Dilma Rousseff segurou a tesoura em ano pré-eleitoral

Diógenes Dantas,
Wilson Dias/ABr

Véspera de eleição é assim mesmo: o governo federal anunciou hoje (22) um corte de R$ 28 bilhões no Orçamento da União deste ano, bem menor do que os dos anos anteriores.

Dilma Rousseff cortou o Orçamento, mas preservou os programa sociais - Bolsa Família, bolsa isso, bolsa aquilo.

Nos dois primeiros anos do mandato, a presidente estava com a tesoura mais nervosa: foram R$ 50 bilhões em 2011 e 55 bilhões em 2012.

O Ministério das Cidades - obras de saneamento, da Copa e mobilidade urbana - sofreu a maior perda este ano. Coisa de R$ 5 bilhões.

O governo contingencia, mas pode liberar a conta-gotas. É sempre assim.
A+ A-