Votação em 2º turno da Previdência começa em 6 de agosto, diz Onyx

Rodrigo Maia também indicou que a votação do segundo turno da reforma deve ficar para o mês que vem.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Adriano Machado/Reuters
Ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzon estima que votação do segundo turno seja iniciada no dia 6 de agosto.
O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse nesta sexta-feira (12), que a votação do segundo turno da reforma da Previdência na Câmara terá início às 16h do dia 6 de agosto.

Onyx, que foi eleito ano passado deputado pelo DEM do Rio Grande do Sul, disse que vai se licenciar novamente do cargo de ministro para votar o segundo turno da reforma, como ocorreu com o primeiro. "E na dos militares também", disse.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), também indicou que a votação do segundo turno do texto deve ficar para agosto, na volta do recesso parlamentar. Segundo ele, o quórum no plenário já está caindo no início da noite desta sexta-feira, e, por isso, é muito difícil conseguir número suficiente de parlamentares para uma eventual sessão no sábado (13).

“Precisamos ter cuidado, porque queremos acelerar. Mas se acelerarmos um pouco demais, podemos bater no muro", afirmou Maia. Ele comemorou o avanço da votação no plenário, que se encaminha para a apreciação dos últimos destaques. “Terminando o primeiro turno hoje, está espetacular”, afirmou.

A previsão é que, ao término da sessão, a Comissão Especial seja imediatamente aberta na Câmara. Assim, no retorno do recesso parlamentar, o texto já voltaria ao plenário para a votação em segundo turno.

Até às 20h, os deputados ainda não haviam finalizado a votação do primeiro turno antes que a proposta passe mais uma vez pela Comissão Especial, convocada para as 20h30.

Tags: Poder
A+ A-