Conhecendo a gripe por dentro

Exposição levará conhecimento sobre o corpo humano a 16 municípios do RN a partir de novembro.

Gabriela Duarte,
Mostrar como o organismo reage, por dentro, às agressões climáticas. Esse é o objetivo da exposição “Influências das Alterações Ambientais no Sistema Respiratório”, que está aberta a visitação durante a Cientec 2007, na Praça Cívica do Campus.

Segundo o professor Carlos Eduardo, do Departamento de Morfologia, alterações ambientais podem causar diversos problemas respiratórios, devido esse sistema do corpo humano ser o mais sensível a mudanças climáticas.

"É o primeiro sistema a ser afetado com a mudança do clima, o que tem prejudicado a qualidade de vida da população. E serve como um alerta ao organismo de que algo está errado", afirmou. Segundo o professor, alterações climáticas podem causar doenças como sinusite, renite, bronquite alérgica e tuberculose. Ele ressaltou que a incidência desses casos no RN ainda é alta.

A tenda apresenta estruturas afetadas por essas doenças, identificando o efeito que elas ocasionam no órgãos respiratórios por meio de peças anatômicas e lâminas histológicas.

“O estande permite que o visitante conheça a própria anatomia para se prevenir das doenças. Estamos esclarecendo as principais causas e sintomas, para que a pessoa tenha a iniciativa de procurar o médico”, explicou.

Unidade móvel
A novidade deste ano é a implantação da tenda móvel, que permitirá que o projeto seja levado para o interior do Rio Grande do Norte.

A iniciativa que é patrocinada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) levará conhecimento sobre o corpo humano a 16 municípios do estado a partir de novembro, começando por Canguaretama.

A exposição está sendo realizada pelo Museu de Ciências Morfológicas, com o apoio do Departamento de Morfologia da UFRN.
A+ A-