Lançamento do 1º Round Combat é marcado por provocações; confira principais declarações

Artur Dantas,

Empurra-empurra, cara fechada, declarações pouco amistosas e muito riso marcaram o lançamento da segunda edição do 1º Round Combat, realizado no início da tarde desta sexta-feira (8), na sala Macroex do Cinépolis, no Natal Shopping, em Natal (RN). Boa parte dos 28 lutadores que compõem o card do evento se encararam e trocaram provocações, com destaque para o baiano Edilberto Crocotá e Ciro Bad Boy (RN).O evento será realizado no próximo dia 6 de maio. 

O 1º Round Combat edição Natal terá como luta principal da noite o duelo entre o ex-UFC Fábio Maldonado e Felipão Dantas, ex-TUF Brasil 3, e conta com alguns dos principais lutadores do Nordeste como Anderson "Fala Mansa” Queiroz, Ciro Bad Boy, Edilberto Crocotá, Maurício Dedinho, Silmar Rodrigo, Yuri Jason, além do russo Khetag Pliev. 

Confira abaixo as principais declarações do evento.

Edilberto Crocotá

  • “Ciro, você será mais um na minha fila que eu vou colocar na lona. Se não for na lona vai ficar no varal estendido”.

  • “O que acontece? Ciro já apanhou de dois alunos meus: Neilson e Eric Parrudo. Com o professor vai ficar mais difícil. Ele esteja muito bem treinado porque eu sou um campeão, vivo a luta, eu moro a luta. Eu preciso dessa oportunidade para ganhar o mundo. Então, você vai ser meu passaporte.  Eu vou te espancar, vou te bater tanto, eu vou te bater mais do que você merece. E vou te bater tanto nem a sua namorada vai vai reconhecer você”.

  • "Eu não quero te nocautear rápido. Eu quero te espancar. Eu Não sei nem falar em quê eu vou te transformar, acho numa coisa mais feia do que tu é. Então, eu vou te falar uma coisa: você já assistiu às minhas lutas? Se você não tiver muito bem treinado vai ser rápida [a luta]. Eu vou te falar uma coisa, se prepare todo dia e mais um pouco”.

Já Ciro preferiu um tom menos provocador, mas não menos contundente.

  • "Sobre esses alunos dele aí isso aí já é assunto passado, página virada. A gente que é lutador tá pronto pra bater e apanhar, certo? Então, subi de divisão e não é você quem vai me parar não. Eu subi de divisão pra lutar não foi pra brincar nesse evento. Você não tá falando com nenhum pivete. E eu tô treinando, viu? Eu não vou falar muito não. No dia da luta a gente se vê e vai acertar essas contas aí. Eu quero saber eu e você. Não quero saber com quem você lutou. Eu também tenho nocaute e você não me faz inveja.  Eu tô pronto pra defender a bandeira da minha cidade”.

Na réplica, Crocotá continuou as provocações:

  • "Eu não sou de Natal, mas eu vou conseguir uma namorada aqui, vou casar, abrir uma academia aqui e você vai ser meu aluno”.

Ciro respondeu:

  • "Eu sou Kimura até morrer e mude essa sua ideia aí porque nenhuma mulher vai querer você não”. 

Sobre a troca de farpas entre ambos, que acabaram vazando no Whatsapp, inclusive quando se declarou chefe do Executivo municipal, Crocotá continuou.

  • "Eu queria me apresentar a vocês. Para quem não me conhece eu sou o Crocotá, o novo prefeito de Natal (risos), e você, Ciro, vai ser meu funcionário, meu filho. Meus secretários já estão presentes aqui (disse em relação ao ex-secretário municipal de Esportes, Eduardo Machado, e o atual titular da pasta, Dadau). É um prazer conhecer vocês, sinal que eu estou mandando na cidade. Como não poderia deixar de ser, Ciro Bad Boy, se prepare, vá varrendo aí”, disparou, arrancando gargalhadas do público. 

Ciro Bad Boy

  • "Minha palavra sobre essa luta é que vai ser muito show eu tô me sentindo bem nessa categoria (até 77 quilos). Na penúltima luta perdi muito peso, mas nessa última luta foi um sucesso (Nota do blog: Ciro foi derrotado na penúltima luta por Eric Parrudo, pela categoria até 70 quilos, em outubro de 2015, e acabou perdendo o cinturão do Jungle Fight, mas venceu Antônio Nêgo no Shooto Brasil 62, no dia 2 de abril deste ano) . Eu gostei muito dessa categoria e acredito que o próximo que passar na minha frente vai ser freguês. Então, sem comentário”.

Já Tarcísio “Psycho” e Yuri “Jason” Mariano mantiveram o nível alto das provocações quando questionados se as provocações eram teatro ou pra valer. 

Psycho

  • “É pra valer mesmo, só não sei se ele vai correr (risos). 

Jason

  • "Eu não passei um tempo em Curitiba fazendo treinamento com os melhores lutadores para chegar na hora do evento e ficar de brincadeira. Eu sou profissional e queria deixar um pouco do meu silêncio ficar fazendo barulho dentro da cabeça dele porque ele já fala muito”. 

Psycho

  • "Ele não tá nem no grupo de Whatsapp do evento. Vamos ver se ele vai ter coragem de entrar no octógono (risos). 

Jason

  • "Crocotá, por favor, dê umas aulas pra esse rapaz porque ele é muito fraco nas conversas deles. Quer dizer, pra lutar MMA tem que estar num grupo, é? Eu nem sou seu amigo, colega. Eu converso com pessoas que são minhas amigas, eu não sou seu amigo”.

Fábio Maldonado e Felipão Dantas, no entanto, preferiram amenizar o clima com declarações mais diplomáticas.

Felipão Dantas

  • "Obrigado a Deus e ao evento pela oportunidade do evento de estar realizando um sonho de lutar com uma pessoa que eu sou fã como atleta. Eu já falei que respeito ele como atleta, como pai, sempre acompanhei a carreira dele e agradeço a oportunidade de poder lutar com esse grande lutador”.

Fábio Maldonado "Caipira de Aço"

"Agradeço a oportunidade ao evento e primeiramente a Deus de estar aqui. Pessoal, aqui é meu recomeço e não é. Eu acho que a luta mais importante da vida da gente é a próxima e toda luta é 50-50.  Vocês viram aqui encarada, ameaça, mas quando chega dentro do octógono acabou o favoritismo. O Felipão vai ter a chance dele e eu vou ter a minha, vou bater na cabeça, no corpo. Vou tentar fazer o que eu sei fazer. Eu sei que ele troca porrada, faz jiu-jitsu também, luta é isso aí. Eu agradeço ao pessoal que torce por mim e aos Pitbull (Patrício e Patricky Pitbull) por terem  me recebido sempre, e mais essa vez. Vamos aproveitar”.

Único estrangeiro do evento, o russo Khetag Pliev também respondeu às perguntas sobre a mudança do wrestling para o MMA.

Khetag Pliev

"Você tem apenas duas lutas de MMA, mas é um dos lutadores mais habilidosos no wrestling, tendo vencido Chris Wiedman, ex-campeão dos médios do UFC. Por que só em 2015, aos 31 anos, e tendo um background tão bom na luta agarrada, você decidiu mudar para o MMA?"

  • “Pra mim o MMA ainda é um esporte muito diferente. Eu nunca planejei migrar do wrestling para o MMA porque meu objetivo era treinar para os jogos Olímpicos do Rio 2016. Esse era o meu objetivo, mas acabou acontecendo. São esportes muitos diferentes, mas ainda são muito físicos. Eu estou me adaptando nesse momento. Estou no MMA agora para chegar o mais longe que eu posso. Feliz ou não, minha preferência era continuar no wrestling, mas Deus tem outros planos e eu estou feliz no MMA.Vamos ver o que acontece e o quão longe eu posso ir”, respondeu ao blog Gladius. 

1º Round Combat - 2ª edição

Local: Ginásio Nélio Dias (Natal, Rio Grande do Norte)

Data: 6 de maio de 2016

Horário: 19h (de Brasília)

Transmissão: Combate (ao vivo)

Card principal

Fábio "Caipira de Aço" Maldonado x Felipão Dantas - até 104 kg (cinturão)

Edilberto "Crocotá" x Ciro "Bad Boy" - até 77 kg (superluta)

Juliana Velasquez x Elaine Albuquerque - até 61 kg (cinturão)

Tarciano "Pintinho" x Deninho "3 dedos" - até 57 kg (cinturão)

Card preliminar

Abraão Amorim x Augusto Matias Abdias - até 77 kg

Tarcisio "Psycho" Pierre x Yuri "Jason" Mariano - até 66 kg

Alexandre "Macaco" x Maurício "Dedinho" - até 77 kg

João Paulo "King" x Rodrigo "Digão" - até 93 kg

Khetag Pliev x Anderson "Fala Mansa" - até 84 kg

Alan Gomes x Murilo "Chacal" - até 57 kg

Amaury Jr. Mossoró x Carlos Eduardo "Carlim" - até 61 kg

Mateus "Pitbull" Vasco x Daniel Virgínio - até 61 kg

Jefferson "Spider" Rodrigues x Antônio Pompeu - até 70 kg

Silmar Rodrigo x Sandro "Apaga a Luz" da Silva - acima de 93 kg


Tags: 1º Round Combat Anderson Fala Mansa Fábio Maldonado Felipão Dantas Khetag Pliev
A+ A-