Empresas de ônibus decidem recolher frotas das ruas após veículo ser incendiado

Ação criminosa ocorreu no bairro Nordeste; ninguém ficou ferido.

Da redação,

Um ônibus da empresa Guanabara foi incendiado na tarde deste sábado (2), no bairro Nordeste, zona oeste da capital potiguar.  De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), todas as empresas de ônibus decidiram recolher suas frotas, depois da ação criminosa.

"Todas as empresas de ônibus estão recolhendo a frota após ataque. Fica autorizado aos táxis, escolares e veículos de fretamento turísticos devidamente licenciados a realizarem lotação até a normalização da circulação dos ônibus", informou a STTU no twitter oficial da secretaria.

Segundo informações da Polícia Militar, quatro homens em duas motos cercaram o ônibus da linha 25 - que faz o percurso Petrópolis / Bairro Nordeste - e obrigaram o motorista a parar. Eles mandaram todos os passageiros descerem e atearam foto no veículo. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o incêndio, o que ocorreu por volta volta das 15h. Ninguém ficou ferido. Segundo relato de moradores, homens armados pararam o ônibus, renderam o motorista e obrigaram todos os passageiros a descer do veículo.

O helicóptero da Secretaria de Segurança sobrevoou a região à procura dos criminosos. Vários carros da PM também cercaram as ruas próximas ao local do ataque, mas ninguém foi preso.

A polícia acredita que o fato tenha ligação com reivindicações feitas por detentos custodiados na Penitenciária de Alcaçuz, localizada no município de Nísia Floresta. No início do ano, cerca de 2 mil militares da Forças Armadas foram enviados para reforçar a segurança nos estado durante o período em que policiais entraram em greve pelo o atraso no pagamento de salários e do 13º.


Confira o vídeo:


AMS

Tags: bairro Nordeste frotas recolhidas ônibus incendiado
A+ A-