Fábio Faria tira Robinson do ostracismo político

Diógenes Dantas,

rob_fabioMais um político nascido ou eleito no Rio Grande do Norte assume o cargo de Ministro de Estado na estrutura do governo federal.

Desta vez, o presidente Jair Bolsonaro empossa o deputado federal Fábio Faria (PSD) no ressuscitado Ministério das Comunicações, turbinado com verbas de publicidade, concessões para rádio e TV e perspectiva de licitação internacional do 5G - banda de altíssima velocidade da internet.

Portanto, Fábio Faria não assume uma pasta esvaziada. Pelo contrário. Ele assume um ministério com grande capilaridade política e econômica.

Ocupar uma cadeira de primeiro escalão na Esplanada dos Ministérios é um negócio extremamente relevante para um estado do porte do Rio Grande do Norte - de representação diminuta e PIB inexpressivo diante dos grandes players do País.

O ministro - seja ele quem for e qual governo sirva - vira um canal de contato imediato entre o Estado e o presidente de plantão.

Esta prerrogativa já é exercida pelo ex-deputado Rogério Marinho (PSDB), atual ministro do desenvolvimento regional.

Rogério terá agora de dividir as atenções da classe política estadual com Fábio Faria, filho de um ex-governador e genro de um dos maiores comunicadores e empresários do país, Silvio Santos.

A posse de Fábio Faria reforça o jogo anti-PT no estado. O fato político já terá reflexos nas eleições municipais, principalmente em Natal.

A meu ver, Fábio Faria também entra no jogo das eleições gerais de 2022 como nome forte ao Senado da República.Os comentários já circulam nos meios políticos locais.

Agora, o principal beneficiado pela posse de Fábio hoje em Brasília é o ex-governador Robinson Faria, que se encoraja para deixar o ostracismo que se autoimpôs neste um ano e meio de gestão do PT no Estado.

Ações da justiça e quatro folhas salariais dos servidores em atraso desencorajaram Robinson de enfrentar os adversários abertamente.

A posse de Fábio Faria deixa Robinson mais à vontade para ver a luz do dia e atuar politicamente contra a sucessora Fátima Bezerra.

Eu aposto numa dobradinha eleitoral: Fábio Faria para o Senado, e Robinson para Câmara dos Deputados.

Quem viver, verá.


Acompanhe o vídeo:


DD.

Tags: Fábio Faria Ministério das Comunicações Robinson Faria
A+ A-