Casa Durval Paiva é premiada como melhor Ong do Brasil pelo Instituto Doar

Airton Bulhões,

    Pelo excelente trabalho considerado inovador e muitos degraus acima de benemérito e que deve ser exemplo para o Brasil a Casa Durval Paiva foi escolhida como a Melhor Ong do Brasil na segunda edição do Guia Melhores Ongs, realizada na última quinta (1), no Museu de Arte Moderna - Parque do Ibirapuera em São Paulo/SP.dLBU06D.jpg

  A iniciativa da premiação é do Instituto Doar e da Rede Filantropia que receberam mais de 2.500 inscrições de todo o país. Em 2017, a Durval Paiva já havia sido contemplada como a melhor Ong do Nordeste, ficando também entre as 100 melhores do país.

  A premiação é resultado do trabalho de muitos que abraçaram a causa e ajudam na busca da cura dos pacientes e transformação da realidade social de centenas de famílias assistidas, como destaca Rilder Campos, presidente da instituição. “Esse prêmio é o somatório de forças de centenas de doadores, parceiros, voluntários, colaboradores e simpatizantes da nossa causa. Só temos a agradecer a Deus e a todos que juntamente conosco buscam fazer um trabalho transparente e de excelência no exercício da solidariedade e resgate da cidadania das crianças e adolescentes do Rio Grande do Norte”, afirma.

  O prêmio Melhores ONGs foi criado para valorizar as organizações  filantrópicas que se destacam pelo trabalho em prol da sociedade, com boas práticas de gestão e transparência.

   são avaliados os processos administrativos, contábeis, financeiros e de comunicação para selecionar as 100 melhores entre as mais de 800 mil instituições em atuação no país.

  A entrega dos certificados e troféus teve a cobertura da Editora Globo – Revista Época, Grupo Folha e outras mídias. Com esse trabalho, o Instituto Doar e a Rede Filantropia buscam estimular a melhoria contínua da gestão das entidades e criar espaços de visibilidade para que as ONGs encontrem mais doadores.

SAIBA MAIS 

 Há 23 anos a Casa Durval Paiva atende à criança e ao adolescente com câncer e doenças hematológicas crônicas e seus familiares durante e após o tratamento, buscando a cura, contribuindo para o resgate da cidadania, dignidade e a qualidade de vida. Nesse período, a instituição já beneficiou 1.514pacientes. Hoje, a Casa possui 1.099 pacientes cadastrados, sendo que 539 estão em tratamento.

SOBRE O INSTITUTO DOAR

O Instituto Doar tem como missão ampliar a cultura de doação no Brasil. Em cinco anos de existência, criou o Selo Doar, que certifica organizações em gestão e transparência, trouxe para Brasil o Dia de Doar (27/11), uma iniciativa que já está em mais de 20 países e agora lança a segunda edição do Guia Melhores ONGs, cujo objetivo é além de reconhecer ONGs exemplares, oferecer às pessoas um leque de opções de doação por todo o Brasil e das mais diversas causas.

SdsJly0.jpg
A+ A-