Bush prevê reduzir tropas no Iraque se 'sucesso continuar'

Presidente americano fez visita surpresa à província de Anbar, no Iraque.

BBC Brasil,
O presidente americano, George W. Bush, disse nesta segunda-feira, durante visita surpresa ao Iraque, que a quantidade de tropas que os Estados Unidos mantêm no Iraque pode ser reduzida se as forças americanas continuarem tendo sucesso nas operações no país.

"O general Petraeus (comandante das forças americanas no Iraque) e o embaixador (Ryan) Crocker (dos Estados Unidos no Iraque) me dizem que, se esse tipo de sucesso que estamos vendo continuar, será possível manter o mesmo nível de segurança com menos forças americanas", disse o presidente.

Depois, em um discurso, Bush explicou que "essas decisões serão baseadas em uma avaliação calma por comandantes militares sobre as condições no solo, não com uma reação nervosa de políticos de Washington a pesquisas de opinião e à imprensa."

O presidente americano não fez referência a um número de tropas que poderia ser retirado do Iraque e reafirmou que a força militar americana vai continuar no Iraque.

"Os Estados Unidos não abandonam seus amigos. Os Estados Unidos não vão abandonar o povo iraquiano", disse.

Líderes iraquianos e militares

Bush fez o discurso em uma base aérea na Província de Anbar, no oeste do Iraque, onde o exército americano tem conseguido o apoio de algumas tribos sunitas contra a Al-Qaeda.

O presidente americano disse que Anbar é um lugar diferente hoje e disse que isso comprova que o sucesso da operação militar no Iraque é possível.

Bush – que foi para o Iraque acompanhado da secretária de Estado, Condoleezza Rice, e do assessor de segurança nacional, Steven Halliday – se reuniu na base aérea com líderes iraquianos, incluindo o primeiro-ministro, Nouri Al-Maliki, e o presidente Jalal Talabani.

Antes da chegada de Bush, o secretário americano de Defesa, Robert Gates, se reuniu no país com o general Petraeus e com o embaixador Crocker.

"Este é o último encontro grande dos assessores militares do presidente e das lideranças iraquianas antes de o presidente decidir o caminho futuro", disse o porta-voz da Casa Branca Geoff Morell.

Petraeus e Crocker devem apresentar nos próximos dias 10 e 11 um relatório no Congresso americano sobre a situação do Iraque.

A visita de Bush ao Iraque acontece no mesmo momento em que as 5,5 mil tropas britânicas anunciaram que vão deixar a cidade de Basra.

Um porta-voz militar britânico disse que a retirada é um marco no processo de devolver o controle do país às autoridades iraquianas.
A+ A-