Vendedor de carro mineiro é preso em Natal por estelionato

Genil Eduardo Feliciano é acusado de estelionato em Pernambuco e há dois anos morava em Natal.

Thyago Macedo,
Agentes do 15º Distrito Policial prenderam nesta quinta-feira (15) o mineiro Genil Eduardo Feliciano, de 57 anos. Ele é acusado de estelionato em Pernambuco e há dois anos morava em Natal.

De acordo com o chefe de investigação do 15º DP, André Gustavo, Genil trabalha como corretor de veículos e tinha um mandado de prisão desde 2001, expedido pela 3ª Vara Criminal de Pernambuco.

“Ele é acusado de falsificação de documento e uso de documento falso. Com isso, nós conseguimos chegar até ele nesta quinta”, conta. Genil Eduardo trabalhava em uma concessionária de carros, localizada na BR101, próximo ao Pórtico dos Reis Magos.

Após a prisão, os policiais foram até a casa do estelionatário, em Ponta Negra. “Lá, foram encontrados várias identidades com a foto dele e o nome de José Gouveia da Silva, além de extratos de cartões Visa, documentos imobiliários em nome de outras pessoas e dois processo do Detran, que ainda estamos analisando a origem”, contou o chefe de investigação.

Genil Eduardo é natural de Sabará (MG). Há dois anos ele mora em Natal, onde estava na Pousada Ponta Negra.
A+ A-