Sesap seleciona Ongs com projetos de prevenção em DST/Aids

Dez projetos serão selecionados e cada um terá um apoio de R$ 40 mil.

Redação,
O Programa Estadual de Doenças Sexualmente Transmissíveis DST/Aids da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) lança, nesta sexta-feira (28), um edital para financiar Organizações Não Governamentais (Ongs). Para participar da seleção, as organizações têm de atuar junto a algum projeto voltado para as políticas de prevenção e educação em DSTs. A Sesap investirá cerca de R$ 400 mil na seleção.

Ongs de todo o Estado podem participar. Dez projetos serão selecionados e cada um terá um apoio de R$ 40 mil. As organizações sem fins lucrativos que desejarem concorrer deverão enviar seus projetos pelo correio para a Sesap, na Avenida Deodoro, 730, CEP: 59025-600, em atenção a Coordenadoria Estadual do Programa de DST/Aids, 5º andar.

O prazo máximo de envio é de até 30 dias úteis, após a data da publicação do edital no Diário Oficial do Estado. As Ongs que não trabalham com o tema, mas que se interessarem, poderão participar e ter o auxílio de consultores em saúde na elaboração do projeto.

Os temas dos projetos estão organizados a partir de bases epidemiológicas e sociais. Os trabalhos deverão abordar: prevenção para heterossexuais com prioridade para a mulher do lar; o estímulo e a adesão ao tratamento para as pessoas que vivem com HIV (crianças, adolescentes, adultos homens e mulheres); a prevenção para pessoas acima de 50 anos, com prioridade para mulheres; prevenção para homossexuais e bissexuais com prioridade aos homens; prevenção para adolescentes e jovens que não freqüentam escola, entre outros.

Serão criadas duas comissões. A comissão de habilitação - que analisa a documentação - e a comissão de seleção. Ainda estão sendo definidos os critérios de avaliação para selecionar as Ongs.

De acordo com a coordenadora do Programa de DST/Aids da Sesap, Celeste Rocha, "A cada dia que passa, a Sesap vem tentando aproximar cada vez mais as relações com as Ongs. Isto tem significado um grande avanço para nós. Estas verbas serão direcionadas para promover exclusivamente a assistência , prevenção, e prestação dos serviços de advocacia e direitos humanos", afirma.

Atualmente, a Sesap está trabalhando com 13 Ongs habilitadas para fazer trabalhos na rotina.
A+ A-