Incêndio criminoso em estúdio de animação no Japão mata ao menos 27 pessoas

Homem com cerca de 40 anos está sob custódia policial em um hospital de Kyoto, suspeito do crime.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Kyodo/Reuters
Empresa alvo de incêndio criminoso foi criada em 1981 e produz programas de cinema e anime para a televisão.

Ao menos 27 pessoas morreram e 36 ficaram feridas em um incêndio supostamente criminoso em um estúdio de animação em Kyoto, no Japão, nesta quinta-feira (18). Outros 18 indivíduos que trabalhavam no local estão desaparecidos. Segundo autoridades locais, diversos feridos estão em estado grave.

Um homem de 40 anos é suspeito de ter jogado um líquido inflamável e iniciado o incêndio no prédio de três andares que abriga o estúdio Kyoto Animation. Ele também ficou ferido e está sob custódia policial em um hospital da cidade. A identidade dele não foi revelada e ainda não há informações sobre o que teria motivado o crime. 

Segundo os bombeiros, testemunhas relataram que ouviram detonações no primeiro andar. O incêndio começou por volta das 10h30 (22h30 em Brasília) e foi contido quase em sua totalidade três horas depois, embora a fumaça ainda saísse de algumas janelas, de acordo com imagens transmitidas por emissoras de televisão locais.

Com cerca de 160 funcionários, a Kyoto Animationfoi criada em 1981 e produz programas de cinema e anime para a televisão. Entre suas produções estão K-ON! e A Melancolia de Haruhi Suzumiya.
Tags: Japão
A+ A-