Formiga vence Ortiz por decisão unânime no UFC Brasília

Artur Dantas,

Foto: Getty Images

Jussier Formiga fez na noite deste sábado (24) a oitava luta no UFC, sendo a quarta no Brasil. Dessa vez em Brasília, o atleta da Kimura/Nova União superou Dustin Ortiz ao fazer o dever de casa e frustrar o jogo de wrestling do norte-americano, que mostrou uma estratégia semelhante ao do potiguar, de encurtar e tentar controlar o combate no chão. 

Mas foi Formiga quem conseguiu primeiro após uma troca de socos e chutes no inicio do combate. Ortiz encurtou, mas foi agarrado e levado para o chão. Por cima, Jussier não usou o ground and pound, porém trabalhou bem as transições com passagens de guarda até ser raspado. Por baixo, o faixa preta tentou um armlock e se defendeu evitando a passagem de guarda do oponente. 

A tônica dos rounds seguintes foi semelhante. Troca de socos no início do round e Formiga novamente caindo por cima na meia-guarda. Ortiz tentou girar e cedeu as costas. Jussier fechou o triângulo no corpo e ficou até o final do assalto buscando o mata-leão. 

O terceiro round foi o que registrou mais tempo de luta em pé. Formiga trabalhou os chutes, enquanto Ortiz usava as mãos para tentar abalar o atleta da Nova União. Porém, prevaleceu o que ocorreu nos rounds anteriores: Formiga levou pro chão, fechou o triângulo no corpo de Dustin e tentou a finalização por mata-leão. No final do assalto, Jussier encaixou o estrangulamento, mas Ortiz fez sinal de negativo, e se livrou da posição ficando por cima com Formiga pedalando. Resultado, vitória do potiguar por decisão unânime por 30-27, 29-27, 29-28.

Ao fim do combate, Formiga fez um balanço do combate.  “Eu poderia ter feito melhor, mas ele se defendeu muito bem. Agora eu quero descansar um pouco e lutar de novo no ano que vem. Quem eles me derem eu estarei satisfeito, mas se eu puder escolher, podem me trazer o campeão. ”

Frustrado, Ortiz declarou:  “Eu concordo 100% com o resultado. Estou 100% confortável com isso? Não, não mesmo. Ele fez tudo o que podia para não perder. Ele não tentou finalizar, não quis fazer uma luta empolgante. Ele venceu, mas foi tudo o que ele fez. “



Tags: Dustin Ortiz Jussier Formiga UFC Brasília
A+ A-