Prefeitura lança Plano do livro, anuncia editais e entrega premiações nesta terça

Solenidade será realizada no Salão Nobre do Palácio Felipe Camarão, a partir das 10h.

Da redação, Prefeitura do Natal,
Divulgação
Plano Municipal do Livro estabelece ações encadeadas e projetadas para o futuro, assegurando universal acesso a tão importante bem cultural.

A Prefeitura do Natal, através das Secretarias de Cultura e Educação, lança nesta terça-feira (10) o inédito Plano Municipal do Livro, da Leitura, da Literatura e das Bibliotecas no Município de Natal (PMLLLB) e anuncia uma série de editais voltados para a Poesia, Folclore, Ficção, Quadrinhos, Documentários, Contação de Histórias e Redação para o Ensino Fundamental.

A solenidade também irá premiar os vencedores dos concursos realizados pela Secult e dará posse aos conselheiros do PMLLLB. Será no Salão Nobre do Palácio Felipe Camarão, com presença do prefeito Álvaro Dias, a partir das 10h.

O PMLLLB é inédito na história da Cultura na Cidade do Natal. Elaborado por equipe especializada, estabelece ações encadeadas e projetadas para o futuro, assegurando universal acesso a tão importante bem cultural.

Anúncio de editais

Além da posse do Conselho – que será empossado pelo Prefeito Álvaro Dias - e do lançamento do Plano, a Prefeitura do Natal estará anunciando editais voltados para o segmento. Serão anunciadas as Seleções Públicas Othoniel Menezes (Poesia), Câmara Cascudo (Folclore), Moacy Cirne (Ficção), Seleção Pública de Redação Zila Mamede para o Ensino Fundamental (A Cidade que Vivemos – Sonho e Realidade); Seleção Pública de Poesia Nísia Floresta (Ensino Fundamental; Seleção Pública de Vídeo Documentário Carlos Augusto e Seleção Pública de Contação de Histórias Dona Militana.

“Os editais são fruto do trabalho e empenho de todos em brindar as diretrizes do plano no estímulo às mais variadas vertentes. É uma política pública consolidada e que cresce cada vez mais. Tudo o que, primordialmente, representa este Plano acabou transcrito, numa única frase. Natal quer ler mais.  Sempre haverá de querer ler mais”, disse o secretário de Cultura de Natal, Dácio Galvão.

Como funciona o Conselho e o plano

O Conselho Municipal do Livro e da Leitura atuará de forma colegiada, sob a presidência do representante da Secretaria de Cultura, com a seguinte constituição: estudos, proposições, ações eventuais ou permanentes, pareceres aos projetos e fiscalização das ações públicas.

Também haverá a participação de jovens, adultos e pessoas com necessidades especiais; diretrizes das políticas públicas pré-existentes; novas linguagens e tecnologias; incorporação da múltipla fruição de bens artístico-culturais nas bibliotecas; incentivos à produção do livro, criação literária e à participação dos autores; monitoramento sistemático do Plano.

Tomarão posse os conselheiros José Ivam Pinheiro, Aluísio Azevedo Júnior, Rejane de Souza; Evanir de Oliveira Pinheiro; Maria do Carmo da Silva Medeiros; Damião Gomes da Silva; Sandemberg Oliveira de Almeida, Gelson Luis Pereira Pessoa. Nilson Sousa de Oliveira, Hélio de Oliveira, Cristiane Severo da Silva, Maria Carolina Guerreiro Ferreira; Sirleno Raimundo da Silva Júnior;/ Sayonara Fernandes da Silva; Tania Elizabeth da Fonseca Félix; Irlan Albano Bezerra, Samya Maria Queiroz Maia, Maria do Socorro Bento e Rudson Edson Gomes de Souza.

Premiações 2018 entregues na solenidade

A Prefeitura do Natal, através do prefeito Álvaro Dias e o secretário Dácio Galvão, entregarão as premiações aos ganhadores da Seleções Públicas 2018:    

Categoria Folclore

1º Lugar no Concurso Literário Othoniel Menezes, Câmara Cascudo e Moacy Cirne 2018, na Categoria Folclore, à André Araújo Sales, com a obra “Câmara Cascudo, o antropólogo de olhos verdes, sua casa e sua posição a favor da cultura popular em 1964”.

Valor: R$ 12.000,00

Categoria Ficção

1º Lugar no Concurso Literário Othoniel Menezes, Câmara Cascudo e Moacy Cirne 2018, na Categoria Ficção, à Paulo Sérgio da Câmara Vilela com a obra “Sertão profundo”. Valor: R$ 12.000,00

2º Lugar no Concurso Literário Othoniel Menezes, Câmara Cascudo e Moacy Cirne 2018, na Categoria Ficção, à José Tarcísio Rosas com a obra “Contando as pedras do caminho”. Valor: R$ 5.000,00

Categoria Poesia

1º Lugar no Concurso Literário Othoniel Menezes, Câmara Cascudo e Moacy Cirne 2018, na Categoria Poesia, à Luiz Renato Dantas de Almeida com a obra “Testemunha de si”. Valor: R$ 12.000,00

2º Lugar no Concurso Literário Othoniel Menezes, Câmara Cascudo e Moacy Cirne 2018, na Categoria Poesia, à Renan II de Pinheiro e Pereira com a obra “Cárcere – vozes de um prisioneiro”. Valor: R$ 5.000,00.

Tags: Plano Municipal do Livro, da Leitura, da Literatura e das Bibliotecas Prefeitura do Natal
A+ A-