Mulheres são mais prevenidas do que homens, diz IBGE

Gerlane Lima,

Um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2019 aponta que no Brasil as mulheres se previnem mais que os homens. Os dados mostram que, em média, elas vivem entre 7/8 anos a mais que eles. Outra informação de destaque é que quando se trata de cuidados com a saúde, a ala feminina da população tem buscado cada vez mais tomar atitudes preventivas do que os indivíduos do sexo masculino. 

Esse comportamento é refletido na busca por serviços que ampliam a necessidade de se cuidar e de se planejar para o futuro em todas as áreas. O Grupo Vila, por exemplo, registra atualmente que 76% dos clientes titulares do Plano Sempre de Assistência Funeral são mulheres. Ou seja, os homens representam menos de um quarto deste número.

O dado expressa que, além do cuidado que a mulher tem com a própria qualidade de vida, há também o senso de responsabilidade sobre o futuro de sua família. Com faixa etária média de 55 anos, as clientes do Grupo Vila são, em sua maioria, as responsáveis por tomar a decisão de adquirir o plano, buscando assim a segurança de seus esposos, filhos e netos. 

Os números do Plano Sempre de Assistência Funeral representam o universo de mais de um milhão de vidas protegidas em 295 cidade do Rio Grande do Norte, de Pernambuco e da Paraíba, estados onde a marca está presente.

Tags: Grupo Vila mulheres
A+ A-