Polícia Civil prende em Nova Cruz suspeito de fabricar anabolizantes clandestinamente

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em lojas de suplementos alimentares.

Da redação, Polícia Civil,
Divulgação/Polícia Civil
Policiais civis da Denarc apreenderam nesta terça-feira suplementos com venda proibida, sem registro na Anvisa ou com rótulo em língua estrangeira.

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos de Natal (Denarc) prenderam, na manhã desta terça-feira (12), Allef Barbosa Queiroz, de 23 anos, na cidade de Nova Cruz, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva.

O suspeito também foi preso em flagrante delito pela prática do crime de falsificação, adulteração ou alteração do produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais.

Durante a prisão, os policiais civis cumpriram mandados de busca e apreensão em lojas de suplementos alimentares que o suspeito possui nas cidades de Santo Antônio e Nova Cruz. Nestes estabelecimentos, foram apreendidos suplementos com venda proibida, sem registro na Anvisa ou com rótulo em língua estrangeira.

Allef Barbosa começou a ser investigado pela Polícia Civil após ter tentado enviar via Correios, no mês de janeiro, 10 mercadorias contendo várias caixas e frascos de produtos anabolizantes feitos clandestinamente, para pessoas residentes em vários Estados do Brasil.

Na Delegacia, após a prisão, Allef Barbosa confessou a tentativa de remessa desse material.

Tags: Allef Barbosa Queiroz Denarc Polícia Civil prisão
A+ A-