Pescadores já estão recebendo novas cestas básicas

Governo está contemplando mais de mil famílias prejudicadas pelo desastre.

Elaine Vládia,
Um alento para os pescadores que vivem da extração de peixes e crustáceos do Rio Potengi. Além de ter sido publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (29) a liberação do seguro-desemprego, as famílias prejudicadas também já começam a receber a segunda etapa de cestas básicas para amenizar os transtornos.

O Governo do Estado, por intermédio da Secretaria Estadual do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), iniciou nesta quarta-feira (29) mais uma distribuição de cestas básicas. Ao todo, a distribuição vai contemplar 1.085 famílias.

Pela manhã, 420 pescadores de Macaíba receberam o auxílio. Há mais 110 cestas a serem entregues naquele município, o que acontecerá até o início da próxima semana - a Sethas ainda definirá a data.

Nesta quinta (30), será a vez dos profissionais de Natal e São Gonçalo do Amarante. A entrega vai ser feita na sede da Colônia dos Pescadores de Natal, situada na rua da Floresta, no Canto do Mangue (bairro das Rocas), a partir das 9 horas.

Para Natal, foram cadastradas pela Colônia dos Pescadores 402 famílias. Elas receberão as cestas do governo na sede da entidade, no Canto do Mangue, às 9 horas. Às 14 horas, no mesmo local, será a vez do Governo do Estado entregar o benefício aos 152 pescadores cadastrados de São Gonçalo.

O cadastramento dos pescadores foi realizado pela Sethas e pela Secretaria Estadual de Agricultura, em parceria com as colônias dos pescadores de Natal e Macaíba e com a Federação de Pescadores do Rio Grande do Norte.
A+ A-