Vice de Robinson será escolhido dentro da composição dos partidos aliados

Segundo o deputado federal Fábio Faria, nomes já estão sendo avaliados.

Fátima Elena Albuquerque,

O nome do vice que irá compor a chapa do governador Robinson Faria, na disputa pela reeleição ao governo estadual, será escolhido dentro da composição dos partidos aliados, segundo informou o deputado federal Fábio Faria (PSD), em entrevista nesta sexta-feira ao programa RN Acontece.

O parlamentar, que é um dos articuladores da campanha de Robinson Faria, explicou que, até o momento, 11 partidos fazem parte da coligação que irá apoiar a reeleição do atual governador do Rio Grande do Norte: PSDB, PR, PRB, PTB, PPS, Pros, Avante, PMN, PRP PMB, além do próprio PSD.

De acordo com Fábio Faria, que preferiu não adiantar os nomes que estão sendo avaliados, o candidato a vice será representativo e não será escolhido de forma aleatória, apenas para compor a chapa. “Não iremos dar um emprego de vice. Temos que ter responsabilidade com o Rio Grande do Norte”, frisou o deputado federal.

FABIo-H2

Quanto à disputa pelo Senado Federal, Fábio Faria afirmou que a chapa terá apenas um nome, que é o do ex-senador e ex-governador Geraldo Melo (PSDB). “O governador, juntamente com o grupo, fez essa opção. Entendemos que quando há duas candidaturas, normalmente se sai com um candidato forte e com outro que não tem condições de se eleger, apenas para cumprir tabela. Hoje, a população está muito atenta e não queremos um candidato-laranja. Por isso, decidimos ter apenas um nome para o Senado”, disse.

Questionado sobre o fato de Geraldo Melo ter externado o apoio à pré-candidatura de Fábio Dantas (PSB) ao Governo do Estado, Fábio Faria destacou que este é um problema superado.  “Ele [Geraldo] nunca escondeu que era entusiasta da pré-candidatura de Fábio Dantas, mas reconheceu que o vice-governador não a teria viabilizado”.

Fábio Faria fez críticas ao pré-candidato Carlos Eduardo Alves (PDT), que deixou a Prefeitura do Natal para concorrer ao governo estadual. “Ele se elegeu, prometendo não renunciar à Prefeitura para concorrer às eleições deste ano, e não cumpriu sua promessa, ficando no cargo por apenas nove meses”. E acrescentou: “Eu conheço a palavra do ex-prefeito de Natal, que não existe. Em 2012, a família foi contra ele e nós fomos os únicos que apoiamos a candidatura dele. Ele subiu no nosso palanque e disse que o único compromisso dele era apoiar Robinson em 2014 e nos traiu”.


Confira o vídeo:


AMS

Tags: Fábio Faria PSD RN Acontece
A+ A-