TRF da 4ª Região nega pedido para Lula participar de debate na TV

Desembargadora Cláudia Cristofani disse que PT não tem legitimidade para fazer pedido em nome de Lula.

Da redação, Agência Brasil,
Arquivo/Agência Brasil
Luiz Inácio Lula da Silva está preso desde 7 de abril, na sede da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba,

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, decidiu rejeitar novo pedido feito pelo PT para autorizar a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no debate que será realizado hoje (9), às 22h, na TV Bandeirantes, com candidatos à Presidência da República nas eleições de outubro.

Na decisão, a desembargadora Cláudia Cristina Cristofani entendeu que o PT não tem legitimidade para fazer o pedido em nome de Lula. Na segunda-feira (6), a juíza Bianca Arenhart negou o mesmo pedido.

Lula está preso desde 7 de abril, na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, em função de sua condenação a 12 anos de prisão na ação penal do caso do triplex do Guarujá (SP). Para o PT, como pré-candidato, Lula tem direito de participar do debate.

De acordo com o partido, o pedido de registro de candidatura do ex-presidente deve ser protocolado no dia 15 de agosto, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Após o registro, o tribunal vai avaliar se Lula será enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de condenados por órgãos colegiados.

Tags: Lula participação em debate negado TRF-4
A+ A-