Terceira idade no mercado de trabalho reflete saúde e bem-estar

Gerlane Lima,

O número de idosos que ocupa o mercado de trabalho no Brasil é cada vez maior. O aumento se evidencia nos dados apontados pelo IBGE. Enquanto em 2012, 6,3% dos trabalhadores estavam na terceira idade, o índice subiu para 7,8% nesse ano.

Os avanços da medicina e estilo de vida mais saudável impactam diretamente essa força de trabalho cada vez mais presente. Maria Tereza, aos 68 anos, trabalha no departamento de relacionamento do Hapvida Saúde, conta que passou 50 deles no mercado com um segredo.“A vida é a maior motivação que a gente tem para continuar trabalhando e vivendo, porque trabalhar é viver’’.

Os benefícios para aqueles que ocupam esse espaço refletem também no bem-estar. A nutricionista Roseanny Cristina, do Hapvida Saúde, explica que essa rotina é um facilitador na qualidade de vida.“É necessário estabelecer esse vínculo com as atividades diárias para um melhor equilíbrio até do sistema neurológico’’.

Apesar da longa experiência que adquiriu durante seus anos de vida, Tereza se vê diante de novos conhecimentos todos os dias no seu trabalho.“A vida já é um grande aprendizado constante e, a cada dia, tenho uma oportunidade nova de vivenciar isso’’, enfatiza.

Os cuidados para manter essa disposição são esclarecidos pela especialista nutricional com atenção para a qualidade da alimentação.“O balanceamento das refeições e o acompanhamento por um médico e profissional da nutrição ajudam no desempenho para o idoso se realizar no mercado de trabalho’’, explica Roseanny Cristina.

Tags: mercado de trabalho Terceira idade
A+ A-