Parque Metrópole que conta com 55 empresas comemora ampliação de seu parque digital

Airton Bulhões,

 Para marcar três anos de atuação completados no próximo dia 5 de agosto o Parque Tecnológico Metrópole Digital e a incubadora Inova Metrópole vão comemorar com a realização de uma live no Youtube (https://bit.ly/niverparque), às 18h.

  A programação do evento terá um dos seus pontos altos com a apresentação da nova área do Parque, que vai abranger mais empresas de tecnologia situadas em seu entorno e proporcionar maior infraestrutura para as que queiram se instalar na região.

  A live também terá uma apresentação sobre o tema “Transformando a sociedade através da Inovação: dicas de como inovar com segurança”, que será feita pelo professor Rafael Aroca, que foi o primeiro gerente executivo da Inova Metrópole e atualmente dirige a Agência de Inovação da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), em São Paulo.

  Contando atualmente com 55 empresas credenciadas, que proporcionam cerca de 800 empregos diretos, o Parque Metrópole é gerenciado pelo Instituto Metrópole Digital (IMD) – unidade acadêmica especializada da UFRN – e está completando três anos de instalação.


  As empresas vinculadas à sua estrutura têm direito a uma série de benefícios, como os serviços de TI ofertados pelo IMD, oportunidades de realização de Projetos de Pesquisa & Desenvolvimento com a Universidade e isenções fiscais. Seu objetivo final é contribuir para a criação de um polo de Tecnologia da Informação em Natal.

Já a Inova Metrópole chegou aos sete anos de existência e hoje conta com 10 empresas participando de seu programa de pré-incubação e outras 13 do programa de incubação.

  Surgida antes do Parque, a Inova foi fundamental para a criação deste, por meio do estímulo para a criação e o desenvolvimento de empresas de Tecnologia da Informação em Natal e no Rio Grande do Norte.

As empresas são selecionadas pela incubadora por meio de edital e, quando aceitas, têm acesso a infraestrutura física, internet e serviços de datacenter – tudo por uma mensalidade subsidiada. Além disso, também fazem uso de uma rede de mentores, capacitações, monitoramento do progresso de cada empreendimento e assessorias diversas, em áreas como as de gestão, marketing e finanças.

SAIBA MAIS

A ampliação da área do Parque Metrópole, que era de um raio de 1,5 quilômetros a partir de sua sede, foi proposta por meio de uma solicitação de sua direção ao Executivo Municipal.

   Após debates no Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia (Comcit), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento (Sempla), o projeto recebeu melhorias e foi aprovado, encontrando-se em fase de homologação, o que deverá acontecer até o início de agosto.

  Com isso, a área de abrangência passará a ser determinada tendo como base um raio de 2 quilômetros a partir da sede. A homologação da medida, no entanto, incluirá outros detalhes importantes quanto à possibilidade de inserção de empresas no Parque e conterá o mapa geográfico com sua delimitação exata.

  O diretor do Parque Metrópole, Rodrigo Romão, explica que a medida é necessária, dentre outros motivos, pelo fato da atual área ser predominantemente residencial e, com sua maior abrangência, será possibilitada a inclusão de centros empresariais já existentes na região. Isso, por sua vez, facilitará o ingresso de novas empresas, do Rio Grande do Norte e de fora do estado.
.


A+ A-