Raimundo Rolim assume Núcleo de Inteligência Policial

Delegado estava na Corregedoria e agora vai assessorar delegado geral.

Fred Carvalho,
O delegado Raimundo Rolim de Albuquerque Filho assume a partir de hoje o Núcleo de Inteligência Policial (NIP). Na nova função, ele ficará responsável pelo setor de inteligência da Polícia Civil potiguar, assessorando diretamente o delegado geral, Elias Nobre.

“Recebi o convite na semana passada e não poderia deixar de prestar minha contribuição à Polícia Civil do Rio Grande do Norte”, falou Rolim, que nos últimos meses trabalhou na Corregedoria de Polícia..

No Núcleo de Inteligência, Raimundo Rolim ficará responsável em trabalhar com dados de ocorrências. “Ele vai prestar assessoria, consultoria, nas investigações. A partir de agora não vai mais aparecer como chefe das investigações, e sim como auxiliar delas. Rolim vai coletar dados, repassar para outros policiais e acompanhar as apurações”, explicou um delegado.

Raimundo Rolim, que já trabalhou em diversos casos complexos, ganhou notoriedade em 2007 ao elucidar o assassinato da dona-de-casa gaúcha Andréia Rodrigues, em Cidade Verde. Andréia foi morta pelo próprio marido, o sargento da Aeronáutica Andrei Thies, em 22 de agosto, dentro da casa deles.

DPCin
Outra mudança na Polícia Civil foi a troca de funções entre os delegados Osmir Monte e Albérico Norberto. Monte, que estava na Delegacia do Cidadão (Decida), volta a assumir a Diretoria de Policiamento do Interior (DPCin). Já Norberto faz o caminho inverso e assume a Decida a partir desta segunda-feira (2).
A+ A-