CCJ do Senado inicia sessão para leitura do parecer da reforma da Previdência

Votação da proposta na comissão deve ocorrer no dia 4 de setembro.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Reprodução/TV Senado
Senador Tasso Jereissati apresenta o relatório da reforma da Previdência à Comissão de Constituição e Justiça.
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado realiza nesta quarta-feira (28), a leitura do relatório do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) sobre a reforma da Previdência. O parecer foi apresentado na terça-feira (27), pelo parlamentar. A leitura é uma etapa necessária antes da votação da proposta na comissão, o que deve ocorrer no próximo dia 4.

Até o momento, 276 emendas foram apresentadas à PEC da Previdência no Senado, 124 delas entre terça e esta quarta-feira

O relator deverá dar um parecer sobre essas alterações até a votação da reforma na CCJ, na quarta-feira da semana que vem. Novas emendas ainda poderão ser apresentadas no plenário.

Cessão onerosa

Também nesta quarta-feira, a CCJ do Senado deve votar a proposta que divide os recursos do megaleilão do petróleo com Estados e municípios.

O leilão será realizado no dia 6 de novembro e tem outorga de R$ 106,561 bilhões. Desse total, a Petrobras ficará com R$ 33,6 bilhões, e Estados e municípios terão R$ 21,7 bilhões.

O relatório do senador Cid Gomes (PDT-CE) propõe que os valores sejam distribuídos seguindo os mesmos critérios do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

O governo negocia alterações na proposta para "carimbar" os recursos, que seriam necessariamente destinados ao pagamento de dívidas, Previdência e investimentos.


Acompanhe ao vivo:


Tags: Reforma da Previdência
A+ A-