Crescimento do e-commerce brasileiro e seus desafios

Realidade demonstra a fé dos empreendedores nacionais no setor digital mas traz, também, novos desafios.

Da redação,
Internet se tornou apelativa como fonte de renda passiva e fez com que as mentes empreendedoras começassem a criar novas maneiras de lucrar.

Recentemente um estudo realizado pelo Paypal comprovou que o crescimento do e-commerce no Brasil se tem sentido de forma bem intensa. Essa realidade demonstra a fé dos empreendedores nacionais no setor digital mas traz, também, novos desafios. Descubra mais sobre o cenário atual das lojas online no Brasil e as principais preocupações das novas empresas do setor.

Quando se fala no crescimento dos mercados digitais, a mensagem que chega até nós é positiva. Isso nos indica que existe um espaço de oportunidades no setor e que é possível ter sucesso recorrendo a ele.

Ainda assim, no caso do Brasil, quando se fala nas novas tecnologias e em suas oportunidades, existem vários aspectos a considerar e muitos elementos a ter em conta.

Para começar, a grande procura pelos trabalhos online no Brasil não se deveu simplesmente às tendências – embora isso siga a tendência internacional. A economia débil fez com que muitos brasileiros se vissem numa situação de dificuldade econômica ou mesmo de desemprego, obrigando-os a procurar novas alternativas para irem pagando as suas obrigações e vivendo seu cotidiano com dignidade.

Sendo um espaço de novas oportunidades, a Internet se tornou apelativa como fonte de renda passiva e fez com que as mentes empreendedoras começassem a criar novas fórmulas para sobreviver às complexas lógicas do século XXI.
Vários trabalhos online pareceram ganhar adeptos. Aqui, encontramos os influencers (trabalho tendência em solo brasileiro), os freelancers, pessoas trabalhando com marketing de afiliados e também – principalmente – empreendedores de e-commerce.

Além da grande fé que estes empreendedores depositam no meio digital, este tipo de negócio tornou-se pertinente também pela possibilidade de encontrar parceiros para ajudar com o design e criação de lojas online, que permitem ainda uma ajuda com a gestão logística e uma redução do investimento inicial, através de plataformas de e-commerce como as que pode ver em https://pt.shopify.com/plataforma-de-e-commerce.

A Paypal, numa parceria que a junta ao BigData Corp, analisaram a forma como o e-commerce está a desenvolver-se no Brasil e obteve resultados impressionantes. Ainda assim, os desafios decorrentes disto também não podem ser esquecidos. Venha saber mais sobre esta matéria.

O estudo sobre o perfil do e-commerce brasileiro em 2019

A Paypal e a BigData Corp realizaram um estudo sobre as lojas online no Brasil em 2019, concluindo que houve um aumento na ordem dos 37,5% no número de lojas digitais no país.

Estas lojas contam com espaços digitais em sites e também com páginas e perfis em redes sociais, que visam a proximidade com o consumidor.

A par com o aumento no número de lojas online sentiu-se também o aumento do consumo digital, principalmente a partir dos celulares.

Desafios no crescimento do e-commerce brasileiro

Em 2018, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) indicava já que cerca de 80% das lojas online entraria em falência no primeiro ano e meio de atividade devido à severa concorrência no setor.

Assim, apesar de se ter verificado um crescimento de quase 40% no número de lojas online, o que é positivo para a economia do país, a verdade é que as lógicas de concorrência acabam, assim, por se intensificar e dificultar o encontro entre as novas marcas de e-commerce e os seus consumidores.

Tags: Esporte
A+ A-