Médicos convocados para Maternidade Leide Moraes ainda não apareceram

Na unidade funcionará um pronto-atendimento 24 horas, mas profissionais concursados não se apresentaram.

Maiara Felipe ,
Inaugurada nesta terça-feira (23), mas com funcionamento marcado para a próxima segunda-feira (29), a Maternidade Leide Moraes, localizada no bairro Nossa Senhora da Apresentação, terá capacidade para realizar 300 partos por mês e possui 16 leitos.

Na unidade funcionará também um pronto-atendimento 24 horas em clínica geral e pediatria, mas os médicos concursados desse setor não se aprestaram a Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Segundo o secretário, Edmilson Albuquerque, eles podem começar suas atividades até o dia 15 de janeiro.

Durante esses seis dias entre a inauguração e o começo do funcionamento, os funcionários serão treinados para o atendimento e utilização dos equipamentos, que custaram cerca de R$ 3 milhões.

A maternidade começou a ser construída em agosto de 2007 e custou cerca de R$ 4,5 milhões. Ela tem um projeto arquitetônico em forma de círculo e conta com 16 leitos e tem capacidade para realizar 300 partos por mês, inclusive, cirurgias cesariana.

O pronto atendimento tem capacidade de 450 atendimentos diários o que vai desafogar a demanda dos hospitais Maria Alice Fernandes, Santa Catarina e o Clovis Sarino.
A+ A-