CBF trata com Pia Sundhage para substituir Vadão na seleção feminina

Técnica bi-campeã olímpica com EUA já sinalizou interesse; Entidade define que novo nome será de uma mulher.

Da redação, Globo,
Getty Images

A CBF já tem um nome de preferência para assumir a Seleção feminina. A sueca Pia Sundhage, bicampeã olímpica com os Estados Unidos e atual comandante da categoria sub-16 da Suécia. Após a eliminação das brasileiras na França, ela foi procurada pelo presidente Rogério Caboclo e se mostrou aberta a uma proposta.

De acordo com o GloboEsporte.com, o passo seguinte será dado nas próximas semanas, oficializar o interesse e discutir detalhes caso ela aceite o convite. Além disso, conversar sobre a substituição com o atual treinador, Vadão. O comandante já sabe que seria muito difícil sua permanência no posto.

Pia e Caboclo se aproximaram este ano quando a treinadora esteve no Brasil, à convite da CBF, participando de seminário sobre a categoria. Na ocasião, chegou a responder a perguntas da imprensa a respeito da Seleção feminina e mostrou que um namoro seria possível, embora ter dito que seu vínculo com o atual emprego vai até o fim do ano.

Após a derrota na França, foi procurada pelo dirigente e o assunto teve continuidade. A ideia da CBF é oferecer um contrato de longo prazo para a treinadora e a proposta de que promova uma reformulação da Seleção. A entidade também espera ouvir qual seria o planejamento e as propostas de trabalho que Pia pretende executar, caso o convite avance.

Tags: CBF Futebol feminino
A+ A-