38 mil passageiros devem utilizar o aeroporto de São Gonçalo durante feriado prolongado

Terminal prevê 225 pousos e decolagens entre os dias 14 a 18 de novembro.

Da redação, Inframerica,
Wendell Jefferson/Inframerica
Inframerica recomenda que os passageiros cheguem com pelo menos 1h30min de antecedência para evitar transtornos no momento do embarque.

A Inframerica, administradora do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, calcula para o feriado em comemoração à Proclamação da República um movimento que pode chegar aos 38 mil passageiros entre os dias 14 a 18 de novembro. O fluxo aéreo previsto para o feriado prolongado é de 225 pousos e decolagens, destes, 24 são voos extras e charters para atender a demanda do período.

A concentração com maior fluxo de passageiros deverá iniciar na 5ª feira, dia 14, a partir de 11hs. Para esta data estão previstos 45 voos, destes 4 são extras. Na 6ª feira, a movimentação será maior durante a manhã, com estimativa de um movimento de 7 mil passageiros ao longo do dia. Domingo e segunda-feira, dias de retorno do feriado, o Aeroporto deverá ter um movimento intensificado partir das 17h no dia 17 e que deve se estender até o início da manhã de segunda-feira, com movimento pico à 1h da manhã.

A Inframerica informa que todos os passageiros passarão por inspeção de raio-x ao embarcar, e que alguns poderão ser selecionados para revistas aleatórias conforme prevê a legislação da Agência Nacional de Aviação Civil. Por isso, é recomendado chegar com 1h30 de antecedência. Passageiros que vão curtir o feriado no exterior, o conselho é chegar com pelo menos 2h30 antes do voo e ficar atento a documentação e validade do passaporte.

Além disso, para agilizar o processo na fila de raio-x, o passageiro deve retirar todos os objetos metálicos que estiver carregando - cintos, relógios, chaves, moedas e celulares. Laptops também devem ser retirados de malas e mochilas e depositados nas caixas plásticas. Vale lembrar que alguns itens são proibidos na bagagem de mão, como objetos cortantes, perfurantes e inflamáveis. Para voos internacionais há regras específicas. Para evitar o descarte dos objetos no canal de inspeção, transporte-os em sua bagagem despachada.

A Inframerica ressalta que cada companhia aérea tem sua regra de bagagem, respeitando a resolução nº 400/2016 da ANAC. Por isso a recomendação para que o passageiro esteja atento ao volume, quantidade e peso da bagagem de mão. A orientação também é para que confirme com a sua companhia aérea as regras para não precisar despachar a bagagem quando estiver embarcando. Este processo pode atrasar o voo. Evite filas e atrasos no seu embarque.

Tags: Aeroporto de São Gonçalo Aviação
A+ A-