Congresso debaterá em Natal o alto índice de mortes no trabalho

Evento ocorrerá de 17 a 19 de outubro, na Escola de Governo.

Da redação,

Nos últimos cinco anos foram registradas 169 mortes por acidente de trabalho e 17.839 novos auxílios-doença no Rio Grande do Norte. Os dados alarmantes são do Ministério Público do Trabalho em cooperação com a Organização Internacional do Trabalho.

Para debater sobre a redução desses números e as melhorias nessa área dentro das empresas de um modo geral, será realizado em Natal o 20º Congresso Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho, de 17 a 19 de outubro, na Escola de Governo.

O evento destaca-se também pela abordagem internacional, devido à presença de palestrantes e participantes dos países de língua portuguesa: Portugal, Angola e Cabo Verde.

“Vamos trazer o debate para uma perspectiva de mercado de trabalho, mas também para uma ótica da formação acadêmica nos países de língua portuguesa. Será uma excelente oportunidade de troca de experiências práticas e teóricas entre o Brasil e outros lugares do mundo”, relata Benvenuto Gonçalves, presidente Associação Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho (Anest). 

Durante o congresso serão formalizados protocolos de intenções com as Escolas Superiores de Tecnologia de Portugal e de Cabo Verde.

Estão confirmados especialistas da área como Hélder Simões, sócio e fundador da Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais e professor da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra/Portugal; Mario Luiz Fantazzini, consultor independente e membro do Conselho Técnico da Associação Brasileira de Higienistas

Inscrições:

www.conest2018.com.br

Tags: acidente de trabalho congresso mortes no trabalho
A+ A-