Receita confirma abertura no primeiro bimestre de 98,1 micro e pequenas empresas em todo país

Airton Bulhões,

   Segundo dados da Receita Federal no primeiro bimestre desse ano, foram abertas em todo o país 98,1 mil micro e pequenas empresas, número 1,7% abaixo do registrado no mesmo período de 2020.

 Desse universo, 55,9 mil, o que corresponde a 57%, foram abertas no mês de janeiro.

  Apesar do mês de janeiro ter apresentado um crescimento de 12,6% em relação ao mesmo período do ano anterior, o baixo desempenho na abertura de empresas em fevereiro puxou o resultado do bimestre para baixo.

  No segundo mês desse ano, houve uma retração de 15,8% em relação ao mês de fevereiro de 2020 na abertura de novos negócios.

  Ao analisar o desempenho da abertura dos pequenos negócios por atividade, em fevereiro, dos 20 segmentos com maior registro de abertura, 18 registraram queda significativa em relação ao mesmo período de 2020.

   Entre eles estão as atividades de lanchonetes e similares, com queda de 37% e restaurantes, menos 34%. 

   O comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios, como por exemplo mercearias e minimercados, caiu 26% e o de vestuário, 24%.

  Apenas duas atividades apresentaram aumento de abertura de empresas em fevereiro. A de consultoria em gestão empresarial, que subiu 6%, e a atividade de corretagem, compra e venda e avaliação de imóveis, que apresentou aumento de 4% em fevereiro deste ano.

SAIBA MAIS

  Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, esse declínio de abertura de empresas de micro e pequeno porte em fevereiro pode retratar as dificuldades que os empreendedores estão tendo devido ao avanço da pandemia no país, desde o final do ano passado.

   “Voltamos a conviver com medidas mais restritivas do comércio nos estados e isso impacta diretamente no desempenho dos pequenos negócios no país, principalmente os ligados aos ramos de alimentação e vestuário”, frisou Melles.



Prefeitura quer analisar em até 60 dias de maneira virtual revisão do Plano Diretor de Natal

Airton Bulhões,

Depois de idas e vindas com uma pandemia no meio para atrapalhar a revisão o Plano Diretor de Natal parece que agora sai. Tomara. O novo PD é ansiosamente esperado pelas forças econômicas de Natal para que esta consiga sair do atraso de mais de 10 anos sem  melhorá-lo.

  O Conselho da Cidade do Natal (Concidade), que nesta etapa conduz a Revisão do Plano Diretor de Natal, aprovou novos procedimentos para realização da Conferência Final, como o prazo para sua realização e o seu formato.

  As tomadas de decisões do Concidade estão sendo com base no decreto municipal 12.175,  que estabelece protocolos e normas sanitárias que tratam do enfrentamento ao COVID-19, impossibilitando a realização de eventos presenciais com a participação de 50 pessoas ou mais.

  A resolução 01/2021, que trata do tema, foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) desta sexta-feira (5).

  Será que agora sai ? Até hoje a Prefeitura do Natal  não conseguiu as ZPAs que ficam no entorno do Forte dos Reis Magos permitindo a construção da Marina de Natal, entre outras está para ser votada.

  A resolução retifica o artigo 2º da resolução nº 05/2020, que estabelecia a forma presencial para Conferência Final do PDN, que a partir de agora, a conferência será realizada no prazo de até 60 dias, a contar a partir da data de sua publicação (05/03), respeitando o período mínimo de 15 dias regimentais para convocação, podendo ser adotados os modelos: virtual, presencial ou híbrido.

  Informa ainda que estão mantidos os resultados da eleição dos 119 delegados eleitos, durante a Pré-Conferência realizada nos meses de janeiro e fevereiro de 2021.

 Ressalta que a programação da Conferência Final será apresentada pela Comissão Preparatória, em reunião virtual, a todos os delegados, com no mínimo, 15 dias de antecedência do evento.

SAIBA MAIS

 Para mais informações do processo de revisão do Plano Diretor de Natal, acompanhe pelo site do PDN no endereço: (https://www.natal.rn.gov.br/semurb/planodiretor/) ou ainda pelo Instagram @planodiretornatal.

AgcCwxt.jpg

A pandemia continua fazendo estragos e o comércio varejista do RN tem redução de 1,1% em janeiro

Airton Bulhões,

    O volume de vendas do comércio varejista do Rio Grande do Norte diminuiu 1,1% na comparação com dezembro de 2020. Essa é a primeira redução para um mês de janeiro desde 2016. É o que mostra a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) do IBGE.

     A  redução de 1,6% no volume de vendas do varejo ampliado potiguar é menor que a retração brasileira (2,6%) em janeiro.

   Na variação acumulada de 12 meses, a queda é de 4,4%, a quinta maior do Brasil nesta comparação. O varejo ampliado compreende o comércio varejista acrescido de material de construção e “veículos, motocicletas, partes e peças”.

 SERVIÇOS EM JANEIRO É UM DOS MAIORES DO NORDESTE

    O volume de serviços no Rio Grande do Norte tem o maior crescimento do Nordeste, em janeiro, ao lado de Pernambuco (1,6%) e Paraíba (1,6%).

    O avanço de 1,6% na comparação com dezembro de 2020 é maior do que a média do Brasil (0,6%). No primeiro mês do ano, os serviços cresceram em 12 unidades da federação. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do IBGE.

   Apesar do desempenho na comparação com o mês anterior, o acumulado de 12 meses registra queda de 16,8%, uma das maiores do Brasil ao lado de Alagoas (16,9%).

    A média nacional teve redução de 8,3%. Apenas Amazonas (0,9%) e Rondônia (0,1%) apresentam resultados positivos na variação acumulada de 12 meses

   eJE2BuB.jpg


Moura Dubeux tem lucro de R$ 9 milhões no quarto trimestre

Airton Bulhões,

    A Moura Dubeux, maior construtora e incorporadora da região Nordeste conquistou os natalenses pela qualidade dos imóveis entregues aos seus compradores, prazo de entrega sem atrasos e principalmente a garantia de um bom negócio.

  Com capital em bolsa, fechou o quarto trimestre de 2020 com lucro líquido de R 9 milhões, marcando o segundo período consecutivo de resultados positivos.

   No período, a companhia registrou vendas de R 305 milhões.  Entre outubro e dezembro foram lançados seis empreendimentos, totalizando um VGV de R 516 milhões, desempenho 517% superior ao apurado em 2019.

   Conforme seu balanço consolidado, apresentado nesta quinta-feira, 11 de março, fez seis lançamentos no quarto trimestre de 2020, com valor geral de vendas (VGV) de R 516 milhões, representando crescimento de 517,1% sobre os R 84 milhões de igual período de 2019 (um lançamento) e 87,8% na comparação com os três meses imediatamente anteriores (R 275 milhões, relativos a quatro projetos).

   No acumulado do ano, foram dez novos empreendimentos, com VGV de R 791 milhões. O valor é 107,1% maior do que os R 382 milhões de 2019, referentes a quatro lançamentos.

  As vendas aumentaram 49,8% ante o quarto trimestre do ano anterior, passando de R 204 milhões para R 305 milhões, e 0,2% em relação aos três meses anteriores, quando foram de R 304 milhões.

 No acumulado de 2020, foram R 779 milhões, contra R 762 milhões em 2019 (mais 2,2%).

"Destacamos a repetição de resultados acima de R 300 milhões nos dois últimos trimestres, o que corrobora o bom desempenho da companhia e mostra o dinamismo do mercado imobiliário do Nordeste", salienta Diego Villar, CEO da Moura Dubeux.

HngVvRF.jpg



Defensoria Pública do RN promove mutirão virtual do consumidor dias 15 e 19 de março

Airton Bulhões,

Para consumidores prejudicados em suas compras e aquisições a Defensoria Pública do  Rio Grande do Norte (DPE/RN) irá realizar um mutirão de atendimento virtual para demandas do consumidor.

  A ação irá acontecer entre os dias 15 e 19 de março, das 8h às 14h, em alusão ao Dia Nacional do Consumidor, celebrado no dia 15 de março.

   O mutirão será realizado através da Central de Whatsapp da DPE/RN pelo telefone 84 99814.1118, selecionando a opção "Mutirão do Consumidor".

  Durante o período, o Núcleo de Defesa do Consumidor irá reforçar a atuação na Central de Whatsapp com vistas a prestar orientação jurídica aos consumidores.

  Os casos que demandem atuação judicial ou extrajudicial serão encaminhados para abertura da demanda. Os defensores e defensoras poderão atuar, por exemplo, em casos de relações de consumo envolvendo financeiras e planos de saúde.



Indústria de chocolates vai gerar 12 mil empregos temporários para atender demanda da Páscoa

Airton Bulhões,

  E quando se fala em crise a economia brasileira continua reagindo apesar do estrago da pandemia. Por ocasião da Páscoa as contratações pelas indústrias de chocolates anunciam contratações de empregos temporários. 

   Para atender à demanda do período da Páscoa desse ano, a indústria de chocolates prevê 11.665 contratações temporárias diretas e indiretas de profissionais que atuarão nas linhas de produção ou nos pontos de venda,

  Os dados são de um levantamento da ABICAB (Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Amendoim e Balas).

  O número representa um crescimento de 4,8% em relação às contratações do ano passado.

  Em 2020, a pandemia iniciou quando os pontos de venda já estavam abastecidos com os produtos de Páscoa, o que impactou a data fortemente. No entanto, para este ano a indústria de chocolates está otimista quanto ao seu desempenho, dado a perspectiva positiva da chegada de um imunizante e reabertura do comércio.

  Segundo a ABICAB as contratações para suprir a demanda começaram a ser realizadas a partir de agosto do ano passado e o planejamento para a Páscoa tem início com até dois anos de antecedência. Isso acontece porque as empresas têm de elaborar e planejar todo o portfólio, realizar as contratações e definir todos os detalhes, como, por exemplo, tendências, embalagens e logística.

SAIBA MAIS

  Para este ano, o presidente da Associação acredita que a principal estratégia das empresas será continuar a desenvolver a diversificação dos canais de venda.

   "Em 2020, o e-commerce e o varejo foram grandes aliados das indústrias. Com isso, acreditamos que as vendas online e parceria com os varejistas se manterão fortes neste e nos próximos anos. Temos enxergado um crescimento significativo nos canais digitais e um aumento de confiabilidade do consumidor em compras pela internet", afirma Ubiracy Fonsêca, presidente da entidade.

OPYryuf.jpg

foto:fsindical.org.br

Banco do Nordeste lança o Crediamigo Delas para financiar atividade produtiva das mulheres

Airton Bulhões,

O Banco do Nordeste lançou o Crediamigo Delas  no  Dia Internacional das Mulheres. Destinada a financiar atividades produtivas para mulheres empreendedoras que atuam no setor informal e formal da economia, o produto do Crediamigo passa a integrar o maior programa de microcrédito da América do Sul.
 

 O Crediamigo Delas financiará investimento e capital de giro, com prazo de 4 a 24 meses, tanto na modalidade individual como solidário.

   O limite será de R$ 5 mil, por cliente, observada a capacidade de pagamento, com abaixo de 2,4% ao mês, para investimento fixo e giro individual, e de 2,2%, para giro solidário.

  Produto customizado ao público feminino, o Crediamigo Delas terá, também, a vantagem de até 90 dias para início do pagamento das parcelas, possibilidade de formação de grupo solidário com até 40% de mulheres que tenham iniciado atividades há menos de seis meses, débito automático das parcelas em conta corrente, bem como disponibilização de curso EAD e do Caderno de Gestão, ferramenta para apoio ao controle financeiro.

SAIBA MAIS

  Inspirado no dado segundo o qual, no Brasil, 34,4 milhões de mulheres respondem financeiramente pela gestão dos lares, o Crediamigo Delas atende ao forte empreendedorismo feminino, além de que, na carteira do Crediamigo, elas representam 65% do público do programa.
  Em 2020, por exemplo, o Crediamigo aplicou R$ 12,1 bilhões, dos quais R$ 7,8 bilhões, correspondentes a 2,9 milhões de operações, foram contratados por mulheres.



Programa "Casa Verde Amarela” quer processar regularização de mais de 100 mil imóveis

Airton Bulhões,

   Por meio do Programa “Casa Verde e Amarela” o Ministério do Desenvolvimento Regional tem por o objetivo  iniciar o processo de regularização fundiária de mais de 100 mil imóveis de famílias de baixa renda até o fim de 2021, dos quais cerca de 20 mil também receberão adequações para garantir uma moradia digna.sGx0xhM.jpg

  O ministério vai aplicar nova metodologia de cálculo do déficit habitacional e da inadequação de moradias no Brasil vai fortalecer a implementação do Programa Casa Verde e Amarela, pois torna os dados mais próximos da realidade e das necessidades atuais do País, norteando a política habitacional. 

  Segundo secretário Nacional de Habitação do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Alfredo dos Santos o déficit habitacional no Brasil tem várias nuances e condições.

  E o Programa “Casa Verde e Amarela” busca soluções diferentes para problemas diferentes. São várias soluções colocadas para resolver a questão do déficit.

  “Já temos as linhas para regularização fundiária e melhoria habitacional, além da redução do juro para ampliar o acesso das famílias ao crédito imobiliário. E estamos trabalhando na criação de um modelo de aluguel social. Vamos mitigar o déficit atacando as várias frentes em que ele está inserido", completou o secretário.

  O aprimoramento da metodologia dos cálculos e a revisão dos dados, realizado por meio de parceria entre o MDR e a Fundação João Pinheiro, foi elaborada após um amplo debate com a participação de instituições acadêmicas nacionais e internacionais.

SAIBA MAIS

  De acordo com os dados revisados pela Fundação João Pinheiro, ano base de 2019, o déficit habitacional em todo o Brasil está em 5,8 milhões de moradias. O estudo também apresenta uma tendência de aumento no déficit.

  Uma das causas para esse crescimento é o ônus excessivo com aluguel urbano, hoje caracterizado como o principal componente do déficit.

  Nos quatro anos considerados pelo estudo, o número de casas desocupadas por conta do valor alto do aluguel saltou de 2,814 milhões em 2016 para 3,035 milhões em 2019.

Principais mudanças na metodologia de cálculo do déficit habitacional e da inadequação de moradias:- Passaram a ser utilizados dados da Pnad Contínua em vez da Pnad Anual


- Informações sobre domicílios improvisados, agora, são obtidos por meio do Cadastro Único (CadÚnico)

- A identificação das famílias em unidades domésticas conviventes passa a ser feita a partir de composições de membros de domicílio: unipessoal, nucleares, extensas e compostas. Para o cálculo das famílias conviventes classificadas como déficit habitacional, a nova metodologia da FJP considera os domicílios em que são identificados os núcleos secundários e que possuam mais de dois moradores por cômodo servindo permanentemente de dormitório

- A renda da unidade domiciliar passa a ser um dos itens analisados

- Os domicílios anteriormente classificados como “aglomerado rural com extensão urbana” passam a ser contabilizados apenas como rurais

- A frequência dos serviços de abastecimento de água e de energia elétrica, a capacidade de armazenamento de água e o tipo de piso foram incorporadas no dimensionamento da inadequação edilícia

- A substituição do item de adensamento de domicílios próprios por cômodos servindo como dormitórios, exceto banheiros



Tarifa aérea doméstica tem menor preço em 20 anos

Airton Bulhões,

   Segundo Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a tarifa aérea doméstica de 2020 registrou o menor preço em 20 anos, ao se situar em R$ 376,29, o que representou uma queda de 14,5% em relação a 2019, quando a tarifa havia ficado em R$ 439,89.

  Em torno de 9% das passagens aéreas vendidas de janeiro a dezembro do ano passado ficaram abaixo de R$ 100 e 53% dos bilhetes foram comercializados por menos de R$ 300. Tarifas acima de R$ 1,5 mil representaram 1,5% do total.

  Levando-se em consideração somente o  quarto trimestre de 2020 a tarifa aérea doméstica teve retração de 8,3%, em comparação com o mesmo período de 2019, ao ser comercializada por R$ 412,90.

  De acordo com a ANAC, esse indicador registrou redução em todos os trimestres de 2020. O preço do quilômetro voado (“yield”) nesse período se situou em R$ 0,3001, uma queda de 19,5% em relação ao quarto trimestre de 2019.

SAIBA MAIS

  A demanda global por viagens aéreas nacionais e internacionais teve queda de 72% em janeiro, em relação ao mesmo mês de 2019.

  A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA, da sigla em inglês), destaca que priorizou a comparação com o período pré-pandemia “para seguir um padrão de demanda normal, já que as comparações mensais com 2020 são distorcidas pelo impacto extraordinário da pandemia”.

  A oferta teve redução de 58,7%. Com isso, o aproveitamento das aeronaves chegou a 54,1%, uma redução de 25,7 pontos percentuais.



Teleférico de Santa Cruz tem recursos de R$ 1,2 milhão garantido para sua conclusão

Airton Bulhões,

  O Ministério do Turismo liberou  R$ 1,2 milhão para conclusão do teleférico de Santa Cruz um dos mais importantes monumentos nacionais do turismo religioso.

     Os recursos foram garantidos pelo ministro do Turismo, Gilson Machado em reunião realizada em Brasília com o deputado estadual Tomba Farias (PSDB), encontro que também teve a presença do ministro das Comunicações, Fábio Farias (PSD).

  Gilson Machado não só assegurou recursos, mas também anunciou que visitará Santa Cruz para conhecer “in loco” o empreendimento que deve elevar aquele município do Rio Grande do Norte ao topo dos destinos de turismo religioso do País.

  O ministro do governo Jair Bolsonaro que é cantor, compositor, sanfoneiro e médico veterinário disse que “é importantíssimo que a gente conclua essa obra, Tomba. Pode contar com o Ministério, e vou, sim, anunciar lá (em Santa Cruz), pessoalmente, a conclusão da obra e cantar na inauguração”, assegurou Gilson Machado.

   O deputado Tomba Farias agradeceu ao empenho do ministro, que por sua vez relembrou conhecer o parlamentar potiguar há muitos anos.

   Machado é empresário e dono de uma banda de forró chamada “Brucelose”, formada no início da década de 1990 na cidade de Gravatá Pernambuco.

  O turismo religioso é uma das boas opções que vêm sendo implementadas com vistas a atrair turistas nesse segmento, inclusive Natal com o monumento dos mártires de Cunhaú.

qpQakxg.jpg


Caixa Econômica anuncia nova linha de crédito imobiliário

Airton Bulhões,

 A Caixa Econômica Federal anunciou em live nacional uma nova linha de financiamento habitacional, que será operada pela Caixa a partir de 1º de março de 2021.

  Os juros equivalerão ao rendimento da poupança mais taxa fixa de 3,35% até 3,99% ao ano.

  A variação entre os dois índices depende do perfil do tomador. Clientes da Caixa com características especiais, como investidores e contratantes de seus serviços, terão taxas menores, que variam em função da movimentação de suas contas.

  Para o presidente do Sistema Cofeci Creci, João Teodoro as medidas anunciadas não são novas e já estão sendo praticadas por outros bancos e alerta: a taxa de juros pode chegar a 9,52% ao ano (3,35 + 6,17%)!

  A Caixa, que detém carteira com mais de 70% dos financiamentos habitacionais no Brasil, não poderia ficar para trás.

  Aliás, deveria ter sido o primeiro banco a oferecê-la. De todo modo, nunca é tarde para disponibilizar bons produtos ao mercado. Mesmo com a TR (Taxa Referencial) atualmente zerada, os juros finais devem ser menores do que os de outras linhas a ela atreladas.

SAIBA MAIS 

  A nova linha de financiamentos utilizará recursos do SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo), e não do FGTS.

  Como ela, há outras três linhas disponíveis:

1. Taxas prefixadas, sem correção, com juros a partir 8% ao ano. São as de menor risco, porque as prestações permanecem fixas até o final do contrato;

 2. Taxas fixas mais correção pela TR, com juros a partir de 6,5%. Risco médio;

 3. Taxas de juros atreladas ao IPCA. Apesar dos juros mais baixos (a partir de 2,95% ao ano), o risco é grande. O IPCA representa a taxa de inflação, cujo controle é sempre uma incógnita.

G7NHiZH.jpg

Praia Shopping e Cidade Jardim anunciam novos horários de abertura para seus clientes

Airton Bulhões,

 O Praia Shopping, em cumprimento aos decretos do Governo do RN e da Prefeitura de Natal comunica  alteração do horário de funcionamento das lojas e serviços, que a partir do último domingo (28/02) passaram a funcionar da seguinte maneira  partir desta segunda-feira.

Lojas e Quiosques
De segunda a sábado, das 10h às 21h
Domingos e Feriados, das 14h às 20h

Praça de Alimentação

De Segunda a Domingo, das 11h às 21h.

A medida tem por objetivo conter a propagação do COVID-19 e diminuir a pressão sobre as unidades de saúde em todo o Estado, por isso todas as medidas sanitárias devem continuar sendo respeitadas:
- Respeito ao distanciamento social
- Obrigatoriedade do uso de máscaras
- Higienização das mãos e dos ambientes constantemente

“Para que possamos passar por mais esse momento, contamos com a colaboração de todos. O Praia Shopping segue firme nessa batalha em favor da vida e da segurança, por isso, continuaremos com todas as medidas para garantir a proteção de nossos colaboradores e de nossos clientes”, disse a gerente geral, Danielle Leal.

CIDADE JARDIM

  O Shopping Cidade Jardim altera seu horário de funcionamento de lojas, quiosques e serviços 

Segunda a sábado

Lojas e quiosques – 10h às 21h

Alimentação – 11h às 21h

Domingos e feriados

Lojas e quiosques – 14h às 20h

Alimentação – 11h às 21h

Cartório

08h às 17h

OD6lSjz.jpg

Petrobras coloca à venda participação em quatro parques eólicos em Guamaré

Airton Bulhões,

  A Petrobras está anunciando para venda a totalidade de sua participação de 51% no capital social da sociedade Eólica Mangue Seco 2 – Geradora e Comercializadora de Energia Elétrica S.A. (Eólica Mangue Seco 2), proprietária de parque de geração de energia eólica. )

 O estatal tem participação societária o com o Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia Pirineus (FIP Pirineus).
 

  O valor da venda é de R$ 32,97 milhões, a ser pago em uma única parcela no fechamento da transação, sujeito aos ajustes previstos no contrato.

   A transação decorre do exercício do direito de preferência pelo FIP Pirineus, em conformidade com o acordo de acionistas da Eólica Mangue Seco 2.

 Segundo comunicação a Petrobras mantém o foco na redução do seu endividamento, ao mesmo tempo em que concentra seus recursos em ativos com maior potencial de geração de valor, como os campos de petróleo e gás em águas profundas e ultraprofundas.SstGTds.jpg

 
  A Eólica Mangue Seco 2 faz parte de um complexo de quatro parques eólicos (Mangue Seco 1, Mangue Seco 2, Mangue Seco 3 e Mangue Seco 4) localizado em Guamaré no Rio Grande do Norte, com capacidade instalada total de 104 MW.

  A Eólica Mangue Seco 2 detém e opera um parque eólico, com capacidade de 26 MW.




BB tem disponível para venda 775 móveis urbanos, rurais, comerciais e residenciais

Airton Bulhões,

  O Banco do Brasil tem disponível no site cerca de 1.500 imóveis urbanos, rurais, comerciais e residenciais, com descontos que vão de 51% a 70%.

Os pagos à vista ganham mais 3% de deságio. Seu Imóvel BB (https://www.seuimovelbb.com.br)

 Durante o ano de 2020 foram vendidos 775 imóveis mostrando um crescimento de 37% em relação as 566 vendas de 2019.

  Considerando somente os imóveis retomados do crédito, houve um aumento de 51% nas vendas no período de um ano: em 2020 foram 719, frente aos 477 imóveis vendidos em 2019.

  A maior parte das vendas ocorreu digitalmente, por meio da plataforma.

  Implementada em abril de 2020, em parceria com a startup Resale , o Seu Imóvel BB oferece processo 100% on-line, fator diferencial que permitiu o incremento das vendas mesmo em um ano atípico.

   Em torno desse processo, encontra-se a aplicação das mais recentes ferramentas de tecnologia da informação, tais como blockchainmachine learning, inteligência artificial e marketing digital.

  No final de 2020, o BB lançou ainda uma plataforma digital para imóveis agro (https://www.seuimovelbb.com.br/agrobb), como chácaras, sítios, fazendas e lotes rurais. Estão disponíveis cerca de 41 propriedades.



Crescimento de 25% de temporários para o primeiro trimestre eleva geração de emprego

Airton Bulhões,

  A geração de vagas formais por meio do Trabalho Temporário deve crescer 25% no 1º trimestre de 2021 em comparação ao mesmo período do ano passado, segundo projeção da Associação Brasileira do Trabalho Temporário (ASSERTTEM).

  Após um resultado surpreendente em janeiro é  projetada a geração de mais de 805 mil vagas temporárias entre os meses de janeiro e março de 2021, superando em 25% as 644.500 contratações temporárias no mesmo período do ano passado.

  "Após um resultado surpreendente em janeiro, projetamos a geração de mais de 805 mil vagas temporárias entre os meses de janeiro e março de 2021, superando em 25% as 644.500 contratações temporárias no mesmo período do ano passado", afirma o presidente da associação, Marcos de Abreu.

  Outro ponto importante a destacar é que o período de duração do contrato temporário na Indústria, que era de 45 dias em média, será superior a 77 dias em 2021. "O período de contratação será bem maior para a Indústria conseguir atender o volume de demandas do mercado", diz.

  As empresas seguirão se apoiando no Trabalho Temporário para garantir maior flexibilidade de gestão e, assim, conseguirem se manter no mercado, utilizando a modalidade de contratação para substituição transitória e para demanda complementar de trabalho de forma rápida, eficaz e segura.

"As empresas já enxergaram que o Trabalho Temporário é uma excelente opção formal de contratação, que preserva os direitos dos trabalhadores e ainda confere flexibilidade de gestão para acompanharem as oscilações da economia", explica.



Moura Dubeux confia no aquecimento da construção civil e lança novo residencial

Airton Bulhões,

   A construtora Moura Dubeux conquistou a confiabilidade dos natalenses e do mercado potiguar.

  Prova disso é que nem bem fez o recente pré-lançamento da construtora do residencial Olhar das Dunas  já teve mais de 40% de vendas garantidas.

  Nesta quarta-feira o diretor regional da Moura Dubeux, Fernado Amorim veio a Natal e vai receber convidados para promover o lançamento do estande de vendas do empreendimento localizado na Rua da Saudade, com parte do terreno entre as avenidas Amintas Barros e Rui Barbosa, no bairro de Lagoa Nova.

  O horário de atendimento é diferenciado e contempla todos os dias da semana: de segunda a sexta, entre 8h45 e 19h, aos sábados entre 08h45 e 14h45 e aos domingos entre 09h e 14h.

  O Olhar das Dunas possui torre única e todos os apartamentos voltados para o nascente. A linda vista para o Parque das Dunas traz uma versatilidade em termos de

  Serão três plantas que se adequam aos novos hábitos e comportamentos, o que proporciona a criação de áreas de home office por exemplo, e até “guarda-e-commerce”, que oferece praticidade para os usuários, que podem ter suas compras recebidas e acomodadas quando os moradores não estiverem em casa.

  O próprio estilo home office fez o brasileiro repensar sobre comodidade e querer melhorar seu apartamento, partir para um projeto mais adequado e funcional.

   “Estamos muito satisfeitos com a receptividade do nosso novo empreendimento em Natal, que já é considerado um sucesso de vendas apenas no pré-lançamento”, ressalta Fernando Amorim

  Para ele a Moura Dubeux tem uma bela história com a cidade e vai continuar apresentando projetos com a cara da MD: modernos, versáteis e de alta qualidade.

GmDMLvg.jpg

Pesquisa aponta que 64,5% dos natalenses preferem água mineral natural para consumo

Airton Bulhões,

  Segundo pesquisa nesta segunda-feira 64, 5% dos natalenses  prefere consumir água mineral e apenas 25% a  água oferecida pela Caern. A consulta foi divulgada pelo Sindicato das Águas Minerais e Bebidas em Geral do RN ((Sicramirn).

  Em Natal a água oferecida pela Caern só serve para lavar pratos ou abastecer piscinas e uma curiosidade os moradores da Zona Norte são percentualmente os maiores consumidores de água mineral natural.

   A pesquisa realizada pela Consult entrevistou 1.700 pessoas, distribuídas em 12 regiões do estado, entre 14 e 19 de janeiro deste ano. O levantamento apresenta um diagnóstico inédito do setor.

  Entre os entrevistados, 41.9% declararam que o principal critério de escolha é a qualidade da água consumida, seguido de menor preço (36,9%), praticidade (19,7%) e facilidade de compra (17,8%).

  Para Roberto Serquiz, empresário do setor e presidente do Sicramirn, o resultado da pesquisa é considerado bastante positivo, porque demonstra que o potiguar prioriza a garantia de qualidade e segurança que o consumidor valoriza o produto e confia na indústria da água mineral natural potiguar. Isso nos traz uma maior responsabilidade e a certeza de que podemos seguir ampliando essa relação de confiança.

SAIBA MAIS

  Segundo a pesquisa do Sicramirn, a preferência aumenta para 77.9%, na capital. O comportamento tem maior destaque na Zona Norte, onde 89,6% da população escolhe água mineral natural para consumo. Em segundo lugar vem a Zona Leste (80%), seguida da Zona Sul (68,8%) e Zona Oeste (66,3%).

  Quando perguntados sobre quanto pagam por um galão de 20L de água mineral natural, a média das respostas oferecidas pelos entrevistados em Natal varia de R$4,65 na Zona Oeste da Cidade a R$6,27 na Zona Leste.

   Na Zona Norte, os entrevistados afirmaram pagar cerca de R$4,97 pelo garrafão e na Zona Sul, a média de preço é de R$5,92.

   Em todo o estado, a média de valor pago por galão de 20L é R$ 4,92, o mais barato do Nordeste. “Nos estados vizinhos como a Paraíba, o preço é acima de R$ 7 e em Fortaleza, o valor ultrapassa R$ 10”, compara Serquiz.

Ainda de acordo com os dados obtidos, 25,2% dos entrevistados no RN declaram ter preferência por consumir água tratada da concessionária (Caern) e 4,70%, por água de poço artesiano.



BNB apresente ao trade turístico do RN programa de desenvolvimento territorial

Airton Bulhões,

Será realizado nesta terça-feira apresentação em reunião virtual do Conselho de Turismo do Polo Costa das Dunas com apresentação da metodologia do Programa de Desenvolvimento Territorial, Prodeter, do Banco do Nordeste.

 A apresentação será pela plataforma virtual Meet, das 9h às 10h25. Esta será a 85ª reunião desde a criação do Polo, em 1999.

  O Prodeter do BNB trabalha com o fortalecimento de diversas cadeias produtivas em sua área de atuação, cabendo à região litorânea potiguar, ao sul e ao norte de Natal, a priorização do turismo.

   As ações do Programa visam potencializar a cooperação e a participação dos agentes institucionais e econômicos no processo de desenvolvimento local e territorial, com a articulação de políticas públicas e a promoção do financiamento integrado e orientado das atividades produtivas.

  Segundo Agnelo Peixoto  o gerente de Desenvolvimento Territorial do BNB, Agnelo Peixoto Neto  o Rio Grande do Norte tem 11  territórios definidos no Programa.

  Em 2020, o volume de recursos contratados nas sete atividades econômicas priorizadas foi na ordem de R$ 92 milhões. Esse modelo permite o financiamento integrado das atividades econômicas, reduzindo os custos de produção e, por conseguinte, melhorando o desempenho dos empreendimentos.

"O Programa de Desenvolvimento Territorial é uma estratégia do Banco do Nordeste para contribuir com o desenvolvimento territorial e local por meio da organização, fortalecimento e elevação da competitividade das atividades econômicas da região", salienta o agente de desenvolvimento Onireves Cardoso, coordenador do Território Turismo do Prodeter e responsável pela explanação no evento.

  SAIBA MAIS

  O Conselho é coordenado pela secretária de Turismo do Rio Grande do Norte, Ana Maria Costa, e secretariado pelo Banco do Nordeste.

  São 37 assentos, ocupados pelas principais entidades, públicas e privadas, ligadas à atividade econômica no RN, universidades e municípios.

  A reunião também abordará a atualização do planejamento e do calendário anual de ações e eventos de turismo. 

Pyg01wL.jpg

STI Norland Brasil amplia seu portfólio de serviços para usinas solares no Brasil em 2021

Airton Bulhões,

     A energia solar foi uma das fontes que apresentou maior crescimento no último ano, seguida pela eólica.

   A STI Norland Brasil, uma das líderes mundiais em projeto, fabricação e fornecimento de trackers para projetos de energia solar fotovoltaica, é parte do ecossistema das empresas do ramo solar e encerrou o ano com crescimento de 95% em relação ao ano anterior.

  Em 2020 no Brasil a empresa aumentou em mais de 120% seu quadro de funcionários em relação ao ano anterior, devido à alta demanda por novos projetos fotovoltaicos.

 Além da contratação, a STI Norland oferece treinamentos e capacitação com o objetivo de desenvolver os profissionais para atuação nos novos negócios que foram acoplados ao portfólio da empresa


  Para 2021, a STI Norland Brasil planeja investir mais no desenvolvimento de outras linhas de atuação na prestação de serviços para usinas solares fotovoltaicas

  A STI Norland Brasil tem fábrica própria em Camaçari, na Bahia, onde são produzidos os componentes nacionais.

  A empresa já soma mais de 62 mil Trackers vendidos, representando cerca de 8 milhões de módulos fotovoltaicos instalados em 160 usinas, gerando cerca de 3,5GWp de energia limpa e sustentável.

SAIBA MAIS

  A STI Norland, empresa de origem espanhola, é uma das líderes mundiais em projeto, fabricação e fornecimento de trackers, os chamados rastreadores solares, para projetos de energia solar fotovoltaica.

   A empresa, focada em energia limpa e renovável, tem presença em oito países e cinco continentes. Só no Brasil, de 2017 a 2019, houve um crescimento exponencial em torno de 1200%, podendo ser considerada uma das empresas do setor que mais cresce.



Câmeras de reconhecimento facial para aumentar segurança são instaladas pelo Praia Shopping

Airton Bulhões,

   Preocupado com a segurança dos seus clientes e lojistas o Praia começa a instalar um novo sistema de segurança eletrônica que permite reconhecer o rosto dos frequentadores por meio de câmeras de alta resolução.

  O shopping é o primeiro de Natal e o segundo do Nordeste com reconhecimento facial dos seus clientes. A tecnologia foi escolhida para trazer mais segurança, tanto para lojistas como clientes do Praia.

   As câmeras instaladas nas seis entradas do Praia Shopping  além de fazer o reconhecimento facial também vão realizar a contagem precisa e automática da quantidade de pessoas que circulam pelo lugar diariamente, categorizando por sexo e até por expressões faciais.

  “Todas essas mudanças estão sendo implementadas sem custos para os nossos lojistas. Conseguiremos otimizar a segurança de clientes e trabalhadores, e modernizar o Praia Shopping sem acréscimos ao custo condominial. Isso é possível graças ao uso estratégico das novas tecnologias em benefício de todos", garante a gerente geral do shopping, Danielle Leal.

  A garantia de um nível de informação muito mais aprofundado sobre os sentimentos dos clientes também é o que vai servir para medir o impacto as nossas ações administrativas e de marketing

  Por meio de um eficiente sistema de inteligência artificial, as filmagens revelarão sentimentos como felicidade, raiva, tristeza ou indiferença em tempo real, mesmo com a utilização de máscaras.

  O sistema também vai criar um banco de imagens de reconhecimento facial com o rosto de suspeitos, apoiando a ação preventiva da equipe de segurança do Praia Shopping.

129llRG.jpg
21-40 de 2319