AL homenageia a Fiern pelos seus 65 anos

Solenidade será realizada na segunda-feira, às 9h30.

Da redação, Fiern,
Divulgação
Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte é uma entidade sindical de grau superior com base territorial em todo o Estado.

A Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (Fiern) será homenageada pela Assembleia Legislativa do Estado, na próxima segunda-feira (3), com uma sessão solene em comemoração aos 65 anos de fundação. A solenidade será realizada às 9h30, no Plenário Deputado Clóvis Motta, por proposição do deputado Kelps Lima.

Fundada em 27 de fevereiro de 1953 e reconhecida por carta sindical em 14 de dezembro de 1953, a Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte é uma entidade sindical de grau superior com base territorial em todo o Estado.

Com a missão da instituição de fortalecer a indústria, atuando na representação e defesa de seus interesses, na promoção da educação profissional e qualidade de vida do trabalhador e no desenvolvimento tecnológico e empresarial, propiciando a melhoria da competitividade das empresas industriais do Rio Grande do Norte, de forma sustentável.

Cinco sindicatos estiveram na vanguarda da criação da Federação das Indústrias: Sindicato das Indústrias do Vestuário do Estado do Rio Grande do Norte, Sindicato da Indústria da Panificação e Confeitaria de Natal, Sindicato da Indústria de Extração de Sal no Estado do Rio Grande do Norte, Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário do Estado do Rio Grande do Norte e Sindicato das Indústrias da Mecânica e da Reparação de Veículos e Acessórios no Estado do Rio Grande do Norte.

Foram esses sindicatos que, reunidos na Delegacia Regional do Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio, aclamaram por unanimidade a nascente Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte, elegendo em seguida uma diretoria provisória.

O primeiro presidente da instituição foi Joaquim Victor de Hollanda. Em seguida, vieram João L. de Vasconcelos, Severino Uchôa Correia, Clóvis Motta, João Frederico A. Galvão, Augusto Alves da Rocha, Raimundo Chaves, Osório Bezerra Dantas, Euvaldo de Lima Maia, José Nilson de Sá, Expedito Amorim, Fernando Bezerra, Abelírio Rocha, Flávio Azevedo e Amaro Sales de Araújo.

Ao longo de sua história, o Sistema Fiern vem representando com maestria os legítimos interesses da indústria potiguar e contribuindo para o crescimento econômico do Estado, com metas embasadas na responsabilidade social e no desenvolvimento industrial.

O Sistema Fiern também  desenvolve e coordena estudos, pesquisas e projetos que visam orientar ações de cunho industrial e a busca de novos investimentos para o Estado.

Juntas, as instituições que compõem o Sistema (Fiern, Sesi, Senai e IEL) promovem ações que visam o desenvolvimento socioeconômico do Rio Grande do Norte.

Tags: Assembleia Legislativa Fiern homenagem
A+ A-