Encontro entre Lula e Sarney para discutir sucessão no Senado é adiado

De acordo com o Palácio do Planalto a reunião, possivelmente um jantar, ocorreria hoje, porém, foi desmarcada a pedido de Sarney, em virtude de uma forte gripe.

Redação,
Um encontro entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o senador José Sarney (PMDB-AP), previsto para esta terça-feira (13) à noite, para discutir a possível candidatura de Sarney à presidência do Senado não deve ocorrer esta semana. De acordo com informações de fontes do Palácio do Planalto a reunião, possivelmente um jantar, ocorreria hoje, porém, foi desmarcada a pedido de Sarney, em virtude de uma forte gripe.

Pela manhã, Lula presidiu a primeira reunião da coordenação política de 2009 e, de acordo com relatos de assessores, o presidente reafirmou que, até o final deste mês, serão anunciadas medidas econômicas para conter os efeitos da crise mundial na economia brasileira.

Aos integrantes da coordenação, o presidente manifestou para esse ano o otimismo que marcou seu discurso na abertura da Couromoda, ontem, em São Paulo. Os bombardeios de Israel à Faixa de Gaza também foram tema da reunião e o governo reafirmou a posição adotada historicamente pelo Brasil em favor dos dois estados, o Palestino e o Israelense.

No domingo (11), o ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, iniciou uma viagem por países do Oriente Médio para apoiar as negociações pela paz entre israelenses e o grupo Hamas, na Faixa de Gaza.

Participaram da reunião os ministros da Justiça, Tarso Genro, da Casa Civil, Dilma Rousseff, da Secretaria de Relações Institucionais, José Múcio, da Secretaria-geral da Presidência, Luiz Dulci, da Secretaria de Comunicação Social, Franklin Martins, e o vice-presidente, José Alencar. Os ministros da Fazenda, Guido Mantega e do Planejamento, Paulo Bernardo, integram a equipe da coordenação, mas estão de férias e não participaram da reunião.

* Fonte: Agência Brasil.
A+ A-