Decisão judicial garante venda de bebidas alcoólicas no clássico-rei

A liminar é válida apenas para o jogo entre América e ABC, no próximo domingo (15).

Artur Dantas,
Através de uma liminar, a Justiça garantiu, nesta quinta-feira (12), o comércio de bebidas alcoólicas no Estádio Machadão, no clássico entre América e ABC no próximo domingo (15). O anúncio foi feita em uma coletiva realizada no Ministério Público nesta tarde.

 

De acordo com o documento, está permitido o consumo e venda de bebidas nas áreas interna e externa da praça esportiva. No entanto, a decisão é válida apenas para os jogos do Estadual, ficando a critério judicial uma nova apreciação sobre a possibilidade de comércio durante os jogos do Campeonato Brasileiro, do qual participam os dois clubes de maior torcida do RN.

 

O integrante da Comissão do Ministério Público da regulamentação do estatuto do torcedor, Luiz Eduardo Costa, garantiu que um reforço policial será disposto nas ruas e no entorno do Machadão para garantir a segurança dos torcedores, além de detectores de metais que estarão nos portões de entrada das torcidas. Alvirrubros têm acesso ao campo através dos portões  4 e 8, voltados para a av. Prudente de Morais e os alvinegros entram pelos 1 e 11, voltados ao Machadinho.

 

Um total de 800 homens da polícia fazem a segurança em um raio de cinco quilômetros a partir do Estádio e as torcidas organizadas serão escoltadas até a entrada do Estádio.As principais vias de acesso como as avenidas Bernardo Vieira, Mor Gouveia, Prudente de Morais, Romualdo Galvão e Roberto Freire recebem o reforço da segurança.

 

"É uma pena que essa decisão da permissão da venda de álcool tenha sido aprovada. Mas continuamos com o objetivo de proibir o comércio de bebidas nos Estádios", disse o promotor Luiz Eduardo.Para evitar maiores problemas, o Ministério Público proibiu que circulasse no Machadão torcedores com cascos e latas de bebidas para "evitar que sejam arremessadas no campo"

 

O capitão da Polícia Militar, Correia Lima explicou que o efetivo de policiais na rua é "suficiente para atender o estatuto do torcedor". Para o jogo, são esperadas cerca 20 mil torcedores, divididos igualmente pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol.

A+ A-