderes da Casa e incitou os colegas a pressionar Henrique Alves a discutir a pauta do dia. Manuela vociferou que não aguenta mais, toda terça-feira, o presidente da Câmara empurrar goela abaixo os itens escolhidos para ir a plenário.

Henrique Alves sabe bem do que a Manuela se queixa: duas semanas atrás, fez mea culpa pela trapalhada de André Vargas, que, subitamente, colocou em pauta o projeto que tira de novos partidos direito a tempo de televisão e a recursos do fundo partidário



Sinfônica do RN promove concerto com músicos do Conservatório da China

Carlos Alberto,

A Orquestra Sinfônica do RN realizará o concerto oficial de maio na próxima sexta-feira com todas as pompas e circunstancias, tendo como convidados especiais os ilustres músicos do Conservatório de Música da China, considerado o melhor do mundo. O concerto único e inédito no Brasil, de suma importância para a nossa Orquestra e para a música potiguar, acontecerá no Teatro Alberto Maranhão, a partir das 20h, com entrada gratuita.


Câmara aprova aumento de 15% para 80 mil servidores

Carlos Alberto,

A Câmara aprovou nesta terça-feira (23) aumento de 15% para 80 mil servidores públicos, divididos em sete carreiras. O reajuste será dividido em três parcelas anuais de 5%. O projeto vai ser levado à sanção da presidente Dilma Rousseff.

O reajuste beneficia: bombeiros, policiais civis e militares do Distrito Federal; auditores fiscais e analistas da Receita; auditores fiscais do trabalho; analistas e técnicos do Banco Central; analistas e especialistas em infraestrutura; analistas e agentes da Susep e Comissão de Valores Mobiliários (CVM); e carreiras e cargos de desenvolvimento agrário.


Senador entra no STF contra regras sobre partidos aprovadas na Câmara

Carlos Alberto,

Senadores contrários à proposta que dificulta a criação de partidos políticos fecharam nesta terça-feira (23) uma estratégia para tentar derrubar o texto aprovado pelos deputados. O primeiro passo será dado no Supremo Tribunal Federal (STF) ainda hoje. O líder do PSB na Casa, Rodrigo Rollemberg (DF), vai entrar com um mandado de segurança preventivo contra a matéria. O principal argumento é o “abuso do poder legislativo” por parte da base governista durante a tramitação do projeto na Câmara.


SUS destinará mais R$ 1,1 milhão para procedimentos de média e alta complexidade em Mossoró.

Carlos Alberto,

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), comemorou a ampliação do teto financeiro do Sistema Único de Saúde para o município de Mossoró em mais de R$ 1 milhão. A portaria assinada pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (23) e destina o montante extra de R$ 1,1 milhão para procedimentos de média e alta complexidade em Mossoró.  

Para o deputado Henrique Alves a medida veio em boa hora, uma vez que, na última reunião dele com o ministro Padilha, na semana passada, com a presença da prefeita Claudia Regina e da governadora Rosalba Ciarlini, ficou   demonstrada a necessidade de mais recursos para ampliação dos procedimentos de média e alta complexidade em Mossoró, inclusive com a contratação de mais leitos de UTI. Os recursos serão repassados em parcelas mensais e regulares pelo Fundo Nacional de Saúde, conforme determina a portaria.



Comissão de Finanças e Fiscalização da AL sabatina Gilberto Jales

Carlos Alberto,

O ex-secretário de Recursos Hídricos do RN, Gilberto Jales, indicado a conselheiro do Tribunal de Contas do RN pela governadora Rosalba Ciarlini, será sabatinado nesta quarta-feira pela Comissão de Finanças e Fiscalização da Assembleia Legislativa (CFF), presidida pelo deputado Tomba Farias (PSB).

A sabatina será às 9h30, na sala das Comissões e é uma praxe do processo de indicação para composição do TCE, que é um órgão auxiliar do legislativo estadual. Num primeiro momento, o ex-secretário Gilberto Jales será sabatinado pela Comissão de Fiscalização e Finanças e em seguida, poderá ser submetido ao plenário do Legislativo para ser sabatinado pelos 24 parlamentares.

O processo tem como relator o deputado Raimundo Fernandes, do PMN, vice-presidente da CFF. Gilberto Jales vai ocupar a vaga aberta no ano passado, do ex-conselheiro Alcimar Torquato, que se aposentou compulsoriamente do TCE e desde o primeiro semestre do ano passado é titular da Junta Comercial do Estado.



PEC da impunidade é tema do programa “Com a palavra TCE”

Carlos Alberto,

O programa “Com a palavra TCE” entrevista o procurador-geral do Ministério Público junto ao TCE, Luciano Ramos. Em destaque a campanha nacional “Brasil contra a impunidade”, que se opõe à Proposta de Emenda Constitucional nº 37 (PEC 37).

Conhecida como PEC da Impunidade, a PEC 37 está em fase de tramitação no Congresso Nacional e objetiva tornar a atividade investigatória criminal uma atribuição exclusiva das polícias Civil e Federal. Se aprovada, o Ministério Público e outros órgãos e instituições não poderão mais investigar crimes.

O programa vai ao ar na próxima quinta-feira, às 20h, com transmissão da TV Assembleia. As reprises acontecem na sexta-feira, às 9h, e no sábado, às 18h30.



As informações coincidentes sobre Campos e Henrique

Carlos Alberto,

Na estreia da minha coluna no novo portal Nominuto.com há pouco mais de uma semana, postei uma nota sob o título  “O que há em comum entre Eduardo Campos e Henrique Alves?” que dizia o seguinte:

Além dos dois afirmarem sempre que sobre “2014 só falam em 2014”, ambos, apesar disso, atuam explicitamente para se lançarem candidato. O governador de Pernambuco à Presidência da República e o presidente da Câmara dos Deputados ao governo do Rio Grande do Norte. Se alguém tem dúvida é só observar as movimentações dos dois políticos.

Pois muito bem: as informações sobre as movimentações coincidentes dos dois políticos continuam a aflorar. Agora mesmo o PMDB do Rio Grande do Norte anuncia uma reunião com os seus 53 prefeitos para 10 de maio onde será discutido as eleições do próximo ano. Os peemedebistas querem saber para onde aponta a “bússula”. Ou melhor, Henrique Eduardo Alves quer saber.

Hoje, o bem informado jornalista Josias de Sousa, informa no seu blog na Folha de S. Paulo, que o presidente do diretório cearense do PSB, o governador Cid Gomes reuniu na noite passada a Executiva estadual da legenda. A pedido dele, aprovou-se no encontro o encaminhamento de um ofício à direção nacional da legenda. No texto, a seção cearense pedirá a convocação de um encontro do comando do PSB federal para discutir o projeto presidencial do governador pernambucano Eduardo Campos.

Coincidência ou não, o PSB vai reunir a nível nacional seus dirigentes para saber se o partido aprova a candidatura de Campos à Presidência da República. No Rio Grande do Norte, é o PMDB, que por convocaçãodo seu presidente estadual, deputado Henrique Eduardo Alves, vai ouvir as bases sobre uma eventual candidatura sua à sucessão estadual.

Como se observa, tanto aqui como lá as pedras do tabuleiro político começam a se mexer. Eduardo Campos como Henrique Eduardo Alves têm projetos políticos parecidos para 2014. Um quer ser presidente da República e outro quer ser governador do Rio Grande do Norte. A conferir!



Fábio Faria, 'o playboy do Planalto', segundo revista

Carlos Alberto,

O jovem deputado Fábio Faria (PSD/RN) ganhou espaço na revista Poder da jornalista Joyce Pascowitch. Em reportagem assinada por Paulo Sampaio, a matéria recebe o título nada aconselhável para um político: "O Playboy do Planalto", embora o texto seja só elogios ao comportamento do parlamentar. Sobre o título de "playboy", que o diga o senador Aécio Neves (PSDB-MG), pretenso candidato à Presidência da República e que também recebe essa pecha.


Governo do RN fará entrega da Licença Ambiental da Reta Tabajara nesta terça

Carlos Alberto,

A governadora Rosalba Ciarlini, fará nesta terça-feira (23), às 11h, em solenidade na Governadoria, a entrega da Licença Ambiental para as obras de duplicação de um trecho de 26,9 km de extensão na BR304, contemplando os municípios de Parnamirim e Macaíba/RN. A LIO (Licença de Instalação e Operação) será entregue ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) e prevê a implantação de obras de artes especiais (viadutos e/ou passagem de nível e passarelas), vias marginais, duplicação e construção de um Posto Policial na BR 304.


Domésticas: demissão sem justa causa pode ter multa de 10%

Carlos Alberto,

Novas regras serão estabelecidas em dois projetos de lei que serão debatidos com o governo. Texto fixará multa em 5% quando os patrões e empregados concordarem que não há mais condições para manter o trabalho.



Estado de alerta no STF

Carlos Alberto,

“Embargos infringentes” podem mudar condenação de 12 réus, inclusive Dirceu, diz o jornalista Merval pereira no Globo

1881-1900 de 1950