Rodoviários fazem paralisação de advertência em Natal

Categoria reivindica cumprimento de acordo firmado com empresários do transporte público.

Rafael Araújo,
Rafael Araújo/Nominuto
Motoristas e cobradores aguardam resposta sobre o cumprimento de acordo firmado ainda no ano passado.

Os rodoviários de Natal iniciaram na manhã de hoje (7) uma paralisação de advertência. Motoristas e cobradores de ônibus aguardam o resultado da reunião entre o presidente o presidente do Sindicato dos Profissionais de Transporte do Rio Grande do Norte (Sintro-RN), Júnior Rodoviário e os representantes das empresas de transporte público. Os profissionais aguardam sinalização sobre o cumprimento de acordo firmado ainda no ano passado.

Antes do encontro, que ocorre na sede da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), os passageiros foram surpreendidos com a paralisação dos ônibus que trafegam nas proximidades do viaduto do Baldo.

Também aconteceu uma concentração de ônibus no cruzamento das avenidas Deodora da Fonseca com Ulisses Caldas, nas imediações do cemitério do Alecrim, e na avenida Bernardo Vieira, próximo ao Midway Mall.

paralisacao-h1

Com a paralisação, os passageiros tiveram que descer dos veículos e seguir a pé. Enquanto isso, os sindicalistas utilizavam carro de som para cobrar o cumprimento do acordo entre os rodoviários e empresários do setor.

Segundo o Sintro, as empresas de ônibus não pagaram o reajuste de 10% nos salários a todos os empregados. Também não houve contratação de novos cobradores, que seriam admitidos para reduzir a dupla função. O Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros de Natal (Seturn) afirma que desconhece o descumprimento de acordo.

Caso não haja acordo, os rodoviários devem se mobilizar para realização de uma greve na próxima terça-feira. 

Tags: Empresários Júnior Rodoviário Natal Ônibus Sintro Transporte
A+ A-