Definido Plano Operacional de Segurança para as Eleições Gerais de 2018

Esquema de segurança começará no dia 6, a partir das 15 horas.

Da redação, TRE,
Ascom/TRE
Plano Operacional de Segurança para as eleições 2018 foi apresentado nesta terça-feira ao presidente do TRE, desembargador Glauber Rêgo.

SELO-ELEIÇÕES-2018-100O Plano Operacional de Segurança  para as eleições 2018  foi apresentado hoje (25) pelos representantes da Secretaria de Segurança e Defesa Social  ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, desembargador Glauber Rêgo, ao Corregedor, desembargador Cornélio Alves e aos juízes das zonas eleitorais de Natal.

Quase cinco mil policiais militares, civis, bombeiros, polícia de trânsito, força nacional e guardas municipais de Natal, Mossoró e Macau irão participar do esquema de segurança que começará no sábado, dia 6, a partir das 15h. 

Cada local de votação terá entre  dois policiais e seis policiais  no dia da eleição. Na abertura  da reunião, o presidente do TRE comunicou a secretária Sheila Freitas que sessenta oficias, lotados no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, irão atuar na segurança dos magistrados no dia 7 de outro. Uma reunião entre o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Expedito Ferreira com o presidente e corregedor do TRE definiu a participação deles no pleito. 

De acordo com planejamento,  os 1.551 locais de votação nos municípios do interior do Rio Grande do Norte irão contar com um efetivo de 2.885 PMs. Todos irão receber diárias operacionais. Na capital e nos municípios da Região Metropolitana serão 956 PMS, cumprindo escala de 30hs, começando no sábado, às 15h  e concluindo o trabalho ao término da apuração. O comando nessa área será do Ten.Cel Santos Lima.

A Guarda Municipal de Natal, que  vai participar do esquema de segurança das eleições pela primeira vez, vai disponibilizar 120 guardas que serão incluídos na escala da PM. No dia 7 de outubro as delegacias instaladas nos municípios das Zonas Eleitorais funcionarão normalmente com a atuação de todos os delegados.

Já a  Força Nacional, que atua no Rio Grande do Norte desde de 2016, vai colaborar com a Justiça Eleitoral com a participação de 100 homens em Natal, região metropolitana e Mossoró. A DPRE, a Polícia de Trânsito, responsável pelo monitoramento de 79 rodovias estaduais, vai escalar 225 policias para os dias 6 e 7 de outubro. Já os policiais bombeiros irão trabalhar em regime de sobreaviso  e de plantão nas unidades dos municípios pólos.

O presidente do TRE, desembargador Glauber Rego, agradeceu a secretária Sheila Freitas o empenho do governo em atender a demanda da Justiça Eleitoral . “Saio da reunião com bastante satisfeito com o plano apresentado e certo  de que teremos uma eleição  tranquila no Rio Grande do Norte.  O resultado só é satisfatório quando é planejado e foi isso que presenciamos aqui”, declarou.

Esquema de segurança continua na quinta-feira

Na próxima quinta-feira, dia 27, às 14h, no plenário do TRE, a Justiça Eleitoral vai reunir os representantes das áreas da segurança  para  apresentação dos procedimentos que serão usados nas Eleições Gerais de 2018. O Ministério Público Eleitoral vai participar do evento.

Tags: Eleições 2018 Plano Operacional de Segurança
A+ A-