Jaime, Zenaide e João conspiraram contra Paulinho

Alexandre Cavalcanti,

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio Medeiros(PR), assumiu, publicamente, a responsabilidade pela derrota de sua mulher, Terezinha Maia (PR), para deputada estadual. E nao podia se diferente. Agora, vamos e venhamos, quem tem aliados como Paulinho, não precisa de adversários.

Uma coisa é certa. Jaime e João Maia não queriam a eleição de Terezinha. Embora aliados de Paulo Emídio, o Paulinho da Habitação, Jaime, João Maia e Zenaide, eleita senadora, preferem um Paulinho do mesmo tamanho que chegou a São Gonçalo. A eleição de Terezinha, imaginam, poderia abrir novos horizontes politicos.

Exemplos: dobradinha Terezinha/João Maia, em Jardim de Piranhas, terra de João e de Zenaide Maia, - Terezinha obteve apenas 300 votos contra 1.800 de João; Em Messias Targino, terra em que a prefeira Shirley Targino é mulher de João Maia: Terezinha conquistou apenas 77 votos contra quase 1 mil de George Soares, um dos seus concorrentes.

Apenas nesses dois municípios, Terezinha poderia ter batido a parada. A diferença de Terezinha para o último eleito foi de apenas 300 votos. Até a distante Lucrécia, terra de Jaime Calado, poderia ter ajudado na eleição da primeira dama de São Gonçalo. Lá, entretanto, Terezinha só conseguiu seis votos.

A ausência de reciprocidade não pára por aí. Em São Gonçalo, Jaime Calado, ex-prefeito, e sua mulher Zenaide, candidata ao Senado, ainda concordaram com a candidatura da filha, Mada Calado, que terminou sendo determinante para a derrota de Terezinha. Mada obteve 2 mil votos em cima de Terezinha. Ou seja, o sistema conspirou contra Paulinho e a eleição de sua mulher.



Tags: Derrota Paulinho Sistema
A+ A-