Carroceiro é morto na frente da casa em Mossoró

Paulo Sérgio Nogueira, conhecido como“Tejo”, foi alvejado com mais de 20 tiros enquanto dava comida ao cavalo.

Da redação, Fim da Linha,
Reprodução/Fim da Linha
Ao ser atingido pelos tiros, Paulo Sérgio ainda tentou correr para dentro de casa, mas acabou sendo executado no meio da rua.

O carroceiro Paulo Sérgio Nogueira, conhecido como“Tejo”, de 26 anos, foi assassinado com mais de 20 tiros na noite de ontem (21) em Mossoró.

O crime ocorreu em frente da casa da vítima, na Rua João Damásio do bairro Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar, Paulo Sérgio tinha saído para dar comida ao cavalo que estava amarrado na frente da residência quando foi surpreendido pelo assassinos. Os suspeitos chegaram em um carro, e atiraram no carroceiro.

Ao ser atingido pelos tiros, o homem ainda tentou correr para dentro de casa, mas acabou sendo executado no meio da rua. A perícia criminal registrou cerca de vinte perfurações no corpo da vítima. 

Após o crime, os atiradores, fugiram e não foram identificados. Até o momento não há informações sobre a motivação do crime. O corpo do carroceiro foi encaminhado ao Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep).

Aos policiais, a família informou que Paulo Sérgio Nogueira teve envolvimento com drogas, mas que estava ‘limpo’ nos últimos anos.

Com mais um assassinato ocorrido na noite de ontem, Mossoró já contabiliza 146 homicídios neste ano. 

A morte do carroceiro Paulo Sérgio Nogueira seguiu para lista de inquéritos da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Tags: carroceiro morte Mossoró
A+ A-