Geleia de cachaça para adoçar festa junina

Estamos em pleno mês de junho e é hora de se esbaldar com as comidas típicas desta época do ano.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Márcio Fernandes
Geleia de Cachaça: delícia para esquentar sua festa junina ao lado da fogueira, forró e gastronomia rica à base de milho.

SELO1-SAO-JOAO1Chega o mês de junho e com ele as inúmeras festas alusivas ao mês e aos tradicionais santos que permeiam a cultura popular e religiosa do Brasil, principalmente do Nordeste. Além das quadrilhas de São João, fogueiras, músicas, temos também a gastronomia rica em receitas típicas.

Todo mundo lembra do milho e os pratos derivados, como canjica ou pamonha. Mas que tal adoçar - e esquentar - a sua confraternização junina preparando uma deliciosa geleia de cachaça? A receita não é tão complicada e o resultado são 24 cubinhos deliciosos.

Ingredientes:

4 envelopes de gelatina vermelha sem sabor;
2 envelopes de gelatina incolor sem sabor;
2 ½ xícaras (chá) de água;
1 kg de açúcar refinado (para cozinhar a geleia);
1 xícara (chá) de cachaça;
óleo para untar;
açúcar refinado para polvilhar.;

Modo de preparo:

Coloque as gelatinas numa tigela com ½ xícara de água e deixe repousar por 5 minutos. Enquanto isso, ferva 1 xícara de água.

Regue a gelatina com a água fervente, mexa com um batedor de arame até dissolver completamente. Transfira para uma panela grande e larga e leve ao fogo.

Junte a xícara de água restante, o quilo de açúcar, a cachaça e mexa sem parar até dissolver e começar a ferver. Pare de mexer logo que ferver, diminua o fogo e cozinhe por mais ou menos 1 hora, até engrossar bastante e surgirem bolhas grandes (a geleia sobe bastante, mas só transbordará se a panela for pequena).

Unte uma assadeira de uns 22x18 com óleo, reserve.

Despeje a geleia fervente na assadeira, mas não raspe e não utilize de jeito algum a calda de permanecer nas paredes e base da panela, e não se preocupe, pois embora pareça que tudo vai transbordar, as bolhas diminuem e a calda se acomoda.

Deixe a geleia repousar por pelo menos 6 e até por 12 horas fora da geladeira, depois desenforme a placa do doce sobre uma superfície polvilhada com bastante açúcar. Para não grudar, polvilhe com açúcar as lâminas da tesoura, e corte em tiras e a seguir em cubos.

Role os cubos no açúcar e deixe repousar em temperatura ambiente e sem cobrir por mais umas 3 horas.

Transfira para um pote as geleinhas quando as estiverem bem secas por fora, feche e guarde fora da geladeira por até 3 dias (se você gosta delas macias por dentro, depois desse tempo elas secam demais, açucaram por fora, mas tem gente que come feliz por 1 semana).

Tags: Gastronomia
A+ A-