Arbitragem comum que custou mais de R$ 20 mil

Edmo Sinedino,

Nada de novo com Daronco. E muito menos nada que justificasse o gasto de mais de R$ 19 mil, segundo notas que me mostraram, e olha que ainda faltava a despesa da passagem de volta.

Anderson Daronco, a Fifa, para mim. teve uma atuação comum, pontuada por alguns erros sim. Parou demais a partida, e até deu cartão ao jogador do América quando, antes, em lance igual, não deu ao do ABC.

O trabalho do restante da equipe de arbitragem foi tranquila. A atuação "não tão boa" dele, no entanto, não teve influência na partida.

Enquanto isso, em São Paulo, no Itaquerão, Caio Max Augusto Vieira dirigia Corinthians 4 x 2 Avenida/RS, duelo da segunda fase da Copa do Brasil.


Tags: arbitragem caio max corinthians daronco enquanto
A+ A-