Cabo é acusado de espancar filho

Major fez a denúncia nesta terça-feira (2) e caso será investigado pela DCA e Comando da PM.

Elaine Vládia,
Em uma noite em que prevaleceram pequenas ocorrências, uma chama a atenção: um policial militar estaria espancando o filho, quando foi denunciado por um superior. A ocorrência deu-se à Rua da Mangueira, no bairro Potengi, zona norte, e mesmo diante da não comprovação dos maus tratos pela equipe de plantão, será encaminhada para investigação.

Segundo informações colhidas na delegacia de plantão da zona norte, a denúncia foi feita pelo major PM José Esequiel. O cabo PM Paiva, integrante do Batalhão de Operações Especiais (Bope), estaria espancando um de seus dois filhos, de 9 anos, uma prática que já estaria sendo comum há pelo menos dois meses, segundo a vizinhança.

O major teria presenciado a situação e procurado a polícia para ir ao local. Segundo a agente da polícia civil Jane Cleide, a denúncia desse tipo de situação não é comum porque as pessoas têm medo. Porém, como o major tem patente superior foi mais fácil.

Mesmo assim, a denúncia não teria sido comprovada porque o cabo teria apresentado o outro filho ao invés do que estaria apanhando, informou Cleide. O boletim será encaminhado para a Delegacia da Criança e Adolescente (DCA) e o major foi orientado a encaminhar a denúncia também ao Comando da Polícia Militar para investigação.
A+ A-