Fecomércio e CEF apresentam Construcard renovado para aquecer venda de material de construção

Airton Bulhões,

 A Federação do Comércio do RN e a Caixa Econômica Federal apresentaram o formato do novo Construcard  que vai permitir a compra de material de construção em lojas credenciadas pela Caixa.

  Contratando o financiamento, o consumidor recebe um cartão de imediato e pode comprar o que for necessário para uma obra, que vai desde o material básico (areia, tijolo, cimento, encanamento, etc); o material de acabamento (pisos, azulejos e iluminação); a itens como piscinas, aquecedores solares, equipamentos de energia fotovoltaica, dentre outros.

  Após aprovação do limite de compras o cliente faz o parcelamento diretamente com a Caixa e tem até seis meses para efetuar a compra.

   A loja que efetuar a  venda recebe o valor total em até dois dias úteis. Além disso, o cliente Construcard conta com uma ampla rede de estabelecimentos credenciados; paga somente os juros durante a fase de utilização; dispõe de um aplicativo para acompanhar as compras e limites disponíveis; e recebe de SMS a cada compra realizada; entre outros.

  O varejo de materiais de construção no RN tem cerca de quatro mil lojas faturando em torno de R$ 480 milhões por ano, e gera aproximadamente 20 mil empregos formais diretos, ressalta o vice-presidente da Fecomércio e membro da Câmara Brasileira de Materiais de Construção da CNC, Luiz Lacerda (foto).36E98mV.jpg

  “Temos quase 100 itens financiáveis, com taxas de juros diferenciadas, que ficam entre 1,69% e 3,85%. O cliente vai sair da agência com o cartão em mãos, com valores liberados que ficam entre R$ 1 mil até R$ 200 mil, com um período de até seis meses para efetivar suas compras, e um prazo de até 240 meses para pagar”, afirmou o gerente regional Pessoa Jurídica da Caixa, José Ricardo Barbosa Gama.

  O lançamento dessa reformulação do Construcard,  foi realizado nesta quarta-feira na sede da Fecomercio e contou com a  o presidente Sindicato dos Representantes Comerciais e das Empresas de Representação Comercial no Estado do RN, Francisco Sales de Souza Neto; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Santa Cruz, Márcio Macedo; o diretor Executivo da Fecomércio, Jaime Mariz além de gerentes de agências da CEF assessores da Federação do Comércio.


A+ A-