Polícia Civil cumpre mandado de prisão por latrocínio em Extremoz

Crime aconteceu no dia 2 de março, na rua da Goiabeira, no bairro Conjunto Alto de Extremoz.

Da redação, Polícia Civil,
Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Municipal de Extremoz deram cumprimento, na manhã desta quinta-feira (18), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de Robson Thales Moraes da Silva, conhecido como “Birimba”.

O mandado foi expedido pela Vara Criminal da Comarca de Extremoz. Robson Thales é investigado por efetuar disparos que resultaram na morte de José Marcos Araújo de Souza, conhecido como “Ceará”, 57 anos, em março deste ano.

No dia 17 de abril deste ano, também foi preso Jhemyson Thiago Gomes Costa, identificado como autor intelectual do crime. A prisão de Thiago Gomes se deu por cumprimento de mandado de prisão preventiva, expedido pela Comarca Criminal de Extremoz.

O crime aconteceu no dia 2 de março, na rua da Goiabeira, no bairro Conjunto Alto de Extremoz, no município de Extremoz. A vítima, José Marcos Araújo, foi executada com dois disparos de arma de fogo, em frente a residência onde morava. De acordo com as investigações, o crime foi motivado para subtrair os bens da vítima.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Tags: prisão preventiva Robson Thales Moraes da Silva
A+ A-