SMS monta posto volante em shopping para vacinar contra sarampo e poliomielite

Espaço contará com estrutura para atividade, além de um enfermeiro responsável e dois vacinadores.

Da redação,

Nós próximos finais de semana, a Secretaria Municipal de Saúde estará no Shopping Cidade Jardim promovendo uma extensão da campanha de vacinação contra a Poliomielite e Sarampo. A ação acontece aos sábados (18 e 25), das 9h às 17h, e aos domingos (19 e 26), das 15h às 19h, e objetiva aumentar o índice de vacinação de crianças entre 12 meses e menores de cinco anos.

O espaço localizado no Hall de Eventos do shopping contará com estrutura para atividade, além de um enfermeiro responsável e dois vacinadores. Para participar da campanha, basta comparecer ao local e apresentar a caderneta de vacina. A indicação é que todas as crianças nessa faixa etária, mesmo que já tenham sido vacinadas anteriormente, adquiram a dose da campanha.

Segundo a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica do Município do Natal, Aline Delgado, o percentual da cobertura vacinal está muito baixo mesmo com os alertas e casos que tem atingido a região Norte do país. “A população não está indo a procura da vacinação. Como estratégia, decidimos montar postos volantes nos principais shoppings da cidade para operar durante os finais de semana, dias em que as unidades de saúde do município não funcionam”, explica. A intenção é ir diretamente até a população, de forma acessível para alcançar o maior número de público possível.

A campanha encabeçada pelo Ministério da Saúde, e apoiada por todas as secretarias regionais e municipais, iniciou no último dia 6 e permanece até o dia 31 de agosto. De acordo com dados do próprio Ministério, após quase 10 dias de ações, apenas cerca de 16% do público-alvo foi vacinado. A expectativa é imunizar pelo menos 11 milhões de crianças até o fim da campanha.

Sobre as doenças

O sarampo é uma doença altamente contagiosa com sintomas que geralmente incluem febre, muitas vezes superior a 40 ºC, tosse, corrimento nasal, olhos inflamados, pontos brancos no interior da boca, manchas vermelhas e planas pelo corpo. Em cerca de 30% dos casos ocorrem complicações, as quais podem incluir, entre outras, diarreia, cegueira, inflamação do cérebro e pneumonia.

A vacina contra o sarampo é eficaz na prevenção da doença e diminuiu em 75% o número de mortes por sarampo entre 2000 e 2013. Até o momento, no Brasil, foram confirmados 6 óbitos por sarampo, sendo 4 no estado de Roraima e 2 no estado do Amazonas.

A poliomielite é uma doença infecciosa transmitida de pessoa a pessoa. Consiste na inflamação da substância cinzenta da medula espinhal, as quais, podem também se estender até o tronco encefálico e estruturas superiores. Os indivíduos afetados podem exibir uma variedade de sintomas se o vírus atingir a corrente sanguínea e em cerca de 1% dos casos, o vírus alcança o sistema nervoso central, infectando e destruindo neurônios motores, que resulta na fraqueza muscular e paralisia.

Desenvolvida na década de 1950, a vacina contra a pólio reduziu o número global de casos da doença por ano de centenas de milhares para menos de mil.

Tags: campanha de vacinação poliomielite sarampo SMS
A+ A-