Seis pessoas morrem em tiroteio em New Jersey, nos EUA

Outros dois policiais e um civil ficaram feridos, mas estão internados em condições estáveis.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Kena Betancur/AFP
Força policial chega à cena do crime em Jersey City, após tiroteio que deixou seis pessoas mortas, incluindo um policial.

Seis pessoas morreram, incluindo um policial, em Jersey City, no Estado americano de New Jersey, nesta terça-feira (10) depois de duas pessoas não identificadas terem atirado contra pedestres em frente a um supermercado. Elas estão entre os mortos. Outros dois policiais e um civil ficaram feridos, mas estão internados em condições estáveis. 

Iniciou-se um tiroteio no local com as forças de segurança, que durou mais de uma hora e levou escolas e comércios do bairro de Greenville a fecharem as portas. Helicópteros sobrevoaram a região, enquanto policiais procuravam pelos suspeitos nas ruas e orientavam civis a permanecerem trancados. Os dois suspeitos, armados, acabaram se escondendo no mercado antes de serem atingidos. 

Em comunicado, o governador do estado de New Jersey, Philip D. Murphy, disse que "Nossos pensamentos e orações estão com os homens e mulheres do Departamento de Polícia de Jersey City, especialmente com os policiais atingidos durante esse tiroteio, e com os residentes e estudantes atualmente em modo de bloqueio". 

O tiroteio também levou ao fechamento de todas as 43 escolas públicas na cidade, com alunos e funcionários trancados nos prédios. "Todos os estudantes e funcionários estão seguros", informou em comunicado o Distrito Escolar de Jersey City. 

Os tiros começaram por volta das 12h30 horário local (14h30 horário de Brasília). O serviço de ônibus da cidade foi interrompido, enquanto os trens continuaram funcionando normalmente. 

Tanto o FBI quanto o departamento de Álcool, Tabaco, Armas de Fogo e Explosivos estão em atuação no local. Suspeita-se que o motivo do ataque esteja relacionado a drogas, descartando-se a possibilidade de terrorismo.

Tags: New Jersey tiroteio
A+ A-