Força-tarefa quer devolver pacientes de baixa gravidade do Walfredo para cidades de origem

Caso ocorra resistência das demais unidades, Sesap deve interferir para garantir transferências.

Da redação,
Cedida/Sesap
O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel pretende realizar a identificação dos pacientes estáveis, de baixa gravidade e que podem retornar aos suas cidades de origem. Caso exista a necessidade de continuidade do tratamento, o hospital deverá enviar a medicação necessária. A informação foi confirmada com a a assessoria de imprensa da unidade.

Caso haja resistência dos demais hospitais para receber o paciente, Coordenadoria de Operações de Hospitais e Unidades de Referência (Cohur), deverá interferir para que a unidade receba o doente.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) irá trabalhar para garantir as condições necessárias para que as transferências sejam efetuadas no tocante a desabastecimento, medicações e outros insumos.

Um documento circular será enviado pela Cohur aos hospitais do interior informando da obrigatoriedade do recebimentos de seus doentes.
Tags: Saúde Sesap
A+ A-