Expectativa de pacote de Bush anima mercados

Analistas acreditam que o mercado de ações continuará volátil até que haja mais evidências sobre os efeitos da crise no mercado imobiliário americano.

BBC Brasil,
BBC Brasil
Bolsas da Ásia fecharam em altas apesar de oscilações.
A bolsa de Nova York abriu em ligeira alta nesta sexta-feira (18) diante de expectativas otimistas sobre um pronunciamento do presidente George W. Bush, que deve anunciar, hoje, um pacote de medidas para estimular a economia do país.

O índice Dow Jones iniciou o dia com ganhos de 0,97%, enquanto o Nasdaq, especializado em ações de empresas de alta tecnologia, avançava 0,91%.

Os resultados acompanham a tendência de alta registrada nas bolsas européias e asiáticas. Por volta das 15h25 de Londres (13h25 de Brasília), a bolsa de Londres operava em alta de 1,24%; a de Frankfurt tinha ganhos de 0,51%; e Paris estava com alta de 0,55%.

A tendência de recuperação em relação aos últimos dias, em que os mercados foram fortemente abalados, foi sentida na Ásia, onde os mercados fecharam a sexta-feira em alta apesar de oscilações durante o dia.

A bolsa de Tóquio fechou o pregão em alta de 0,56% depois de uma queda de 3%. O índice Hang Seng da Bolsa de Hong Kong também se recuperou de uma baixa de 3,7% para fechar a sexta-feira com ligeira alta de 0,4%.

Cingapura e Coréia do Sul também obtiveram resultados positivos. O índice Strait Times registrou 2,66% e o indicador Kospi, 0,7%.

Volatilidade

Analistas acreditam que o mercado de ações continuará volátil até que haja mais evidências sobre os efeitos da crise no mercado imobiliário americano e sobre a capacidade de reaquecimento da economia diante das medidas de emergência que serão anunciadas por Bush.

“Há um forte ceticismo sobre a habilidade do mercado de retomar os ganhos”, disse Richard Urwin, da empresa de investimentos BlackRock.

"Mas contra tudo isso, há também um grande potencial de que o mercado não reaja tão mal quando os investidores acreditam”, ponderou Urwin.
A+ A-