O dia a dia dos atletas do clubes menores de nosso Estado

Edmo Sinedino,

 Meu Deus! Como será que está sendo o dia a dia dos jogadores profissionais de nossos clubes pequenos e sem receita? Como será que está se virando a rapaziada do Palmeira, Globo, Potiguar de Mossoró e Assu?

E o Força e Luz? Os empresários que adquiriram o clube junto a Ranilson Cristino estão bancando o pagamento, café, almoço e jantar, contas de água, luz, telefone, feira, colégio dos meninos?

Se a situação do ABC, clube centenário, tradicional, de maior torcida do Estado, é calamitosa, de dívidas se acumulando, sem luz no fim do túnel, imagine os coirmãos. A gente nem sabe, parece que não existe animação nem mesmo para cobrar.

Me parece que, neste momento, América e Santa Cruz, clube-empresa, talvez, não é certeza, mesmo dentro do quadro caótico que vivemos, estejam conseguindo manter seus compromissos.

Clubes pelo Brasil estão fechando as portas. O Guarany de Sobral, me parece, encerrou atividades. Até o poderoso Santo André, de São Paulo, que faz boa campanha no Paulistão, não sabe o que fazer...

Espero que surja uma luz no fim desse túnel do futebol potiguar e possamos terminar o nosso campeonato.

Enquanto isso, sabe quem não está preocupado nenhum um pouco? José Vanildo da Silva, presidente da FNF. Afinal, com ou sem coronavírus o seu pagamento chega, não tenho nenhuma dúvida.

Para a sorte de todos os seus "colaboradores".



PSG Academy Natal realiza videoaulas durante isolamento

Edmo Sinedino,

severoJr_09Escola de futebol de Natal realiza série de videoaulas durante isolamento social

Professores da PSG Academy Natal gravam exercícios físicos e orientações com bola para alunos da escolinha, com material nas redes sociais da escolinha

Praticar exercício e manter a forma em quarentena não está sendo fácil para muitas pessoas. O isolamento social para evitar a propagação do coronavírus (COVID-19) mudou a rotina do mundo. Pensando nisso, os professores da PSG Academy Natal estão realizando videoaulas para repassar as atividades aos amantes do futebol.

Os vídeos estão sendo publicados nas redes sociais da escola. O primeiro episódio foi gravado pelo professor Severo Júnior, um dos responsáveis pelas atividades com a garotada. O material pode ser acompanhado pelo link https://www.instagram.com/p/B-IlUemF0bo/.

O professor ensina as técnicas para manter a boa forma aos alunos, pais e amigos. Os trabalhos passam pela parte aeróbica, com polichinelos e pulos. Em seguida, são feitos exercícios com o uso de bolas de futebol ou com meiões. A proposta é simular o controle da bola durante um jogo.

“São atividades de caráter preventivo, para a manutenção da boa forma. Nos vídeos, passamos alguns exercícios que realizamos com os alunos na PSG Academy Natal, para trabalhos físicos e com simulação de posse de bola”, explica.

A cada semana, um professor será o responsável por gravar sua videoaula eo conteúdo será divulgado nas redes sociais e no aplicativo da escola, disponível apenas para os alunos, que terá ainda conteúdos exclusivos.

Link com a primeira videoaula:

https://www.instagram.com/p/B-IlUemF0bo/

Foto: Divulgação / PSG Academy Natal



Tiago Orobó acerta com o Fortaleza e vai disputar a Série A do Brasileiro

Edmo Sinedino,

orobo234_09O empresário do atacante Tiago Orobó procurou a diretoria do América  nesta sexta-feira (27) e comunicou a assinatura do pré-contrato com o Fortaleza. O atacante deve se apresentar ao novo time logo após o fim do contrato com Alvirrubro, que aconteceria no final do mês de maio.

Não tinha como evitar, isso, todos sabiam, iria acontecer, pena que o coronavírus tirou a oportunidade do atacante encerrar, pelo menos, o Estadual defendendo o América e sua artilharia.

"Diante da falta de previsão do retorno das competições oficiais em razão da pandemia da Covid-19 que atingiu o país, as partes entraram em um acordo e o atleta foi liberado para disputar a Série A do Campeonato Brasileiro pela equipe cearense, que fez uma proposta irrecusável." A justificativa, plausível, irrefutável da direção rubra via twitter oficial.

Não é para comparar, ou fazer qualquer tipo de correlação negativa, só mesmo a lembrança de Matheus Matias que, na mesma situação, quando deixou o ABC para o Corinthians também era o artilheiro do Brasil.

Repito o que já escrevi, puxando a sardinha para a minha brasa: no primeiro treino do ano, Orobó foi o jogador, entre todos os contratados naquele dia, que mais me chamou a atenção. Ali fiquei sabendo que, se não aparecesse um treineiro para atrapalhar, daria, como deu, muitas alegrias à torcida rubra.

A repercussão entre a torcida foi positiva. Muitos lamentos pela saída, mas, acima de tudo, o reconhecimento pelo que ele fez ao longo de sua passagem e todos desejando boa sorte.

*Foto: twitter oficial do América


Diretoria se redime e torna sem efeito a demissão do roupeiro Joca

Edmo Sinedino,

jocasa_09Bom, felizmente, a tremenda injustiça foi corrigida. João Bernando da Silva, o nosso querido Joquinha continua trabalhando no ABC. Afinal, já se passaram mais de 50 anos que aquela figura magrinha, raquítica, gigante trabalha para o bem do alvinegro.

O agradecimento a todos que compraram essa briga, os ex-atletas que, de vários cantos do Brasil, mandaram gravações de protesto contra a descabida demissão. Isso tudo, espero, agora é passado, que nosso querido amigo possa continuar prestando seus preciosos serviços pelos anos que Deus lhe proporcionar.

À direção do alvinegro, ao presidente Fernando Suassuna, minha homenagem pelo reconhecimento do erro do voltar atrás, o que não é feio e nem pecado numa situação singular com essa.

E boa sorte, ABC, que todos juntos, no futebol do Rio Grande do Norte, possamos vencer esse inimigo poderoso, pois juntos, mas separados, em quarentena, em casa, seremos mais fortes. Em breve, se Deus permitir, tudo volta ao normal.



Clubes da Série B oficializam férias de 20 dias e falam em redução de salário de 25% se quadro não mudar

Edmo Sinedino,

Os primeiros a tomarem uma decisão. Os clubes da Série B cedem férias de 20 dias e falam em cortar 25% de salários. Foi do América de Minas Gerais que partiu a nota representando todo o grupo.

Clubes seguiriam a medida provisória 927, e optaram por conceder férias entre 1º de abril e 20 do mesmo mês, com opção de mais dez dias.

Dirigentes garantiram o pagamento do mês de março, no entanto, caso de prorrogação do  cenário de paralisação, os salários poderão sofrer redução de até 25%.

Não ficou clara a posição dos atletas, se é que houve alguma manifestação, o que pode ocorrer até este final de semana.



Na Europa, doações, campanhas; no Brasil, malabaris e desafios

Edmo Sinedino,

Idiotice é com o Brasil. Enquanto os jogadores da Europa fazem doações, participam de campanhas sérias na luta contra o coronavírus, aqui, com algumas exceções, o máximo que a gente vê são vídeos de patetadas.

Jogador fazendo embaixada com tubo de álcool gel e desafiando outros - Falcão, malabarista do futsal desafiando Vinícius Júnior e Rodrygo. 

Pato mostrando sua habilidade controlando um rolo de papel higiênico e por aí vai.

Tem quem ache positivo? Tem. E pode até ser, mas existem ações muito mais importantes a serem encabeçadas por atletas famosos, que têm fãs espalhados em todo o Brasil.

Ainda não entendo como, diante de tantas dificuldades, não tenhamos notícias no Brasil de doações daqueles que vivem no topo dessa pirâmide absolutamente injusta que rege o Brasil.



Américas do mundo na luta contra o coronavírus

Edmo Sinedino,

legal123_09Legal a interação e preocupação conjunta da luta contra o coronavírus. Os twitters de América de Natal, de Cali, na Colômbia, o América e mineiro e o ameriquinha do Rio de Janeiro bombaram com as mensagens trocadas.

Os torcedores gostaram da ideia. Faltaram se pronunciar alguns Américas espalhados pelo Brasil - Recife, Rio Preto. Não lembro se tem mais alguns, acho que sim.

 Lembrei também do América das Quintas, de Damião, uma das equipes de bairro que defendi quando garoto.

Claro, a citação do América das Quintas é de brincadeira.



O besteirol nosso de todos os dias

Edmo Sinedino,

Imbecilidades. Fábio Sormani, pródigo em besteiras, por isso tantas brigas no Fox Sports, afirma que "no campo, Sampaolli é melhor que Jesus". Como ele chegou a essa conclusão? O que isso quer dizer?

Nem ele sabe.

Depois, o comentário faz o comparativo dos resultados, jogo no Rio de Janeiro, 1 a 0 para o Flamengo, duelo em São Paulo, 4 a 0 para o Santos.

Duelo em São Paulo, Flamengo campeão, com o pensamento voltado para a final da Libertadores.

Minha nossa, quanta gente sem noção falando de futebol nesse Brasil. Não sei se foi esse mesmo "comentarista" que disse, depois de uma vitória do Corinthians, que o Tiago Nunes era o melhor treinador do Brasil.

Sampaolli pode até ser melhor que Jesus, mas você só pode afirmar uma coisa dessas se ficar um período de, no mínimo, 15 dias, acompanhando o trabalho de um e depois do outro.


Fifa propõe redução salarial, mas clubes não poderão rescindir contratos

Edmo Sinedino,

Em outro quadrante, com outra postura, mostrando uma interação e preocupação maior em relação ao que testemunhamos de CBF, Gianni Infantino, presidente da da Fifa propões baixar salários de atletas.

A reunião por videoconferência contou com a participação de representantes da  Associação de Clubes Europeus (ECA) e com a Federação Internacional de Jogadores Profissionais (FIFPro) para discutir como amenizar o impacto da paralisação dos certames por conta do coronavírus.

De acordo com diário espanhol  "Marca", fica acertada a criação de um fundo para membros da comunidade do futebol e que clubes europeus não podem rescindir contratos durante paralisação, mas que os jogadores negociem uma redução considerável dos seus salários.



Sem acordo, clubes definem somente as férias coletivas de 20 dias

Edmo Sinedino,

Sem acordo com atletas, clubes definem férias de 20 dias e pedem manutenção de fórmulas das Séries A e B. O assunto redução salarial deve ser resolvido mesmo entre clubes e jogadores, esse foi o resultado de mais uma reunição entre representantes de clubes e Fenapaf, que representa os atletas.

Com relação à CBF, a entidade se pronunciou apenas sobre a questão do calendário, que deverá ser cumprido e sem alterações.

" Ficou definido apenas a concessão de férias. São 20 dias agora e reavaliação da situação no dia 15 de abril. Lá se avalia novamente o quadro. Sobre a questão salarial, não houve nenhuma resposta definida. Cada clube vai definir com seus jogadores. Até porque são realidades muito diferentes - disse o secretário-geral da CBF, Walter Feldman.

Um absurdo, um canavial de dificuldades quando se fala em dinheiro. Incrível como, infelizmente, parece que a questão monetária se sobrepõe a tudo nesse nosso Brasil.

Mesmo diante de uma crise de pandemia os representantes, sem nenhuma liderança - CBF, clubes, jogadores, Fenapaf - os objetivos e tornam inalcançáveis.


Declarar campeão, falar sobre esse assunto, agora, me parece fora de propósito

Edmo Sinedino,

Me parece sem propósito essa discussão sobre o final do campeonato, declarar ou não campeão.  Nada a ver. Temos que nos preocupar, nesse momento, é com o coronavírus, preservando a saúde dos atletas e torcedores, além, claro, do cumprimentos dos deveres trabalhistas, tentando encontrar a melhor solução para todos.

Ainda acho que, neste momento de crise, é dever sim da Federação Norte-riograndense de Futebol interceder junto à CBF para apoiar e ajudar os clubes, até mesmo financeiramente, diante da impossibilidade da continuidade das competições.

Aos dirigentes de clubes, se mexer, criar mecanismos, campanhas junto aos torcedores, os de melhor poder aquisitivo, enfim, fazer trabalhar seus departamentos de marketing, cobrando criatividade, pois são nessas horas de aperto que surgem as grandes ideias.



Sindicato de verdade

Edmo Sinedino,

A notícia que muito me animou no Uol Esportes. A representação de atletas de São Paulo - de Corinthians, São Paulo e Palmeiras -, um novo sindicato presidido pelo ex-centroavante Washington Mascarenhas e com nomes como Alex, Fernando Prass e Paulo André.

Todos eles jogadores esclarecidos e que, ao lado de outros do mesmo nível intelectual e democrático fizeram parte do movimento Bom Senso FC. Eles vêm,  pela postura adotada, participando das negociações e adquirindo protagonismo. 

O Sindicato dos Atletas de Futebol do Município de São Paulo começou a ser fundado em 2018. Além de Paulo André, Alex (membros do conselho fiscal) e Prass (delegado), ele é composto por outros ex-atletas como Ricardo Berna, William Machado e presidido pelo ex-centroavante Washington.



Atletas se manifestam sobre a fala, desastrada, do presidente Jair Bolsonaro

Edmo Sinedino,

Tímidos, apolíticos, quando precisariam mais que tudo serem políticos e politizados, alguns atletas se posicionaram sobre a fala desastrada do presidente Jair Bolsonaro que tratou com descaso e irresponsabilidade a doença que está matando milhares de pessoas em todo o mundo e, claro, também no Brasil.

 O Daniel Alves só faltou se ajoelhar e pedir perdão por criticar.  Ramiro foi o mais firme e coerente ao mostrar preocupação com os pais e afirmou que o discurso o indignou;  Cristiane, do futebol feminino, classificou de inútil a fala; Sheila, do volley, apenas pediu que as pessoas fiquem em casa; Fabi, pediu que "não ouçam o presidente".



Doações na luta contra o coronavírus; nenhum brasileiro na lista

Edmo Sinedino,

Escrevi ontem sobre esse assunto. Ele volta à pauta hoje para aumentar minha vergonha em relação aos patrícios. Gente, não tem um brasileiro, pelo menos até agora, estou no final da noite desta quarta-feira (25), entre os doadores do combate ao novo coronavírus.

Pior: levamos outra goleada da seleção alemã, nós e o resto do mundo. A seleção doou o equivalente e R$ 13,6 milhões, 2,5 milhões de euros. 

Dias desses, aqui mesmo no blog, falei sobre o lucro da CBF, líquido de quase R$ 200 milhões. Esse Rogério Caboclo, presidente, não fica constrangido diante desse noticiário, e presidindo uma entidade milionário num país que está em crise financeira e de saúde?

Minha vergonha só aumenta, pois onde tem  tem Messi, tem Cristiano Ronaldo, e vice-versa, mas não tem Neymar e, volto a dizer, nenhum brasileiro.

Guardiola, Matuidi, Lewandovski, Inter de Milão, Mané, Ibrahimovich.

Registro especial para a dupla de atletas do Bayern de Munique Leon Goretzka e Joshua Kimich - que, além da doação conjunta de um milhão de euros ainda criaram a campanha "We Kick Corona", arrecadando mais de 3 milhões de euros e mais de 500 contribuintes.

Alguém faz campanha, doação, movimento no Brasil? De novo, pergunto: onde estão os senhores donos das maiores fortunas deste país? Encalacrados em suas mansões, protegidos contra o vírus e indiferentes ao resto do Brasil.



Fenapaf rejeita proposta dos clubes sobre férias e redução de salários

Edmo Sinedino,

Contraproposta de atletas rejeita corte de salários e pede garantias à CBF contra eventual calote. Situação complexa essa, muito dificilmente vamos ver acordo entre as partes. 

Se houvesse bom senso, o que é raro no mundo da bola, quem ganha mais contribuiria mais, e os que ganham menos nem teriam mudança em seus vencimentos, mas...

Em nota, federação nacional de atletas de futebol responde a ofertas feitas pela Comissão Nacional de Clubes. Confira o que pensam os representantes de jogadores. Nada de acordo.

A Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (FNAPF) rejeitou formalmente a proposta da Comissão Nacional dos Clubes (CNC) de redução de 25% dos salários dos jogadores durante o período de paralisação do futebol. 

Também rejeitou mudança no texto de férias, descartando os 20 dias, confirmando a manutenção dos 30 dias e mais 1/3 previsto na CLT.

O documento foi encaminhado nesta quarta-feira ao presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, representante da Comissão Nacional de Clubes (CNC).

Impasse entre clubes e jogadores exigirá liderança que não existe no futebol. Concordo com o que escreveu o jornalista Paulo Vinícius Coelho. A CBF, madrasta velha de guerra, "já tirou o braço da seringa" e não avaliza dívidas dos clubes. Servem para quê, CBF e federações?

*Com Globoesporte.com



Cristiano Ronaldo e Messi ajudam seus países na luta contra o coronavírus; e Neymar?

Edmo Sinedino,

Cristiano Ronaldo e um amigo empresário vão doar equipamentos de última geração para hospitais portugueses no combate ao novo coronavírus. Em quarentena na Ilha da Madeira em sua mansão, Cristiano Ronaldo mostrou solidariedade na luta contra a pandemia do novo coronavírus. 

Ele e seu empresário, Jorge Mendes, vão financiar a construção de unidades de terapia intensiva em dois hospitais de Portugal.

Cristiano e Mendes já entraram em contato com os hospitais, prontificando-se a custear todo o equipamento de duas alas de UTI no Hospital Santa Maria, em Lisboa, cada uma delas com dez leitos, e uma ala no Hospital Santo Antônio, no Porto, com quinze leitos.

A notícia, publicada no GloboEsporte e em quase todos os jornais do Brasil e do mundo. Na Espanha, o astro do Barcelona, Lionel Messi, confirma a doação de R$ 5,5 milhões de reais para hospitais da Espanha e Argentina.

Cabe a pergunta aos milionários craques basileiros, Neymar por exemplo, e aos multimilionários desse nosso país de tanta desigualdade social: e aí, ninguém vai fazer nenhum tipo de doação?

Onde está o "Véio da Havan", a família Marinho; aqui no Rio Grande do Norte, o megaempresário Flávio Rocha, atitudes como a de Cristiano Ronaldo e Messi não mexem nenhum pouco com a consciência dos senhores?

Seria demais esperar do Neymar uma ação como a de seus pares melhores do mundo. Mais importantes os iates, aviões e festinhas. Vários craques da Europa têm dado demonstrações de solidariedade, o que a gente não vê por aqui.



As Olimpíadas e Paralimpíadas de Tókio são adiadas para 2021

Edmo Sinedino,

As Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio 2020 foram oficialmente adiadas pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) nesta terça-feira por causa da pandemia de coronavírus. A decisão, já esperada, atende aos anseios do mundo.

 A decisão foi tomada após uma teleconferência entre Thomas Bach, presidente do COI, e Shinzo Abe, Primeiro-Ministro do Japão, para resguardar a segurança de atletas, técnicos e de todos que participariam diretamente ou indiretamente das competições. 

A nota oficial não informa uma nova data para as competições, mas diz que deverão ocorrer até o verão de 2021.

- Nas atuais circunstâncias, e com base nas informações fornecidas hoje pela OMS, o Presidente do COI e o Primeiro-Ministro do Japão concluíram que os Jogos da XXXII Olimpíada de Tóquio devem ser remarcados para uma data posterior a 2020, mas o mais tardar no verão de 2021, para proteger a saúde dos atletas, todos os envolvidos nos Jogos Olímpicos e na comunidade internacional - diz o comunicado do Comitê Olímpico Internacional divulgada nesta terça-feira.

É a primeira vez, na era moderna, que acontece um adiamento dos jogos. Antes, apenas nos períodos de primeira e segunda guerra mundial o fato tinha se registrado.

Em 1912, Berlim, na Alemanha, ganhou o direito de sediar os Jogos de 1916. Porém, com o estouro da primeira Guerra Mundial, em 1914, a competição foi cancelada.

As Olimpíadas de 1940 estavam marcadas para setembro de 1940 em Tóquio, no Japão. Mas, em 1938, os Jogos foram remarcados para Helsinque, na Finlândia, visto que os japoneses estavam em uma guerra com a China. Meses depois, com a Guerra Mundial já em andamento, a Olimpíada foi cancelada de uma vez por todas.



Teste do coronavírus do técnico Francisco Diá deu nagativo

Edmo Sinedino,

testedia_09O técnico Francisco Diá recebeu nesta terça-feira (24) o resultado do seu primeiro teste para saber se havia contraído o novo coronavírus, que se mostrou, para seu alívio, negativado. No entanto, nos próximos dias ele será submetido a um novo exame, uma contraprova, para, aí sim, ter a certeza de que não foi contaminado.

O treinador do ABC se queixou, dias atrás, de incômodo respiratório, cansaço, dores no corpo e aumento da temperatura do corpo, além de alguma tosse. Como tinha viajado e tido contado com diferentes pessoas em dois aeroportos do Brasil - Brasília e Marabá - foi encaminhado a fazer o procedimento que se aconselha nesses casos.

Aliviado, Francisco Diá lamenta o tempo parado, a incerteza que vive o futebol do Rio Grande do Norte, esperando para breve, porém, mesmo não tendo muita fé, na resolução dos problemas e volta das atividades do futebol em todo o Brasil.



Judas Tadeu: se confirmada a demissão de Joca eu não ponho mais os pés no ABC

Edmo Sinedino,

judastadeu_09O presidente Judas Tadeu Gurgel, ex-presidente do ABC, um dos mandatários mais queridos da Fasqueira, por ex-atletas e respeitados por sua história no clube, teria declarado aos amigos que se confirmada a demissão de Joca ele nunca mais poria os pés no clube, passaria na secretaria somente para entregar sua carteira.

Praticamente obrigado a pedir afastamento quando presidente, Judas Tadeu tem participado e acompanhado os movimentos da diretoria do ABC, tendo sido ele, inclusive, quem primeiro levou o atual presidente Fernando Suassuna para o convívio do clube, quando o fez vice-presidente de uma gestão do passado.

Antes da crise da saída de Joca, tive a oportunidade de conversar várias vezes com o Judas Tadeu e ele sempre indagava, cobrava dos "cardeais" que queriam a sua saída e garantiam apoio total para tirar o clube da crise assim que se confirmasse seu desligamento. "Cobro até hoje a iniciativa desses senhores e até agora, nada", me disse na ocasião.

Num outro momento, quando confirmado o nome de Fernando Suassuna na presidência, Judas Tadeu manifestou seu interesse em ajudar o novo mandatário, dando sugestões, conselhos, passando experiências que adquiriu em suas gestões."Sempre me coloquei à disposição do Suassuna, mas sempre fui ignorado, acho que o grupo que o acompanha não me quer por perto", disse.

Voltando ao assunto Joca, Judas Tadeu afirmou para amigos próximos, alguns ex-atletas entre eles, que a decisão da demissão do roupeiro Joca foi política, muito mais que administrativa e voltou a lamentar profundamente que essas pessoas que estão no comando do clube hoje ignorem tudo que o funcionário representa. "O ABC tem pouco mais de cem anos, destes, a metade Joca viveu", absurda essa decisão, teria afirmado..

*Foto: arquivo do portal nominuto.com


Direção do ABC ainda convive com a repercussão negativa da demissão do roupeiro Joca

Edmo Sinedino,

Continua a repercussão negativa pela demissão de João Bernardo da Silva, o Joca, roupeiro do ABC, que tem, ou tinha, nada menos que mais de 50 anos de serviços prestados ao clube. Em gravação, Joca lamenta ter sido demitido WhatsApp."Acho que eu merecia um pouco mais de consideração, que me chamasse para conversar, explicasse a situação, eu até entenderia, mas me demitr por zap", lamentou Joquinha.

Outro demitido que também causou indignação e protestos foi o administrador do estádio Frasqueirão, Luiz José. O funcionário que tinha 12 anos de ABC e que trabalhava sem carteira assinada, sem direito a férias, 13º e outras garantias obrigatórias, segundo testemunho de amigos está fazendo um sério tratamento médico e mesmo assim foi mandado embora do clube.

No twitter, o presidente do Consellho Deliberativo do ABC, Cláudio Emerenciano, que todos conhecem por sua lisura e comportamento inatacado, lamenta as decisões, justifica a posição do clube e afirma que Luiz José seria aposentado, o que teria um um impacto menor ao demitido. Logo depois, num grupo de zap, escuto da própria voz de "Seu" Luiz, como é tratado o funcionário, negando veementemente a afirmação. Ele garante que não é aposentado.

Segundo tomei conhecimento por intermédio de pessoas ligadas ao clube, a diretoria, o presidente Fernando Suassuna teria agendado um encontro com o roupeiro. Não sei se a notícia procede. No entanto, se não for agora, que seja depois de passada esse momento difícil que vivemos por conta do novo coronavírus, que haja realmente um encontro entre as partes e que a situação seja esclarecida.

O que entendo que João Bernardo da Silva, o Joca, pela história que tem com o clube ABC, serviços prestados e tudo que foi construído com seriedade, trabalho, decência e dedicação não pode ser encerrado com uma mensagem de WhatsApp.


1-20 de 10176